http://spumis.pt/
 
Poemas -> Amor : 

Minha Filha

 
Minha bebé pequenina
Que nasceste de mim!
Não há outro amor no Mundo
Como um amor assim!

És tudo o que sempre sonhei,
Tudo o que sempre quis.
Não há amor maior,
Nem que me deixe tão feliz!

Os teus cabelinhos loiros
Iluminam o meu dia!
Os teus olhos, tão castanhos,
Enchem meu coração de alegria!

Quando te ouço chamar “Mãe”
Com a tua voz tão docinha,
Só me apetece dar-te beijos
Nessa tua linda carinha!

Serás sempre o meu bebé,
Minha linda ternura!
Mesmo quando fores mulher,
Serás sempre a minha doçura!

Enches-me a vida de alegria,
Meu coração de amor!
Desejo que sejas sempre feliz
E que nunca conheças a dor!

Teus pais nunca conhecerão
Um amor tão lindo igual,
Mesmo quando forem velhinhos
Amar-te-ão tal e qual!

És um doce, uma ternura,
És linda e és vaidosa…
Inteligente, meiguinha,
E também um pouco teimosa!

És uma menina tão bela,
Tão fofa e tão querida!
És tudo o que sempre sonhei!
És mesmo a minha vida!
 
Autor
Vera Sousa
 
Texto
Data
Leituras
208178
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Angela
Publicado: 09/10/2006 14:20  Atualizado: 09/10/2006 14:20
Colaborador
Usuário desde: 28/09/2006
Localidade: Caldas da Rainha
Mensagens: 567
 Re: Minha Filha
Só uma poetisa com muito orgulho e com muito amor pela sua filha poderia dedicar-lhe um poema tão belo!

É tão pura a tua sensibilidade!

Beijo enorme.
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...