http://spumis.pt/
 
Homenagens : 

Avó

 
Avó
Minha querida e falecida avó, que saudades que tenho tuas, meu anjo....
O sol pôs-se e as nuvens vieram quando te foste...

Depois veio a chuva e a neve e o frio...
mas tu, nas lembranças que trazias, foste o meu luar e aguentei-me e segui caminho porque sabia que no fundo me dizias que tu nunca desitirias e sempre seguirias em frente.
sempre por ti segui e nunca de ti me esquecerei porque sempre foi a ti que mais amei, minha avó, a minha maior e mais profunda perda, não te aproveitei o suficiente em vida, ainda te choro depois de morta...amo-te.



Patrícia de Portugal

 
Autor
quimera
Autor
 
Texto
Data
Leituras
30553
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...