http://spumis.pt/
 
Poemas -> Tristeza : 

Sozinho

 
Sinto-me sozinho.
Triste mesmo. Com uma vontade de chorar.
Queria um pouco de carinho. Não vão.
Não mendigado. Não esmigalhado.

Queria deixar de sentir-me desamparado
Amigos. Já não servem.
O passado, já passou.
O futuro, está tão escuro.

Sinto-me sozinho.
Desesperado. Queria conversar. Abraçar.
Talvez, aprender a amar.
Quiça, sonhar.

A paixão se esvaiu. Distraiu. Desiludiu.
Passou e magoou. Tudo parece que estagnou.
E, sinto-me sozinho.
Calado. Sedado. Sozinho.


Oh ego Laevus!

 
Autor
Raul de Oliveira
 
Texto
Data
Leituras
6569
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Pedra Filosofal
Publicado: 11/08/2008 10:08  Atualizado: 11/08/2008 10:08
Colaborador
Usuário desde: 17/09/2007
Localidade: Barreiro
Mensagens: 1279
 Re: Sozinho
Acho que todos, sem excepção, se sentiram um dia assim.. há que ter confiança e pensar que irás ultrapassar essa fase e voltar a encontrar o amor

Enviado por Tópico
shirley
Publicado: 11/08/2008 16:55  Atualizado: 11/08/2008 16:55
Da casa!
Usuário desde: 22/06/2008
Localidade:
Mensagens: 351
 Re: Sozinho
Muitas vezes a solidão é um atróz algóz....e por medo dessa solidão é que queremos alguem por perto só pra nos dizer que não estamos sós. Profundo poema, mas gostei muito, escreves com desenvoltura

Enviado por Tópico
ellianaalves
Publicado: 30/08/2008 15:48  Atualizado: 30/08/2008 15:49
Colaborador
Usuário desde: 14/06/2008
Localidade: Petrolina-PE
Mensagens: 567
 Re: Sozinho
Amei teu poema
mais a solidão tem preço viu
paga a ela com amor,felicidade
alegria,que logo,logo tu fica livre dela.

Bjs e estive no teu blog,
muito bom teu cantinho,bom dia!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 09/09/2008 21:51  Atualizado: 09/09/2008 21:51
 Re: Sozinho
Não estás só!
Um dia compreenderás!
Nesta fase terás de superar os obstáculos que se te deparam!
Assim é que evoluirás!
Escreve-te quem lutou e superou coisas fortes!

Abraço solidário
e sempre ao dispôr

Enviado por Tópico
Raul de Oliveira
Publicado: 06/07/2012 06:18  Atualizado: 06/07/2012 06:18
Muito Participativo
Usuário desde: 26/11/2007
Localidade: São Paulo
Mensagens: 87
 Re: Sozinho
4 anos depois, ao menos não preciso reescrever o poema.
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...