Luso-Poemas
Registre-se agora!     Entrar

Links patrocinados



Menu de poemas

Quem está aqui

108 visitantes online (42 na seção: Poemas e Frases)

Escritores: 0
Leitores: 108

mais...

Licença

Licença Creative Commons

Proteção anti-cópia

Protegendo os seus poemas com Tynt

Poemas -> Saudade : 

É DIA DE CIRCO!

Tags:  circo; palhaço; alegria; pipoca;  
 
É DIA DE CIRCO!
 

 
É DIA DE CIRCO!

by FatinhaMussato

O circo vem aí,
Quem chora tem que rir...
Os caminhões desfilam pelas ruas da cidade...
Música alta,
E a criançada atrás a gritar...
Alegria geral!
E o palhaço o que é?
-É ladrão de muiéééé!
-É ladrão de muiéééé!
Hoje tem marmelada?
-Tem sim senhor!
-Tem sim senhor!
A comitiva segue seu curso...
A noite chega
E com ela a hora do espetáculo!
Todos para fila...
Comprar os ingressos...
Sussurros... Risadinhas...
Explosão de alegria!
Sentados na arquibancada,
Comendo pipocas,
Chupando pirulitos,
Algodão doce...
A meninada espera
Ansiosamente...
Enfim, o sinal!
O espetáculo vai começar!
Senhoras e senhores!
Meninas e meninos!
Vai começarrrrrrrrrrrrrrr
O Maiorrrrrr Espetáculo da Terra!
E o palhaço o que é?
-É ladrão de muiééé!
-É ladrão de muiééé!

INÉDITO
Jales (SP), 05/agosto/2008 – terça-feira – 17h00

Clique para ver a imagem original em uma nova janelaClique para ver a imagem original em uma nova janela



Direitos Autorais Reservados /
Lei nº 9.610 de 19/02/1998

Faça-se feliz... Sempre!

Imagem: NET

Música:
Autor
FatinhaMussato
Autor
Textos deste autorMais textos
Rss do autorRss do autor
EstatísticasEstatísticas
 
Texto
Data
Leituras 17467
Favoritos 1
Licença Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
Enviar este texto a um amigoEnviar
Imprimir este textoImprimir
Salvar este texto como PDFCriar um pdf
Partilhar
0
0
0
Recentes
SAUDADE DO PRIMEIRO AMOR!
LEMBRANÇAS DE OUTONO!
FUGA EM MASSA!
RECORDAÇÕES...
DESPERTANDO EMOÇÕES!
Aleatórios
SAUDADES DE MAMÃE!
FILHOS DE NINGUÉM!
SONHO COM OS SONHOS SONHADOS POR VOCÊ...
LÁGRIMAS DE ORVALHO!
CRIANÇAS SÃO JÓIAS!
Favoritos
À SOMBRA DA MANGUEIRA GRANDE - wagner
Aos Desaparecidos... - apollo 11
ESPERANÇAS - Paulo Gondim
poema a um Mulherão - jaber
Sonho-te... - Moura365
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Maria Verde
Publicado: 06/08/2008 03:02  Atualizado: 06/08/2008 03:02
Colaborador
Usuário desde: 20/01/2008
Localidade: SP
Mensagens: 3540
 Re: É DIA DE CIRCO!
que lindo! adorei!

amo circo, fez parte da minha infância!
o seu clima lúdico me acompanha até hoje.
Por sinal, acabou de chegar um circo em minha cidade

viva o circo!

beijos

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 06/08/2008 03:08  Atualizado: 06/08/2008 03:08
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ Maria Verde
Assim como tu, também adoro circo e até hoje, quando chega algum em minha cidade, gosto de chamar os netos e presenciar o espetáculo! Hoje eu ouvia a música "ALEGRIA" DO CIRQUE DI SOLEIL, todas as emoções dos tempos de criança vieram à minha mente e saiu esse texto!
Viva o Circo!!!
Beijos e Luz para ti!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 06/08/2008 03:08  Atualizado: 06/08/2008 03:08
 Re: É DIA DE CIRCO!/FATINHA MUSSATO
QUERIDA AMIGA E ILUSYRTE POETISA, ENTREO NO PALCO POIS O PALHAÇO SOU EU SEMPRE CHEIO DE ALGRIA DAR E RECEBER, O CIRCO É ESTA IMENSA VIDA QUE NOS RODEIA QUE NO QUAL SENTADOS OU CAMINHANDO VAMOS VENDO AS PALHAÇADAS.

AQUI EM MACAU CIRCO NÃO VEM TEMOS OUTROS DIVERTIMENTOS, PIPOCAS E ALGODÃO ESSE OS HÁ BEM COMO MENINAS QUE SEUS PALHAÇOS AO LADO VÃO FAZENDO MARMELADA À BEIRA MAR.

QUE BELO CIRCO AMIGA CUIDADO COM AS FERAS SOMENTE.

UM ABRAÇO AMIO JÁ ME FEZ RIR E SOU EU O PLAHAÇO POBRE MAS NÃO LADRÃO, OU O SEREI TALVEZ? NÃO SEI, MAS LADRÃO DE AMIZADES.

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 06/08/2008 03:13  Atualizado: 06/08/2008 03:13
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO!/ KAM MEI TA
ADOREI SEU COMENTÁRIO, AMIGO QUERIDO!
SAUDADES DE NOSSAS CONVERSAS, VIU?
SEMPRE A MAGIA DO CIRCO ESTARÁ PRESENTE EM NOSS'ALMA POÉTICA E CHEIA DE ILUSÕES, COMO O PRÓPRIO CIRCO!
BEIJOS E MUITA LUZ AO TEU JÁ ILUMINADO CORAÇÃO!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 06/08/2008 03:19  Atualizado: 06/08/2008 03:19
 Re: É DIA DE CIRCO!
Querida Poetisa, o teu poema me pôs debaixo da lona do Circo Garcia. Fui lendo e lembrando de quando criança. Olha que fazem muitos anos... no entanto; foi fácil voltar ao tempo, bastou eu caminhar entre seus versos. Parabéns Fatinha. Adorei.
Um beijo e um abraço fraterno.
Silveira

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 06/08/2008 03:30  Atualizado: 06/08/2008 03:30
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ JoséSilveira
Obrigada, Silveira! Suas palavras são o que todo poeta quer ouvir: que conseguiu-se o intento de conduzir o leitor numa viagem de sonhos!
Beijos e Muita Luz ao seu coração!
Fatinha.

Enviado por Tópico
De Moura
Publicado: 06/08/2008 03:29  Atualizado: 06/08/2008 03:29
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2007
Localidade: USA / NJ
Mensagens: 752
 Re: É DIA DE CIRCO!- To Fatinha Mussato
Olá Fatinha,

Que lindo seu poema...uma autêntica alegria escrita com imagens de imensa felecidade que o circo nos tráz...

um beijinho,
A.

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 06/08/2008 03:46  Atualizado: 06/08/2008 03:46
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO!- To De Moura
Obrigada, linda poetisa!
É realmente uma alegria grande, aquela que o circo com suas lembranças, nos proporciona!
Beijos e Luz ao seu coração!

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 06/08/2008 04:01  Atualizado: 06/08/2008 04:01
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14620
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ FatinhaMussato
Querida Fatinha

Quanta alegria neste teu poema
não há quem não lembre da alegria
de ir ao circo é uma pena que hoje
em dia existam tão poucos...
Está lindo teu poema uma alegria
que contagia....Parabéns!

Beijinhos no coração

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 06/08/2008 04:13  Atualizado: 06/08/2008 04:13
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ ângelaLugo
Que bom que gostou, Ângela querida!
É mesmo uma pena que hoje não hajam tantos e tão bons circos como em minha infância, mas ainda assim eles nos trazem muita alegria!
Beijos e Luz!
Fatinha

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 06/08/2008 05:01  Atualizado: 06/08/2008 05:01
 Re: É DIA DE CIRCO!
Fatinha,
Teu poema despertou toda a magia do circo visto pelos olhos de quando eu era menina.O Circo na cidade era festa e alegria garantida para a garotada!Maravilhosas lembranças!
Bjins, Betha.

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 09/08/2008 05:44  Atualizado: 09/08/2008 05:44
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ Betha M. Costa
Como é bom saber que pudemos proporcionar um reviver de alegrias a uma pessoa linda e meiga como você, Betha!
Beijinhos em seu coração!
Fatinha.

Enviado por Tópico
Alberto da fonseca
Publicado: 06/08/2008 11:39  Atualizado: 06/08/2008 11:39
Colaborador
Usuário desde: 01/12/2007
Localidade: Natural de Sacavém,residente em Les Vans sul da Ardéche França
Mensagens: 7072
 Re: É DIA DE CIRCO!
Que saudades do circo da minha infancia!
Ia para o circo vender... Pirolitos ou gasosassss!!! assim entrava de graça para ver todos os dias o mesmo espéctaculo, mas adorava
Parabéns e agradeço de ter trazido até aqui a minha mocidade
Bjs poetisa
A. da fonseca

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 07/08/2008 21:03  Atualizado: 07/08/2008 21:03
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! P/ Alberto da Fonseca
Obrigada, Alberto!
Fiquei muito feliz em saber que te conduzi de volta à mocidade, da qual temos tantas saudades!
Beijos n'alma!
Fatinha

Enviado por Tópico
Zélia Nicolodi
Publicado: 06/08/2008 12:32  Atualizado: 06/08/2008 12:32
Colaborador
Usuário desde: 18/01/2008
Localidade: Curitiba - PR.
Mensagens: 983
 Re: É DIA DE CIRCO!
...bonito!!!
Como os outros poetas, lembrei minha infância... Adorava circos!

Você retratou muito bem, a alegria que reina por debaixo da lona, por vezes já bem remendada...


Beijos de luz!!!

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 09/08/2008 05:46  Atualizado: 09/08/2008 05:46
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ Zélia Nicolodi
E quanto mais remendada, mais alegria, não é mesmo?
Obrigada por comentar meu texto, Zélia!
Beijinhos em seu coração!
Fatinha.

Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 06/08/2008 15:32  Atualizado: 06/08/2008 15:32
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: É DIA DE CIRCO!
Esse belo texto me fez voltar no tempo!Parabens por tão belo trabalho!

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 09/08/2008 05:31  Atualizado: 09/08/2008 05:31
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ Gil de Olive
Reviver as coisas boas do passado é sempre muito bom!
Beijinhos em seu coração!
Fatinha.

Enviado por Tópico
Ibernise
Publicado: 07/08/2008 05:07  Atualizado: 07/08/2008 05:07
Colaborador
Usuário desde: 04/10/2007
Localidade: Indiara(GO)
Mensagens: 1458
 Re: É DIA DE CIRCO!
Querida Fatinha, gostei muito de seu poema, vou recomendá-lo. Transmite a magia do circo, a doce alegria infantil e tem um conteúdo riquíssimo para ser trabalhado em sala de aula. Adorei!!!

Bjs

Parabéns

Ibernise

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 07/08/2008 21:56  Atualizado: 07/08/2008 21:56
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ Ibernise
Nossa, Ibernise, teu olhar foi muito além da minha imaginação! Beijos n'alma!
Fatinha.

Enviado por Tópico
apollo 11
Publicado: 08/08/2008 02:24  Atualizado: 08/08/2008 02:24
Da casa!
Usuário desde: 12/10/2007
Localidade: Ermesinde
Mensagens: 221
 Re: É DIA DE CIRCO!
Eu vou ficar na fila noite e dia até, conseguir um ingresso para assistir a este maravilhoso espectáculo, descrito por você Fatinha, de uma forma tão divertida e ao mesmo tempo tão sublime. Dou-lhe os meus sinceros parabéns por mais um grandioso e expressivo texto.

Viva o circo!
E viva você também!!!

Mil Beijinhos de grande amizade...

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 09/08/2008 00:03  Atualizado: 09/08/2008 00:03
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2105
 Re: É DIA DE CIRCO! p/ Apollo 11
Amigo, fico feliz em saber que gostou do meu "Circo"!
Valorizo muito o teu comentário e prezo muito a tua opinião, pois amigos são aqueles que nos apóiam quando precisamos, mas que também dizem a verdade no intuito de nos auxiliar!
Beijos n'alma e Raios de Luz ao teu coração!
Fatinha.

Login

Usuário:

Senha:

Recordar senha



Esqueceu a senha?

Registre-se gratuitamente!

Leia também

Comentários Recentes

Luso Pensamentos

Frase

É incrível que, no intuito de justificar as nossas crenças, coloquemos Deus na terra e o Homem no céu

(Garrido)



A folha

A folha cai no verão.
( Era folha de papel)
Não consigo pegá-la
Porque o vento é forte
E me leva para longe.

Matheus



Insanidade perfeita

Sinto-me cansada
Já me faltam as palavras!
As que saboreio entre dissabores
Da minha própria loucura
Já não sinto o meu corpo
As vogais consomem-no
Adormece em brandas consoantes
Ficam tantas frases por dizer
Aquelas,
Que já não consigo escrever,
Falta-me a força
A caneta começa a tremer
Soluça.
O meu olhar constrói
O que meu pensamento rejeita
Esta sou eu,
A doce mulher
A insana, poeta...

(ConceiçãoB)



Tempestades

Tudo em mim, são dias de tempestades...
Por isso entrego minha alma à poesia
E meus dias a escrever versos
E meto uns poemas em velhas garrafas
E as levo para as águas intermináveis dos mares
- revoltos e tristes -
E as lanço, na singela esperança
De que um dia alguém os leia
Ainda que meus pés não estejam mais sobre este chão
E meu corpo tenha sido já lançado no ventre desta terra impura
E minha alma tenha também partido
- para a imensidão do infinito com que sonho,
ou para o abismo solitário que me amendronta...

(Vanessa Marques)


vaga-lume

... beijar-te

- era ser
pássaro azul
dedilhando ugabe

era levitar
beber das nuvens
e desfolhar os céus

era um doce caminhar
sem tocar o chão
estirpes desaguando
em aljôfar...

era dédalo a calar-me
se acontecia
cascata de sonhar-me
na boca que feliz
se fenecia

- e era livre
sendo chama
toda asas
vaga-lume
brilhante
como quem ama.

(RoqueSilveira)


Nós de poesia

A vida é feita de incompletudes...
Como os bares de mesas vazias
Nas calçadas
Ou as longas estradas
Repletas de nada dos dois lados

Ainda assim, escrevo
Mesmo sabendo que em mim
desatam-se nós de poesia
E atam-se outros em seguida.

O fato é que
Daquilo que me resta
Faço-me humanamente completa
meramente humana...

(Vanessa Marques)



Frase

"Amor" é o presente dado sem esperança de retorno,
e o que esperamos é apenas que não seja rejeitado

(Junior A.)



Frase

Como posso explicar
Esta dor
Invasora
Da minha alma
Senão dizer
Que és a mentira
Mais verdadeira
Da minha vida...?

(Raquel Naranjo)



Frase

O amor é como a justiça:
Injusto e cego.

(TrabisDeMentia)



guardanapos

do nosso beijo,
muralhas

do nosso amor,
migalhas

do nosso verbo,
mortalhas

dos nossos papos
poemas
em guardanapos

(Niké)



Sexto sentido

Tenta ouvir o silêncio...
Ver a luz na escuridão profunda...
Cheirar o aroma da mais pura água...
Sentir a textura do vento...
Saborear a doçura do sal...
Quando o conseguires...
Irás te descobrir...

(gera)



Só saudade

Dor que sente
Dor que não se mede
Que vai e vem

Com a vida vou rolando
Com a dor vou buscando
Talvez alívio...

Quando doer que seja
Sem deixar morrer
Só saudade...

(amasol)



A foz

Se cada coisinha que eu sei correspondesse a um rio... E se cada um deles desaguasse na mesma foz...Esta não teria senão o tamanho de uma bacia bem pequenina na qual eu refresco os meus cansados pés. Os rios seriam tão curtos quanto a minha felicidade, tão estreitos quanto a minha existência, tão secos quanto a minha solidão. Mas talvez, talvez bem no fundo da bacia, talvez para lá das lágrimas turvas, e para que eu me possa orgulhar, talvez sorriam dois peixinhos, que eu, apesar da distância possa contemplar! E quem sabe... Uma flor se incline e faça nascer, na foz uma flor que eu possa colher!

(TrabisDeMentia)
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...