Luso-Poemas
Registre-se agora!     Entrar

Links patrocinados



Menu de poemas

Quem está aqui

202 visitantes online (93 na seção: Poemas e Frases)

Escritores: 3
Leitores: 199

AlmaMater, namastibet, JogonSantos, mais...

Licença

Licença Creative Commons

Proteção anti-cópia

Protegendo os seus poemas com Tynt

Sonetos : 

«« Mulher completa ««

 
Olho-te, e vejo uma menina mulher
De olhar cismado, penetrante também,
Assustado, vejo-te criança a olhar o além
Contemplando o futuro, crês absorver

A essência da vida, busca esse olhar o saber
Que o véu da ignorância, deixa tão aquém
No meio do preconceito de que sejas alguém
De ideias que modelas a teu belo prazer

Menina mulher de outras paragens
De um país longínquo, terra barrenta
Leva-me contigo, por essas paisagens

Gritemos ao mundo, és mulher liberta
És dona de ti e dos sonhos que tens
Soltaste as amarras, és mulher completa


Antónia RuivoClique para ver a imagem original em uma nova janela



Era tão fácil a poesia evoluir, era deixa-la solta pelas valetas onde os cantoneiros a pudessem podar, sachar, dilacerar, sem que o poeta ficasse susceptibilizado.

Duas caras da mesma moeda:

Poetamaldito e seu apêndice ´´Zulmira´´
Julia_Soares u...

Autor
Antónia Ruivo
Autor
Textos deste autorMais textos
Rss do autorRss do autor
EstatísticasEstatísticas
 
Texto
Data
Leituras 1818
Favoritos 0
Licença Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
Enviar este texto a um amigoEnviar
Imprimir este textoImprimir
Salvar este texto como PDFCriar um pdf
Partilhar
0
0
0
Recentes
Amor...
E agora...
Recomeço...
Sina...
Tudo passa...
Aleatórios
«« Busca ««
Busca...
««Adeus a uma Rosa ( Rosa Lobato de Faria ««
«« Eu e a cadeira ««
«« Por uma côdea de pão »
Favoritos
As fases da vida - AnaCoelho
Soslaio - mim
Eu Que Sou Mulher - adelaidemonteiro
Carinhoso retorno - António MR Martins
Olhar profundo - AnaCoelho
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
mim
Publicado: 28/06/2009 00:53  Atualizado: 28/06/2009 00:53
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2008
Localidade:
Mensagens: 2828
 Re: «« Mulher completa ««
Poema com a beleza da liberdade da mulher!

Beijocas doces Ribatejanas

Enviado por Tópico
joseluislopes
Publicado: 28/06/2009 04:16  Atualizado: 28/06/2009 04:16
Colaborador
Usuário desde: 22/03/2009
Localidade:
Mensagens: 3348
 Re: «« Mulher completa ««
Cara amiga,

Ainda hoje para responder a um desafio da Cleo, escrevi um poema sobre estas mulheres de cara tapada. (no site que tu também fazes parte).

Eu sempre defendi mulheres independentes, até a minha mulher eu sempre lhe pedi que fosse sempre capaz de tomar as decisões por ela e não por uma qualquer conjectura funcional.

Custa-me aceitar esta castração de liberdades, mas acredito que mais tarde ou mais cedo ela chegará.

Um beijo

JLL

Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 28/06/2009 11:06  Atualizado: 28/06/2009 11:06
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: «« Mulher completa ««
Antónia.

Adorei este soneto.

Primeiro porque faladas mulheres que vivem uma existencia bem diferente da nossa,em tudo são deporvidas de liberdade.

Há um tempo atras,li muito sobre as mulheres do Teerão,Afganistão,e vi aqui neste poema tudo o que pude ler sobre aqueleas mulheres.

Parabens.
Beijo

Enviado por Tópico
Carolina
Publicado: 28/06/2009 11:52  Atualizado: 28/06/2009 11:52
Colaborador
Usuário desde: 04/07/2007
Localidade:
Mensagens: 3105
 Re: «« Mulher completa ««
Neste poemas retratas a mulher privada de tudo, enclausurada numa mentalidade retrógada, castradora. Estas ainda andam de cara destapada, não usam burka, um horror...

beijinho

Enviado por Tópico
(re)velata
Publicado: 28/06/2009 13:15  Atualizado: 28/06/2009 13:15
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2009
Localidade: Lagos
Mensagens: 2094
 Re: «« Mulher completa ««
Uma bela homenagem a quem não tem a nossa sorte.

Um beijinho, Antónia!

Enviado por Tópico
salomé
Publicado: 28/06/2009 13:21  Atualizado: 28/06/2009 13:21
Da casa!
Usuário desde: 25/01/2008
Localidade:
Mensagens: 409
 Re: «« Mulher completa ««
Que estas mulheres um dia possam gritar bem alto para o mundo as ouvir.Beijinhos Antónia

Enviado por Tópico
Antónia Ruivo
Publicado: 28/06/2009 13:50  Atualizado: 28/06/2009 13:50
Colaborador
Usuário desde: 08/12/2008
Localidade: Vila Viçosa
Mensagens: 3906
 Re: «« Mulher completa ««
Amigos obrigado pelas leituras e comentários, este poema nasceu para responder a um desafio lançado pela Cleo num outro sitio a que ambas pertencemos, pedia ela que nos concentrasse-mos em determinada fotografia e assim nascesse um poema,e foi o que aconteceu, foi o que vi ao olhar aquela foto, beijinhos e bom domingo

Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 28/06/2009 13:53  Atualizado: 28/06/2009 13:53
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: «« Mulher completa ««
Antónia:

Parece que todos os que participamos vimos um "olhar" diferente,e foi isso o mais importante.


Beijo

Enviado por Tópico
Antónia Ruivo
Publicado: 28/06/2009 13:56  Atualizado: 28/06/2009 13:56
Colaborador
Usuário desde: 08/12/2008
Localidade: Vila Viçosa
Mensagens: 3906
 Re: «« Mulher completa ««
É verdade amiga é o que acontece de bom nestas andanças, assim nos vamos conhecendo através da escrita, beijinhos

Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 28/06/2009 14:39  Atualizado: 28/06/2009 14:39
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 11705
 Re: «« Mulher completa ««
Um soneto maravilhoso, um olhar que passou para além da foto, uma inspiração excelente, uma visão alargada daquilo que muitas mulhres são e não podem ser.

Beijos

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 28/06/2009 16:39  Atualizado: 28/06/2009 16:39
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 10875
 Re: «« Mulher completa ««
Antónia,
Um soneto maravilhoso a favor da liberdade da mulher árabe.
Como é frustrante para nós ocidentais sabermos a condição em que vivem estas mulheres, vítimas da mais vil discriminação.
Aplaudo de pé, querida amiga.
Beijinhos na alma
Nanda

Enviado por Tópico
Edilson José
Publicado: 28/06/2009 21:41  Atualizado: 28/06/2009 21:41
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2008
Localidade: SP
Mensagens: 5586
 Re: «« Mulher completa ««
Olhar atento no belo soneto Antonia
Abraço
Edilson

Enviado por Tópico
Antónia Ruivo
Publicado: 01/07/2009 14:51  Atualizado: 01/07/2009 14:51
Colaborador
Usuário desde: 08/12/2008
Localidade: Vila Viçosa
Mensagens: 3906
 Re: «« Mulher completa ««
Edilson, Nanda, Aninha, obrigado pela leitura, beijinhos

Login

Usuário:

Senha:

Recordar senha



Esqueceu a senha?

Registre-se gratuitamente!

Leia também

Comentários Recentes

Luso Pensamentos

Frase

É incrível que, no intuito de justificar as nossas crenças, coloquemos Deus na terra e o Homem no céu

(Garrido)



A folha

A folha cai no verão.
( Era folha de papel)
Não consigo pegá-la
Porque o vento é forte
E me leva para longe.

Matheus



Insanidade perfeita

Sinto-me cansada
Já me faltam as palavras!
As que saboreio entre dissabores
Da minha própria loucura
Já não sinto o meu corpo
As vogais consomem-no
Adormece em brandas consoantes
Ficam tantas frases por dizer
Aquelas,
Que já não consigo escrever,
Falta-me a força
A caneta começa a tremer
Soluça.
O meu olhar constrói
O que meu pensamento rejeita
Esta sou eu,
A doce mulher
A insana, poeta...

(ConceiçãoB)



Tempestades

Tudo em mim, são dias de tempestades...
Por isso entrego minha alma à poesia
E meus dias a escrever versos
E meto uns poemas em velhas garrafas
E as levo para as águas intermináveis dos mares
- revoltos e tristes -
E as lanço, na singela esperança
De que um dia alguém os leia
Ainda que meus pés não estejam mais sobre este chão
E meu corpo tenha sido já lançado no ventre desta terra impura
E minha alma tenha também partido
- para a imensidão do infinito com que sonho,
ou para o abismo solitário que me amendronta...

(Vanessa Marques)


vaga-lume

... beijar-te

- era ser
pássaro azul
dedilhando ugabe

era levitar
beber das nuvens
e desfolhar os céus

era um doce caminhar
sem tocar o chão
estirpes desaguando
em aljôfar...

era dédalo a calar-me
se acontecia
cascata de sonhar-me
na boca que feliz
se fenecia

- e era livre
sendo chama
toda asas
vaga-lume
brilhante
como quem ama.

(RoqueSilveira)


Nós de poesia

A vida é feita de incompletudes...
Como os bares de mesas vazias
Nas calçadas
Ou as longas estradas
Repletas de nada dos dois lados

Ainda assim, escrevo
Mesmo sabendo que em mim
desatam-se nós de poesia
E atam-se outros em seguida.

O fato é que
Daquilo que me resta
Faço-me humanamente completa
meramente humana...

(Vanessa Marques)



Frase

"Amor" é o presente dado sem esperança de retorno,
e o que esperamos é apenas que não seja rejeitado

(Junior A.)



Frase

Como posso explicar
Esta dor
Invasora
Da minha alma
Senão dizer
Que és a mentira
Mais verdadeira
Da minha vida...?

(Raquel Naranjo)



Frase

O amor é como a justiça:
Injusto e cego.

(TrabisDeMentia)



guardanapos

do nosso beijo,
muralhas

do nosso amor,
migalhas

do nosso verbo,
mortalhas

dos nossos papos
poemas
em guardanapos

(Niké)



Sexto sentido

Tenta ouvir o silêncio...
Ver a luz na escuridão profunda...
Cheirar o aroma da mais pura água...
Sentir a textura do vento...
Saborear a doçura do sal...
Quando o conseguires...
Irás te descobrir...

(gera)



Só saudade

Dor que sente
Dor que não se mede
Que vai e vem

Com a vida vou rolando
Com a dor vou buscando
Talvez alívio...

Quando doer que seja
Sem deixar morrer
Só saudade...

(amasol)



A foz

Se cada coisinha que eu sei correspondesse a um rio... E se cada um deles desaguasse na mesma foz...Esta não teria senão o tamanho de uma bacia bem pequenina na qual eu refresco os meus cansados pés. Os rios seriam tão curtos quanto a minha felicidade, tão estreitos quanto a minha existência, tão secos quanto a minha solidão. Mas talvez, talvez bem no fundo da bacia, talvez para lá das lágrimas turvas, e para que eu me possa orgulhar, talvez sorriam dois peixinhos, que eu, apesar da distância possa contemplar! E quem sabe... Uma flor se incline e faça nascer, na foz uma flor que eu possa colher!

(TrabisDeMentia)
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...