http://spumis.pt/
 
Poemas : 

CONCHA

 
Guarda em teu corpo
A melodia selvagem dos oceanos,
Leva na tua bagagem
A lembrança da liberdade dos mares,
Carrega em teus sonhos
A beleza do infinito,
Desvenda em tua forma
A sabedoria divina,
Tem a alma brilhante
Com sonhos de purpurina
Trazendo a simplicidade da vida
na expressão doce da existência.


(poema em homenagem ao pequeno grande amor Rhairan Gael de quatro anos de idade,sobrinho e afilhado que me deu uma concha do mar para quando sentir saudades dele)


Open in new window


O homem justo cresce e se desenvolve ético por opção, não por coersão.


Mônicka Christi


 
Autor
Mônickachristi
 
Texto
Data
Leituras
3287
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
serfeliz
Publicado: 31/05/2009 03:46  Atualizado: 31/05/2009 03:46
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2009
Localidade:
Mensagens: 702
 Re: CONCHA
Brilhante o teu iluiminar....
que ele receba a energia do mar, e a dinha...


bjus


Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 31/05/2009 07:30  Atualizado: 31/05/2009 07:30
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14682
 Re: CONCHA p/ Mônickachrist
Querida amiga

Além da doçura a purpurina que encanta
o desenleio da vida...Belo!

Beijinhos no coração


Enviado por Tópico
Nitoviana
Publicado: 31/05/2009 12:40  Atualizado: 31/05/2009 12:40
Colaborador
Usuário desde: 10/04/2009
Localidade:
Mensagens: 648
 Re: CONCHA
olhar e guardar as coisas simples e belas que a natureza nos dá é do melhor que nos podemos fazer.
Gostei muito deste teu escrito
Um beijo, Mônica

Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...