Poemas, frases e mensagens sobre doçura

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares sobre doçura

Eu sou assim

 
      Eu   sou assim
 
Eu sou assim
Hora serena, hora rabugenta
Ou triste,ou alegria afugenta
Espectros do mar sem fim

Eu sou assim: Porque não?
Sem escolha, pois a mágica
Do amor, por vezes é linda,ou trágica
Concebida trago ,o não saber na mão

Eu sou a doçura
Amiga do vento e, da chuva
Da lágrima que deixa a visão turva
Que castiga sem compostura

Sou a fala com brandura
Aroma da lavanda
O lilás ,colorido que abranda
Sou asas que elevam as alturas

Nereida
 
      Eu   sou assim

NO MEU JARDIM

 
NO MEU JARDIM
 
No jardim que habita
Em meu peito
Brotou uma flor,
Bela, meiga, cheirosa, perfeita
Aos olhos meus,
Foi Deus que me deu.
O nome dela é Amor,
O nome dela é Você!

-**-Elias Akhenaton-**-
http://poetaeliasakhenaton.blogspot.com/
 
NO MEU JARDIM

MOMENTOS DE AMOR

 
MOMENTOS DE AMOR
 
Amor amá-lo é ardor.
É ter afinidade em sentir
Pegar sua alma e a conduzir

Ângela Lugo
------------------------------------------------------------

POR FAVOR, PARA MELHOR LEITURA, CLIQUE NO POEMA
 
MOMENTOS DE AMOR

Da minha janela

 
Da minha janela
 
DA MINHA JANELA

Hoje deixo o sol entrar
Me ponho à janela olhando as folhas amarelecer
Enquanto a tarde vai murchar?!
Eu olho a queda lentamente a acontecer.
Caem as folhas, cai a tarde,
O dia vai morrendo!
E em mim batendo,
A saudade
Mas um pouco de esperança soçobrou
Ainda que às vezes desfalecendo!?
Tento não perder a que restou.

Há dores que não se querem remexidas
Falas afectuosas que continuam ao ouvido
De pureza infantil ainda sentidas
De quando jorravam gargalhadas num tempo perdido.

E assim as folhas vão amarelecendo
E meu olhar continua posto nelas
Do tempo me vou esquecendo
E penso que estou caindo como elas.

Chega à minha memória a doçura
Das tardes mornas da minha infância
Vou ao encontro do sonho com ternura
E nada mais para mim tem importância.
Olho a redonda lua a chegar
Mil sensações reúno à volta dela
É seguro por ela me deixar apaixonar
Então me vou deixando ficar na janela.

rosafogo
 
Da minha janela

RECADINHOS DE AMOR (I)

 
RECADINHOS DE AMOR (I)
 
"Amar você é como...
Saborear a cereja do Martini
E ficar embriagada de doçura"

---------------------------------------------------------------

POR FAVOR, PARA MELHOR LEITURA, CLIQUE NO POEMA
 
RECADINHOS DE AMOR (I)

SER MÃE!

 
SER MÃE!
 
 
SER MÃE!

by FatinhaMussato

Ser mãe...
É ser ventre que aloja em si
A vida que Deus confia...
É ser palavra que conforta
E com doçura alivia
Toda dor que se sentia!

Ser mãe...
É ser colo que agasalha,
Ser ninho que abriga,
É ser braço que acolhe,
É ser beijo que cura,
Em cada um de seus rebentos,
Feridas do corpo e da alma...
Aliviar o corpo e a alma embalar!

Ser mãe...
É ser educadora
Que ensina a viver
E prepara seus filhos
Para na vida vencer
A luta contra o mal
Que no mundo ainda está,
Ensinando que a vida
Pode ser vivida em Paz!

Ser mãe...
É ser candura,
Ser doçura,
Ser calor...
Ser co-criadora com Deus!
É ser pela vida,
É ser pela luz!
É ter com a Vida
Um caso de amor!

Poema INÉDITO Nesta Data
São José do Rio Preto (SP-BR), 05/maio/2010 - quarta-feira – 13h15m.

Imagem: Google

Música: Elvira Madigan / W.A.Mozart
 
SER MÃE!

Shangri-La

 
Há um lugar, encerrado no tempo, onde tudo aquilo que sonhamos é realidade, onde a vida corre ao sabor da brisa de um vento que sopra suave. Nesse lugar, onde encontramos a verdadeira liberdade, onde somos tudo aquilo que sonhamos ser, esse lugar, é um céu azul, onde estiramos as nossas almas de pássaro e voamos.

E segues-me, num voo rasante sobre o mar, igualmente azul como este céu imenso que nos segura com fios invisíveis. Este Sol, por nós inventado é luz que te brilha na alma como farol em noite escura. A felicidade, encontra-la-às aqui, neste lugar escondido nos confins dos nossos sentidos. E saltamos, precipitando-nos como chuva de verão nas águas calmas deste oceano, como peixes afagados pela água pura que nos preenche.

E do perfume dos teus cabelos solta-se a fragrância que me guia neste paraíso perdido, lugar encantado onde as fábulas que te escrevo são tão reais que as podes tocar, tocar-me, num abraço profundo, onde nossas bocas se colam e se beijam alimentando as almas, preenchendo todos os sentidos numa explosão de prazer que extravasa os corpos e nos enche a libido sem que as peles se toquem.

Espero-te em cada noite, envolto na magia deste tempo, deste lugar que para ti criei.
 
Shangri-La

Fogo do silêncio

 
Fogo do silêncio
 
O fogo do silêncio adormece no teu peito como pluma que perde as asas por falta de vento. És deusa adormecida entre as pausas da vida, eu vento que te trás as asas dos sonhos. A alma solta-se em passos de dança, num ritmo lento e belo, colhes meu corpo como espiga dormente e levas-me como se fosses tu o próprio vento.

Este bailado propaga-se nos céus da Noite, como uma galáxia que gira sobre si mesma. Em baixo a Terra guarda-nos os corpos abandonados à própria vida, enquanto aqui, neste lugar mágico, jardim secreto, seguimos os passos um do outro numa harmonia perfeita. Almas de pássaros que flutuam no vazio dos sonhos, entre estrelas distantes e paixões ardentes.

Teu corpo dolente não toma consciência da azáfama de tua alma, teu rosto triste não compreende a alegria do teu espírito, e neste contra-senso contorce-se como se atravessasse um pesadelo. A Noite alonga-se até ao raiar do dia, deixando a alma plena e teu corpo exausto. Retiro-me para repousar em minha ceara, e tu despertas para a vida.
 
Fogo do silêncio

LEMBRANÇAS DE TI.

 
LEMBRANÇAS DE TI.
 
 
LEMBRANÇAS DE TI.

by FatinhaMussato

Ouço ao longe teu chamado
Na voz do vento a soprar,
Sinto e recordo teu cheiro
No perfume que se espalha no ar.

O murmúrio das águas do regato
Lembra a melodia da tua voz,
O luar que ilumina a planície
Lembra a doçura do teu olhar!

Tudo na natureza te lembra,
Tudo de ti me faz recordar,
Meu coração não te esquece,
Vive sempre a te amar!

Poema INÉDITO Nesta Data
Jales (SP), 17/abril/2011, domingo - 18h30m.

Imagem: Google Imagens

Música: take_my_hand (Ernesto Cortazar)
 
LEMBRANÇAS DE TI.

Paraíso perdido

 
Paraíso perdido
 
Procuras em mim o paraíso perdido, qual Eva prestes a comer da maçã do pecado, procurando nela a salvação desejada. Teu corpo desnudo transborda o rio de prazer que sentes em mim, como se fosse meu o teu fogo como se fosses tu o meu lume. Sinto o calor da tua pele que irradia por todo o Universo, como um Sol que não brilha mas queima, como brasa adormecida entre cinzas.

Tua alma brilhante, trespassa a escuridão do quarto, cruzando céus escuros, atravessando gotas de chuva, desfazendo-se num arco-íris multicolor. Deixas a minha Noite iluminada com a aurora boreal, luz dos sonhos que em mim acordas, brilho distante do teu olhar profundo. Teu sorriso desenha o teu rosto, centro da alegria com que me recebes entre os braços que me envolvem.

Entre os passos perdidos no quarto que habitas, na longa espera, deixas perfumes de incenso no ar, inebriando-me ao chegar. E recebes-me de corpo aberto, deixando-me entrar em ti, com o prazer do meu corpo e o fogo do meu espírito que te consome ardentemente pela noite dentro.
 
Paraíso perdido

Vem

 
vem pernoitar no escuro
até onde só eu
te encontre
no silêncio
até onde só tu
me ouças
na doçura
até onde só nós
estejamos
na música
até onde só nada
ouçamos
na loucura
até onde só nós
chegamos.
 
Vem

MARAVILHOSA SENSAÇÃO DE AMAR

 
MARAVILHOSA SENSAÇÃO DE AMAR
 
O sentir do amor é uma doce sensação
É o sentimento que da satisfação
Ao corpo a alma e ao coração

POR FAVOR, PARA MELHOR LEITURA, CLIQUE NO POEMA
 
MARAVILHOSA SENSAÇÃO DE AMAR

Por mil vidas

 
Por mil vidas
 
Serei eu rapaz para te encontrar...
serei eu capaz de te poder ajudar...

De olhar teu rosto prostrado
por passares um mau bocado
e, enxugar essas lágrimas,
saídas do olhar desanimado,

devido ao percurso cego
com que a vida teima
a mostrar-te seu lado negro,
a vida é assim e queima,

arde em toros de angústia,
de aflição, de tortura,
deixa-te assim em agonia
mas tu, minha doçura...

deixa toda essa ventania,
recolhe-te em meu peito
perde-te como em fantasia,
faz de mim teu leito,

onde acordas calma
sem pressões, sem deceções,
sentindo leve tua alma
e o bater de dois corações.

Esquece o que mais existe,
livra-te do que te persegue,
olha o que construíste
e deixa-me encarregue.

Deixa-me curar tuas feridas
fruto de toda essa frustração,
deixa que te ame por mil vidas,
aceita-me... e ao o meu coração.

Rodrigo Lamar 06/09//2012
 
Por mil vidas

BAILARINA

 
BAILARINA
 
“Nada é mais bela e bonita
quanto cada infância vivida”

----------------------------------------------------------------

POR FAVOR, PARA MELHOR LEITURA, CLIQUE NO POEMA
 
BAILARINA

DOÇURA DE MÃE (Dia das Mães)

 
DOÇURA DE MÃE (Dia das Mães)
 
“Mãe é a mulher que faz luz
Na vida diária
De cada filho amado”

-----------------------------------------------------------------------

POR FAVOR, PARA MELHOR LEITURA, CLIQUE NO POEMA
 
DOÇURA DE MÃE (Dia das Mães)

SONHOS MEUS!

 
SONHOS MEUS!
 
 
SONHOS MEUS!

by FatinhaMussato

Andando pelos campos floridos
De ti começo a recordar...

Sinto o perfume das flores
E me lembro de ti,
Do teu perfume gostoso
Que impregnado em minh’alma está!

Ouço o cantar dos pássaros
E recordo tua voz...
Tão gentil, cariciosa, aveludada,
Embalando os sonhos meus!

Saudade doída começo a sentir...
Recordo teus carinhos,
Teu riso gostoso,
A doçura do olhar...

Mas como é bom poder
Contigo sonhar!

Poema INÉDITO Nesta Data
SJRP (SP), março/2011 - sexta-feira – 21h05m.

Imagem: Orkut

Música: You are my destiny / Ernesto Cortazar
 
SONHOS MEUS!

Anjo adormecido

 
Dormes, sobre o leito dos sonhos, qual anjo caído dos céus. Teu corpo não te pertence, entregas-te-lo há muito tempo, partilha-lo com outro homem. Mas, tuas asas são apenas e só tuas. Tua alma voa nos ventos que atravessam o corpo e seguem muito para lá de onde a vista alcança. És uma ave presa numa gaiola imaginária, amarrada a mil teias que te mantêm restringindo-te os movimentos. Por isso quando a Noite vem, despes teu corpo, soltas a alma e segues rumo a mim.

Sentado, na beira do riacho, vejo flutuar em cada folha caída, vidas que passam sem se deter, na corrente do dia-a-dia, espero pela tua vida e deixando-a passar, abrandando-lhe o passo, quero ficar presente mais um instante em ti, quero marcar-te a alma com essências de mim, deixar o meu nome escrito no teu peito, para depois te ver partir. Estranha forma de amar, momento em que te prendo em mim, como quadro eterno de um instante que paramos no tempo, uma pausa, para nos olharmos enquanto a vida passa.

Ao mar chegarás, sereia te farás, e a cada noite virás, à tona, cantar, e olhar a Noite, contemplar o céu, tentando adivinhar qual das estrelas carrega o brilho do meu olhar. E sabes, que ainda que seja apenas um sonho, estarei lá, para te acordar da realidade, quando o momento de sonhar, chegar. E quando o dia te despertar, outro corpo colado ao teu irás encontrar, mas foi comigo que dormiste, todas as noites em que me sentiste.
 
Anjo adormecido

É sempre hora para amar

 
É sempre hora  para amar
 
É SEMPRE HORA PARA AMAR

Inverno, me acolhes em teu calor
Ao fim da tarde.
Com tranquilidade e ternura
E é Amor!
E assim também a noite nos espera
Numa angustura.
Deste amor que ainda arde?!
Resta um tempo de Primavera
Me recolho em ti, nesta tarde
Não quero definhar na espera.

Quero voltar ao amor imenso
Com velhos tabus partidos
Quero tudo tão intenso
Disfrutar assim dos sentidos.

Prender-me onde minha alma se deita
Inventar, se ainda houver algo p'ra inventar
Reinventar!?
Enquanto houver sede de amar.
Sempre, sempre, não esmorecer
E nesta viagem à Lua!?
Ainda o teu calor me aquecer.

Só o tempo já amua!

Repetem-se entardeceres
E nos silêncios da noite estou
Espero por me quereres.
Ser teu vento que o sol já sou!
E é como nada dizer e dizer tudo
Como uma bela valsa, ardente
Louca, louca ainda me iludo
Que o fogo, o nosso, ainda arde fortemente.

rosafogo
 
É sempre hora  para amar

AMO-TE E SEMPRE TE AMAREI

 
AMO-TE E SEMPRE TE AMAREI
 
Meu Doce Encanto Te Encontra
Num Olhar Irresistível
Na Pureza de Suas Palavras
Seu Sorriso Imprescindível
A Mais Doce das Almas

Amar A Ti Não É Difícil
Sensibilidade Rara
Capaz de Captar O Que Sinto
É Puro Amor E Paixão
Seu Doce Olhar Me Cativou
Preencheu Meu Coração

Quando A Ti Encontrei
Sentido Desejado Amado
Meu Coração Transbordou
Sabia Ser Você O Amor
Pois Me Ama Apenas Pelo Que Sou

Amor Que Estava Escondido
Num terno Olhar Encontrei
Encontrava-Se Adormecido
Muito Feliz Eu Achei
O Meu Achado Perdido

.
 
AMO-TE E SEMPRE TE AMAREI

Poema para o meu anjo.

 
Meu querido anjo…
És um anjo na terra
Que me guarda e me envolve com asas de ternura
E com braços de céu me acolhe e abriga.

Queria ir contigo de mão dada
Pelos jardins da tua bela escrita
E na tua poesia ser a musa inspiradora
E a flor que perfuma o teu poema.

Meu anjo poeta…
Desce dos céus e me procura
Dá-me um bocadinho do teu mimo e da tua doçura
E leva-me aos céus de azul-turquesa.

Diz-me… o segredo que guardas
Dedica-me angélicas quadras
E dá-me asas!
Que voo contigo pelas tuas doces palavras.

http://carlopfler.blogspot.com/
 
Poema para o meu anjo.