http://spumis.pt/
 
Poemas : 

Imortal...

 
Open in new window


"Sou alma do cerrado, pé no chão, do Triângulo, do chapadão... Pão de queijo com café, fogão de lenha,das vilas ricas, arraiais, sou filho de Araguari, das Gerais".
Luciano Spagnol




 
Autor
LucianoSpagnol
 
Texto
Data
Leituras
629
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
2
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 20/08/2012 22:21  Atualizado: 20/08/2012 22:22
 Re: Imortal...
Que bonito poema retratando a poesia como "imortal"...e é, independentemente do cantar, de dor, de alegria, é uma reflexão, ela está sempre ali presente, é um pensamento direcionado, a determinado acontecimento, que por vezes torna-se numa filosofia de vida, coletiva e/ou universal...

Essa imagem tá "um must" o ser aí como uma sombra aliado a umas gaivotas que o faz voar entre essa cor de fogo quizás simbolizando o seu estado interior, o estado poético no mundo da utopia...

Abraços
Luzia

Enviado por Tópico
Chinezzinha
Publicado: 20/08/2012 22:30  Atualizado: 20/08/2012 22:30
Super Participativo
Usuário desde: 07/08/2007
Localidade:
Mensagens: 176
 Re: Imortal...
LucianoSpagnol,
esse poema fez-me lembrar alguém... obrigada.:)
adorei a maneira como escreves.
:)
bjs
Ana
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...