Luso-Poemas
Registre-se agora!     Entrar

Links patrocinados



Menu de poemas

Quem está aqui

117 visitantes online (55 na seção: Poemas e Frases)

Escritores: 0
Leitores: 117

mais...

Licença

Licença Creative Commons

Proteção anti-cópia

Protegendo os seus poemas com Tynt

Poemas -> Amizade : 

Estes versos teus...

 
Tua vida sempre presente
Em minha vida também
Cada vez mais apaixonadamente
Quero-te como ninguém.

Sempre terei o prazer
De em tua vida entrar
Existe em mim um mais querer
De em ti querer confiar.

Pelos poemas que fazes
Pelos versos teus, e “ meus”
Em minha vida sempre trazes
Um pedacinho do céu.

Fica em mim, é o que eu te peço
Dá-me todo o teu encanto
Nem sei bem se te mereço
Mesmo assim, te quero tanto.

Abriga meu sentimento
Leva-me sempre contigo
Dentro das asas do vento
Serás meu porto de abrigo.

Fazes-me sempre sorrir
Em ti sempre acreditar
Quando leio os versos teus
Deixas-me sempre a sonhar.

Sentir neles o teu carinho
É viver sempre a saudade
É como encontrar o caminho
Voar sempre em liberdade.

E no regresso a casa
Á vida de todos nós
Sabe bem sentir a graça
Sentir que não estamos sós

Como é bom ter teu carinho
Ter alguém com quem sonhar
Como é bom ter-te comigo
Ter algo para partilhar.

Não te vás fica comigo
Nos versos teus me encontrei
Quero ser sempre teu amigo
Nunca mais te esquecerei.









A verdadeira sabedoria existe dentro de nós...apenas temos que encontrar o nosso próprio espaço.


Na simplicidade destes versos, feitos para ti...fica o respeito de um amigo, de um admirador, pois cada letra do poema ou verso que escreves, parte de mim voa para ti...o partilhar de emoções que não morrerão jamais...como uma pequenina semente, multiplicar-se-ão os meus afectos por ti...como as estrelas no firmamento da nossa própria existência...tu e eu.
Autor
fernandobarbosa
Autor
Textos deste autorMais textos
Rss do autorRss do autor
EstatísticasEstatísticas
 
Texto
Data
Leituras 2034
Favoritos 0
Licença Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
Enviar este texto a um amigoEnviar
Imprimir este textoImprimir
Salvar este texto como PDFCriar um pdf
Partilhar
0
0
0
Recentes
Um grito de esperança, pela mudança do meu país…
Hoje vou dormir em paz…
Palavras com peso e medida…
Todo o tempo para te amar…(1)
Pela escrita dos poetas imortais…
Aleatórios
Viva e eficaz é a alma do poeta.
Uma lição de vida...que jamais esquecerei.
"Deixa que eu seja só teu"
Dona do meu coração
"Ter um amigo"
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 13/04/2009 16:30  Atualizado: 13/04/2009 16:30
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 10917
 Re: Estes versos teus...
Fernando,
Bonitos e aconchegantes versos de amor.
Abraço
Nanda

Enviado por Tópico
fernandobarbosa
Publicado: 13/04/2009 17:44  Atualizado: 13/04/2009 17:44
Colaborador
Usuário desde: 27/08/2008
Localidade:
Mensagens: 591
 Re: Estes versos teus...
Na simplicidade dos versos
Na imaginação tão sentida
Para si são meus afectos
Jamais será esquecida.

Obrigada pois não esqueço
Sua presença e seu carinho
Aceite o meu apreço
Da simplicidade de um amigo.

Com gratidão:
Fernando

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/04/2009 02:12  Atualizado: 14/04/2009 02:12
 Re: Estes versos teus...
Mas uma vez as palavras faltam para descrever tanto amor e carinho!

Feliz dessa mulher que contigo pode partilhar tanto amor!

As vezes precisamos desse conforto e porto para nos abrigarmos das tempestades da vida!

Beijos com carinho!

Rosa

Enviado por Tópico
fernandobarbosa
Publicado: 14/04/2009 23:02  Atualizado: 14/04/2009 23:02
Colaborador
Usuário desde: 27/08/2008
Localidade:
Mensagens: 591
 Re: Estes versos teus...
Acredita que desta vez os versos foram feitos a pensar em todos os que com alegria e emoção, criam seus próprios versos ses poemas também.

Prece o contrário, mas esta é a mais pura realidade, são para ti, e todas as pessoas que com carinho expressam seus sentimentos, pela forma como escrevem ao nosso coração.

Ao ler tantos poemas que por aqui passam, lebrei-me de os escrever, e naquele momento, achei que os devia escrever.

São muito simples, mas são sempre feitos com muito carinho, a pensar em toas as pessoas.

Agradeço claro o teu comentário, espero qe neles possas encontrar algum conforto, quanto eu sempre encontro em tudo quanto fazes. Obgada

Enviado por Tópico
Henricabilio
Publicado: 14/04/2009 07:03  Atualizado: 14/04/2009 07:03
Colaborador
Usuário desde: 02/04/2009
Localidade: Caldas da Rainha - Portugal
Mensagens: 6963
 Re: Estes versos teus...
E_levando alto o Amor e a vida tem novo sabor. Felicidades! Um abraçooo! Abíl!o

Enviado por Tópico
fernandobarbosa
Publicado: 14/04/2009 07:14  Atualizado: 14/04/2009 07:14
Colaborador
Usuário desde: 27/08/2008
Localidade:
Mensagens: 591
 Re: Estes versos teus...
Agradeço sua participação e suas palavras também.
Um abraço.
Fernando

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 17/04/2009 01:31  Atualizado: 17/04/2009 01:31
 Re: Estes versos teus.../Para Fernando Barbosa
Que prazer é ler-te!
Cada dia que passa me emociono com teus versos!
Através deles viajamos em outro universo onde as emoções de uma amizade se fortalece dia após dia!
As vezes não encontramos palavras para expressar esse sentimento que por vezes chega assim tão derrepente e enche nosso coração de contentamento!

Amei cada palavra dita!

Beijos carinhosos!

Rosa

Enviado por Tópico
fernandobarbosa
Publicado: 19/04/2009 15:11  Atualizado: 19/04/2009 15:11
Colaborador
Usuário desde: 27/08/2008
Localidade:
Mensagens: 591
 Re: Estes versos teus.../Para Fernando Barbosa
O prazer é todo meu, sempre que apareces, na transparência da pessoa que és, sempre vens em teus encantos,para tornar ainda mais belo...tudo quanto com emoção é feito.

Estes versos são dedicados, a todos quantos com alegria se identificam nestas palavras.

São versos meus, teus, e de todos quantos os desejarem, os aceitarem dentro de seu coração.

Este é um mundo teu e meu, e de todos aqueles que por aqui passam, e deixam também um pouco de si.
A verdadeira razão do que somos, um pouco, ou um todo de nossas vidas vividas, passa também por aqui, e muito me rgozijo, cada vez que e no teu caso pessoal, com emoção, comentas os versos que fiz...são para todos nós.

Bjinho.

Agradeço teus comentários, sempre tão afectuosos.

Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 17/04/2009 23:32  Atualizado: 17/04/2009 23:32
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: Estes versos teus...
Fernando.

Conseguio resumir aqui e muito bem o que se sente aqui neste site.A partilha de emoções,sentimentos,vivencias,o despertar de algumas amizades,por vezes tambem algumas afinidades,naquilo que lemos .
Tambem rimos e as vezes choramos,porque nos edentificamos muitas vezes com o que le-mos.
Espero que a musa deste poema se tenha revis-to nele.

Um beijo

Enviado por Tópico
fernandobarbosa
Publicado: 19/04/2009 15:23  Atualizado: 19/04/2009 15:26
Colaborador
Usuário desde: 27/08/2008
Localidade:
Mensagens: 591
 Re: Estes versos teus...
Sim, desde já agradeço seu comentário sempre muito sentido, pois na simplicidade de meus versos, aceito a grandeza de suas palavras sempre ditas com muita beleza e muito encanto.

Certamente muitas emoções passam por aqui.
Cada pessoa deixa um pouco de si.
São manifestações de carinho, de muita ternura e de amor, que nos fazem quantas vezes delirar...rir, e quantas vezes chorar, não somente por dentro, senão umas tantas vezes, por fora também.

Existem trabalhos maravilhosamente bem estruturados, que como diz e muito bem, pelos quais todos nós nos identificamos.

Não fiz estes versos particularmente para ninguém, fi-los a pensar em todos nós, enquanto lia o poema de alguém, foi aquele momento que me tocou, para os fazer.

Achei oportuno fazê-los, manifestando através destes versos, a minha maneira de expressar meus sentimentos, em relação, aos trabalhos que por aqui passam.

Sim, também me revejo nestes versos, mais diria que são os versos de todos nós.

De certa forma, acabamos sendo mais uma grande família, em nossas emoções vividas...diria um teste às nossas próprias convicções, através de nossas experiências, em cada dia vividas.

Com todo o carinho
Com amizade sincera:
Fernando

Enviado por Tópico
Fhatima
Publicado: 20/04/2009 05:48  Atualizado: 20/04/2009 05:49
Colaborador
Usuário desde: 12/02/2008
Localidade: Curitiba - Paraná
Mensagens: 3185
 Re: Estes versos teus...
Fernando,

Tuas palavras emocionam e tocam o coração.
Teus versos são uma viagem de sonhos incomensuráveis, onde a luz do céu ilumina à alma e taz muitas alegrias.
Parabéns poeta, escreves com o coração, de uma forma apaixonada.
Lindo e expressivo poema.

Beijinhos

Fhatima

Login

Usuário:

Senha:

Recordar senha



Esqueceu a senha?

Registre-se gratuitamente!

Leia também

Comentários Recentes

Luso Pensamentos

Frase

É incrível que, no intuito de justificar as nossas crenças, coloquemos Deus na terra e o Homem no céu

(Garrido)



A folha

A folha cai no verão.
( Era folha de papel)
Não consigo pegá-la
Porque o vento é forte
E me leva para longe.

Matheus



Insanidade perfeita

Sinto-me cansada
Já me faltam as palavras!
As que saboreio entre dissabores
Da minha própria loucura
Já não sinto o meu corpo
As vogais consomem-no
Adormece em brandas consoantes
Ficam tantas frases por dizer
Aquelas,
Que já não consigo escrever,
Falta-me a força
A caneta começa a tremer
Soluça.
O meu olhar constrói
O que meu pensamento rejeita
Esta sou eu,
A doce mulher
A insana, poeta...

(ConceiçãoB)



Tempestades

Tudo em mim, são dias de tempestades...
Por isso entrego minha alma à poesia
E meus dias a escrever versos
E meto uns poemas em velhas garrafas
E as levo para as águas intermináveis dos mares
- revoltos e tristes -
E as lanço, na singela esperança
De que um dia alguém os leia
Ainda que meus pés não estejam mais sobre este chão
E meu corpo tenha sido já lançado no ventre desta terra impura
E minha alma tenha também partido
- para a imensidão do infinito com que sonho,
ou para o abismo solitário que me amendronta...

(Vanessa Marques)


vaga-lume

... beijar-te

- era ser
pássaro azul
dedilhando ugabe

era levitar
beber das nuvens
e desfolhar os céus

era um doce caminhar
sem tocar o chão
estirpes desaguando
em aljôfar...

era dédalo a calar-me
se acontecia
cascata de sonhar-me
na boca que feliz
se fenecia

- e era livre
sendo chama
toda asas
vaga-lume
brilhante
como quem ama.

(RoqueSilveira)


Nós de poesia

A vida é feita de incompletudes...
Como os bares de mesas vazias
Nas calçadas
Ou as longas estradas
Repletas de nada dos dois lados

Ainda assim, escrevo
Mesmo sabendo que em mim
desatam-se nós de poesia
E atam-se outros em seguida.

O fato é que
Daquilo que me resta
Faço-me humanamente completa
meramente humana...

(Vanessa Marques)



Frase

"Amor" é o presente dado sem esperança de retorno,
e o que esperamos é apenas que não seja rejeitado

(Junior A.)



Frase

Como posso explicar
Esta dor
Invasora
Da minha alma
Senão dizer
Que és a mentira
Mais verdadeira
Da minha vida...?

(Raquel Naranjo)



Frase

O amor é como a justiça:
Injusto e cego.

(TrabisDeMentia)



guardanapos

do nosso beijo,
muralhas

do nosso amor,
migalhas

do nosso verbo,
mortalhas

dos nossos papos
poemas
em guardanapos

(Niké)



Sexto sentido

Tenta ouvir o silêncio...
Ver a luz na escuridão profunda...
Cheirar o aroma da mais pura água...
Sentir a textura do vento...
Saborear a doçura do sal...
Quando o conseguires...
Irás te descobrir...

(gera)



Só saudade

Dor que sente
Dor que não se mede
Que vai e vem

Com a vida vou rolando
Com a dor vou buscando
Talvez alívio...

Quando doer que seja
Sem deixar morrer
Só saudade...

(amasol)



A foz

Se cada coisinha que eu sei correspondesse a um rio... E se cada um deles desaguasse na mesma foz...Esta não teria senão o tamanho de uma bacia bem pequenina na qual eu refresco os meus cansados pés. Os rios seriam tão curtos quanto a minha felicidade, tão estreitos quanto a minha existência, tão secos quanto a minha solidão. Mas talvez, talvez bem no fundo da bacia, talvez para lá das lágrimas turvas, e para que eu me possa orgulhar, talvez sorriam dois peixinhos, que eu, apesar da distância possa contemplar! E quem sabe... Uma flor se incline e faça nascer, na foz uma flor que eu possa colher!

(TrabisDeMentia)
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...