http://spumis.pt/
 
Sonetos : 

«« Mulher completa ««

 
Olho-te, e vejo uma menina mulher
De olhar cismado, penetrante também,
Assustado, vejo-te criança a olhar o além
Contemplando o futuro, crês absorver

A essência da vida, busca esse olhar o saber
Que o véu da ignorância, deixa tão aquém
No meio do preconceito de que sejas alguém
De ideias que modelas a teu belo prazer

Menina mulher de outras paragens
De um país longínquo, terra barrenta
Leva-me contigo, por essas paisagens

Gritemos ao mundo, és mulher liberta
És dona de ti e dos sonhos que tens
Soltaste as amarras, és mulher completa


Antónia RuivoOpen in new window


Era tão fácil a poesia evoluir, era deixa-la solta pelas valetas onde os cantoneiros a pudessem podar, sachar, dilacerar, sem que o poeta ficasse susceptibilizado.

Duas caras da mesma moeda:

Poetamaldito e seu apêndice ´´Zulmira´´
Julia_Soares u...

 
Autor
Antónia Ruivo
 
Texto
Data
Leituras
2128
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
13 pontos
13
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
mim
Publicado: 28/06/2009 00:53  Atualizado: 28/06/2009 00:53
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2008
Localidade:
Mensagens: 2856
 Re: «« Mulher completa ««
Poema com a beleza da liberdade da mulher!

Beijocas doces Ribatejanas

Enviado por Tópico
joseluislopes
Publicado: 28/06/2009 04:16  Atualizado: 28/06/2009 04:16
Colaborador
Usuário desde: 22/03/2009
Localidade:
Mensagens: 3348
 Re: «« Mulher completa ««
Cara amiga,

Ainda hoje para responder a um desafio da Cleo, escrevi um poema sobre estas mulheres de cara tapada. (no site que tu também fazes parte).

Eu sempre defendi mulheres independentes, até a minha mulher eu sempre lhe pedi que fosse sempre capaz de tomar as decisões por ela e não por uma qualquer conjectura funcional.

Custa-me aceitar esta castração de liberdades, mas acredito que mais tarde ou mais cedo ela chegará.

Um beijo

JLL

Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 28/06/2009 11:06  Atualizado: 28/06/2009 11:06
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: «« Mulher completa ««
Antónia.

Adorei este soneto.

Primeiro porque faladas mulheres que vivem uma existencia bem diferente da nossa,em tudo são deporvidas de liberdade.

Há um tempo atras,li muito sobre as mulheres do Teerão,Afganistão,e vi aqui neste poema tudo o que pude ler sobre aqueleas mulheres.

Parabens.
Beijo

Enviado por Tópico
Carolina
Publicado: 28/06/2009 11:52  Atualizado: 28/06/2009 11:52
Colaborador
Usuário desde: 04/07/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 3308
 Re: «« Mulher completa ««
Neste poemas retratas a mulher privada de tudo, enclausurada numa mentalidade retrógada, castradora. Estas ainda andam de cara destapada, não usam burka, um horror...

beijinho

Enviado por Tópico
(re)velata
Publicado: 28/06/2009 13:15  Atualizado: 28/06/2009 13:15
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2009
Localidade: Lagos
Mensagens: 2181
 Re: «« Mulher completa ««
Uma bela homenagem a quem não tem a nossa sorte.

Um beijinho, Antónia!

Enviado por Tópico
salomé
Publicado: 28/06/2009 13:21  Atualizado: 28/06/2009 13:21
Da casa!
Usuário desde: 25/01/2008
Localidade:
Mensagens: 409
 Re: «« Mulher completa ««
Que estas mulheres um dia possam gritar bem alto para o mundo as ouvir.Beijinhos Antónia




Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 28/06/2009 14:39  Atualizado: 28/06/2009 14:39
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 11864
 Re: «« Mulher completa ««
Um soneto maravilhoso, um olhar que passou para além da foto, uma inspiração excelente, uma visão alargada daquilo que muitas mulhres são e não podem ser.

Beijos

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 28/06/2009 16:39  Atualizado: 28/06/2009 16:39
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 10978
 Re: «« Mulher completa ««
Antónia,
Um soneto maravilhoso a favor da liberdade da mulher árabe.
Como é frustrante para nós ocidentais sabermos a condição em que vivem estas mulheres, vítimas da mais vil discriminação.
Aplaudo de pé, querida amiga.
Beijinhos na alma
Nanda

Enviado por Tópico
Edilson José
Publicado: 28/06/2009 21:41  Atualizado: 28/06/2009 21:41
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2008
Localidade: SP
Mensagens: 5589
 Re: «« Mulher completa ««
Olhar atento no belo soneto Antonia
Abraço
Edilson

Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...