Luso-Poemas
Registe-se agora!     Login

Links patrocinados



Utilidades

Consultar

Outros

Quem está aqui

152 visitantes online (75 na seção: Poemas e Frases)

Lusuários: 6
Leitores: 146

AlmaMater, Migueljaco, Volena, Azke, Anggela, zésilveiradobrasil, mais...

Licença

Licença Creative Commons

Proteção anti-cópia

Protegendo os seus poemas com Tynt

« 1 2 (3) 4 5 6 ... 9056 »
Textos deste autor
Offline
cleo moreno Poemas Latrocínio
Alguma coisa acordou em mim, e me assusta. Olho absorta a luz que invade a janela, os raios que...
Enviado por cleo moreno
em 19/04/2014 21:50:20
Textos deste autor
Offline
gasparoliveira Poemas Páscoa
Domingo de Páscoa Dia da Ressurreição Que haja sorrisos no rosto Alegrias no coração. A Pásc...
Enviado por gasparoliveira
em 19/04/2014 20:09:05
Textos deste autor
Offline
gasparoliveira Poemas Destino
Navego sozinho Na bruma da saudade Esqueço por momentos A própria realidade Escuto o silêncio Qu...
Enviado por gasparoliveira
em 19/04/2014 20:06:40
Textos deste autor
Offline
LuizMorais Poemas -> Desilusão Numa noite infinda de angústias tantas
Nesta noite infinda de angústias tantas, quase abatido, minha alma torna-se frágil. Seja mais...
Enviado por LuizMorais
em 19/04/2014 19:49:37
Textos deste autor
Online
Migueljaco Textos -> Eróticos SEREI TEU INGREDIENTE
Este texto pode ter conteúdo não aconselhado para menores de 18 anos.
Enviado por Migueljaco
em 19/04/2014 19:26:55
Textos deste autor
Offline
Manufernandes Poemas depois de amor roubado... trancas à vida!
Pela porta aberta de minh'alma entraste E eu? Deixei! Instalaste-te no salão que tenho no ...
Enviado por Manufernandes
em 19/04/2014 19:25:37
Textos deste autor
Offline
minim.alista Poemas -> Surrealistas SUPERNOVA !
SUPERNOVA ! Envolvido na extensão regelante das vivas galáxias O espírito vagava dolente seg...
Enviado por minim.alista
em 19/04/2014 18:35:12
Textos deste autor
Offline
Poemices Poemas Coisas de silêncios guardados...
Há uma liberdade que voa longe sempre que o mar se acalma, não ousei fechar os olhos para lemb...
Enviado por Poemices
em 19/04/2014 17:59:05
Textos deste autor
Offline
Karinna*k Poemas Doçuras*
** Doçuras* Nomeias-me Círculo de fogo Confluência única Estrelas e raios Amontoam-se Na pele ...
Enviado por Karinna*k
em 19/04/2014 17:35:27
Textos deste autor
Offline
Robertojun Poemas Ratafiá*
Ratafiá* Vai lá em casa passeá, Pois preciso proseá, Um pouquinho com vancê. Vai lá em casa pass...
Enviado por Robertojun
em 19/04/2014 17:22:18
Textos deste autor
Offline
DomingosdaMota Poemas Contra a indiferença
Perante a malfadada paciência que mais que paciência é cobardia; perante a numerosa displicência ...
Enviado por DomingosdaMota
em 19/04/2014 17:15:10
Textos deste autor
Offline
imelo10 Poemas Gente inocente... Mundo indiferente
Gente inocente Anda pelas ruas Debaixo de chuva, Sob o sol, Em retas e curvas Ou em pleno arrebo...
Enviado por imelo10
em 19/04/2014 15:58:18
Textos deste autor
Offline
Montserrath Sonetos Desejo de Índio
Índio quer presente mais bonito, Índio quer presente de direito, Índio não quer colar nem apito, ...
Enviado por Montserrath
em 19/04/2014 15:31:55
Textos deste autor
Offline
AlanParsons Textos -> Humor Entrevista com o Webmaster
AP – Trabis, inicialmente obrigado pelo seu desprendimento,pela sua disposição em conceder essa e...
Enviado por AlanParsons
em 19/04/2014 15:26:27
Textos deste autor
Offline
airtorion Poemas Luz
A luz envolve a matéria. Beleza desprovida de formas. As cores depende de ti. Natureza fugaz. Vi...
Enviado por airtorion
em 19/04/2014 15:26:11
Textos deste autor
Offline
cadso Poemas Hellen Cristina (Tynah)
Seu cabelo azul Lembra a face do mar O tom da pele, Cor de milho faz lembrar Nos olhos morada d...
Enviado por cadso
em 19/04/2014 15:18:18
Textos deste autor
Offline
cadso Poemas Desejo vital
Desta vida só quero Um beijo no coração Um abraço na alma O sorriso que acalma A palavra que fo...
Enviado por cadso
em 19/04/2014 15:15:44
Textos deste autor
Offline
Nilcarmem Frases e Pensamentos Alice no País das Maravilhas
Alice: Quanto tempo dura o eterno? Coelho: As vezes apenas um segundo. (Alice no País das Maravil...
Enviado por Nilcarmem
em 19/04/2014 15:15:31
Textos deste autor
Offline
cadso Poemas Amor Platônico
Distância não existe Para quem sabe amar Mas o mundo fica triste Não poder te alcançar A noite é...
Enviado por cadso
em 19/04/2014 15:14:41
Textos deste autor
Offline
Nardo.Alvo Poemas -> Introspecção Por Que Ilusões Navego?
Por Que Ilusões Navego? Que ilusões me cegam no abraço do abismo e me lançam na vertigem dum des...
Enviado por Nardo.Alvo
em 19/04/2014 14:59:15
« 1 2 (3) 4 5 6 ... 9056 »

Login

Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.

Leia também

Comentários Recentes

Luso Pensamentos

Frase

É incrível que, no intuito de justificar as nossas crenças, coloquemos Deus na terra e o Homem no céu

(Garrido)



A folha

A folha cai no verão.
( Era folha de papel)
Não consigo pegá-la
Porque o vento é forte
E me leva para longe.

Matheus



Insanidade perfeita

Sinto-me cansada
Já me faltam as palavras!
As que saboreio entre dissabores
Da minha própria loucura
Já não sinto o meu corpo
As vogais consomem-no
Adormece em brandas consoantes
Ficam tantas frases por dizer
Aquelas,
Que já não consigo escrever,
Falta-me a força
A caneta começa a tremer
Soluça.
O meu olhar constrói
O que meu pensamento rejeita
Esta sou eu,
A doce mulher
A insana, poeta...

(ConceiçãoB)



Tempestades

Tudo em mim, são dias de tempestades...
Por isso entrego minha alma à poesia
E meus dias a escrever versos
E meto uns poemas em velhas garrafas
E as levo para as águas intermináveis dos mares
- revoltos e tristes -
E as lanço, na singela esperança
De que um dia alguém os leia
Ainda que meus pés não estejam mais sobre este chão
E meu corpo tenha sido já lançado no ventre desta terra impura
E minha alma tenha também partido
- para a imensidão do infinito com que sonho,
ou para o abismo solitário que me amendronta...

(Vanessa Marques)


vaga-lume

... beijar-te

- era ser
pássaro azul
dedilhando ugabe

era levitar
beber das nuvens
e desfolhar os céus

era um doce caminhar
sem tocar o chão
estirpes desaguando
em aljôfar...

era dédalo a calar-me
se acontecia
cascata de sonhar-me
na boca que feliz
se fenecia

- e era livre
sendo chama
toda asas
vaga-lume
brilhante
como quem ama.

(RoqueSilveira)


Nós de poesia

A vida é feita de incompletudes...
Como os bares de mesas vazias
Nas calçadas
Ou as longas estradas
Repletas de nada dos dois lados

Ainda assim, escrevo
Mesmo sabendo que em mim
desatam-se nós de poesia
E atam-se outros em seguida.

O fato é que
Daquilo que me resta
Faço-me humanamente completa
meramente humana...

(Vanessa Marques)



Frase

"Amor" é o presente dado sem esperança de retorno,
e o que esperamos é apenas que não seja rejeitado

(Junior A.)



Frase

Como posso explicar
Esta dor
Invasora
Da minha alma
Senão dizer
Que és a mentira
Mais verdadeira
Da minha vida...?

(Raquel Naranjo)



Frase

O amor é como a justiça:
Injusto e cego.

(TrabisDeMentia)



guardanapos

do nosso beijo,
muralhas

do nosso amor,
migalhas

do nosso verbo,
mortalhas

dos nossos papos
poemas
em guardanapos

(Niké)



Sexto sentido

Tenta ouvir o silêncio...
Ver a luz na escuridão profunda...
Cheirar o aroma da mais pura água...
Sentir a textura do vento...
Saborear a doçura do sal...
Quando o conseguires...
Irás te descobrir...

(gera)



Só saudade

Dor que sente
Dor que não se mede
Que vai e vem

Com a vida vou rolando
Com a dor vou buscando
Talvez alívio...

Quando doer que seja
Sem deixar morrer
Só saudade...

(amasol)



A foz

Se cada coisinha que eu sei correspondesse a um rio... E se cada um deles desaguasse na mesma foz...Esta não teria senão o tamanho de uma bacia bem pequenina na qual eu refresco os meus cansados pés. Os rios seriam tão curtos quanto a minha felicidade, tão estreitos quanto a minha existência, tão secos quanto a minha solidão. Mas talvez, talvez bem no fundo da bacia, talvez para lá das lágrimas turvas, e para que eu me possa orgulhar, talvez sorriam dois peixinhos, que eu, apesar da distância possa contemplar! E quem sabe... Uma flor se incline e faça nascer, na foz uma flor que eu possa colher!

(TrabisDeMentia)
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...