http://spumis.pt/
 
Poemas : 

ESTADO DE GRAÇA

 
Tags:  amor  
 
Aura leve
De silhueta iluminada
E doçura refinada
À insanidade me leve

De mansinho me carregue
Pelo universo sidéreo
Até o coração etéreo
De Vênus, para que me entregue

Diga-me palavras leves
Que venham me propor
A crer que haverá amor
A se amar em breve

Existência leve
Nesta aura circunscrita
Que terá fim não se acredita
Se a crença não for breve


sergio néspoli

 
Autor
néspoli
Autor
 
Texto
Data
Leituras
329
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...