Poemas, frases e mensagens sobre flor

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares sobre flor

A mulher mais linda do mundo [1]

 
A mulher mais linda do mundo  [1]
 
 
Ti observo todos os dias
Meus olhos são somente para você
É meu coração quem ti quer
Você ilumina a minha vida
São palavras de amor expressadas por muito te amar

Você é extrema, em forma de estrela
A mulher mais linda do mundo
De o céu você surgir uma linda mulher toda brilhar
Acordo todos os dias com vontade de te beijar
Nunca querida irei ti esquecer, deixa-me te desejar
Para mim você é tudo

Nossos sentimentos são sentido pelo silêncio de nossas peles
Aqueles sentires sensuais, sensíveis
Com você momentos inesquecíveis
Eu te amo, eu te quero, te venero
Casa comigo, seremos felizes para sempre
Cada hora, cada segundo, instantes notáveis
O nosso amor são sentimentos memoráveis

Autor: martims
JOSÉ CARLOS RIBEIRO
06/06.2014
 
A mulher mais linda do mundo  [1]

A Flor...

 
A Flor...
 
A flor
Havia uma jovem muito rica, que tinha tudo: um marido maravilhoso, filhos perfeitos, um emprego que pagava muitíssimo bem, uma família unida.
O estranho é que ela não conseguia conciliar tudo isso. O trabalho e os afazeres lhe ocupavam todo o tempo e a sua vida
estava deficitária em algumas áreas. Se o trabalho consumia muito
tempo, ela tirava dos filhos, se surgiam problemas, ela deixava de lado o marido... E assim, as pessoas que ela amava eram sempre deixadas para depois.
Até que um dia, seu pai, um homem muito sábio, lhe deu um presente uma flor muito cara e raríssima, da qual havia um apenas exemplar em todo o mundo. E disse a ela: Filha, esta flor vai te ajudar muito mais do que você imagina!
Você terá apenas que regá-la e podá-la de vez em quando, às vezes conversar um pouquinho com ela, e ela te dará em troca esse perfume maravilhoso e essas lindas flores.
A jovem ficou emocionada, afinal a flor era de uma beleza sem igual. Mas o tempo foi passando, os problemas surgiam, o trabalho consumia todo o seu tempo, e a vida, que continuava confusa, não lhe permitia cuidar da flor.
Ela chegava em casa, olhava a flor e as flores ainda estavam lá, não mostravam nenhum sinal de fraqueza ou morte, apenas estavam lá, lindas, perfumadas.
Então ela passava direto.
Até que um dia, sem mais nem menos, a flor morreu.
Ela chegou em casa e levou um susto! Estava
completamente
morta, suas raízes estavam ressecadas, suas flores caídas e suas folhas amarelas. A Jovem chorou muito e contou a seu pai o que havia acontecido.
Seu pai então respondeu: Eu já imaginava que isso
aconteceria,e eu não posso te dar outra flor,
porque não existe outra igual a essa, ela era única, assim como seus filhos, seu marido e sua família. Todos são benção que o Senhor te deu, mas você tem que aprender a regá-los, podá- los e dar atenção a eles, pois assim como a flor, os sentimentos também morrem. Você se acostumou a ver a flor lá, sempre florida, sempre perfumada, e se
esqueceu de cuidar dela. Cuide das pessoas que você ama!
E você? Tem cuidado das bênçãos que Deus tem te
dado?
Lembra-se da flor, pois como ela são as bênçãos do Senhor: Ele nos dá, mas nós é que temos que cuidar delas.
Mande esta mensagem para todos os seus amigos, para todos os que significam algo para você, que são únicos em sua vida. Mas se você não mandar, não se preocupe. Você apenas perderá a oportunidade de fazer com que alguém saiba que é como uma flor rara em sua vida. Beijos, abraços e uma regadinha... Para minhas flores com carinho.

Esse texto não de minha autoria eu ganhei como prova de amizade e estou repassando para todos meus amigos com muito carinho, pois vi no texto que tudo na vida tem que ser regado, adoro todos vocês um beijos a todos que aqui vierem para regar nossa amizade.
 
A Flor...

A Flor da Saudade

 
A Flor da Saudade
 
Tatuada pela flor da saudade,
Que brilha com a cor, que liberta o odor da tempestade,
Que magoa, sacudindo o amor que em mim ficou,
Que ilumina a mente, com a imagem que guardou,
Que encara a Besta com a vaidade!

Marcada como se fosse do gado,
Desse sentimento que atormenta pelo que ficou vago,
Por uma marca que ainda se vê,
Que se escuta em cada batida desse coração,
Que ri e que chora, com a ida não em vão!

Triste por ainda sentir a maldita saudade!
Que me prende o espírito a ti!
Que não me larga por essa verdade,
Que esculpiu uma flor em mim,
Que me recorda ainda o Jasmim!

Pois tenho uma flor no meu beiral,
Que me sorri com o seu perfume,
Que me devolve o teu especial,
Sempre que me recordo quem foste para mim!

Marlene

Read more: http://ghostofpoetry.blogspot.com

__________________________________________________
O poema retrata tanto o lado mais negro como o lado mais belo da saudade.
Pois não sendo uma moeda, a saudade tem duas faces!

Abraços e Felicidades
 
A Flor da Saudade

“Lados opostos” - Soneto

 
“Lados opostos” - Soneto
 
“Lados opostos” - Soneto

A soleira da janela é arrimo ao corpo cansado
Neblina no peito, condensada dor, e letargia
A beleza estonteante do horizonte alaranjado
Era só a evidência de mais uma noite de vigília

E num tempo que tem pressa, a noite se alonga
Trazendo na quietude a sensação de abandono
Do outro lado do vidro, quem a vida prolonga
Sorri, diz que desse lado, um anjo vela seu sono

Anjo... que queria o poder de minar toda dor
Cuja fé vacilante, hoje o faz impotente e vão
Camufla num sorriso o frio alojado no coração

Porque nem todo dia, a alma é leve, e tudo é flor
Nem todo dia se consegue flutuar como pluma
Nem todo dia o sol faz dissipar a densa bruma...

Glória Salles
01 dezembro 2008
00:02hr
Santa Casa de Adamantina -SP
 
“Lados opostos” - Soneto

DAS MÃOS, FALO DAS TUAS

 
 
Bom dia querida flor, minha alvorada,
encanto das manhãs do meu jardim.
Libero das tuas folhagens o orvalho
com esses beijos beijados por mim.

Despertei afagando os teus cabelos,
sentindo o calor teu em minhas mãos,
deste corpo que atiça o meu desejo,
que me habita, e me palpita o coração.

Das mãos, falo das tuas impacientes,
dominadora, nos relevos do meu corpo,
responsável do prazer que me envolve
ao qual me entrego, total e absorto.

Florimos nas manhãs perfumadas,
assim; ora eu, ora tu, puro deleite.
Meigo e doce jeito de acordar,
todos os dias, com seus carinhos e enfeites.

Dê-me sua mão ó minha amada.
Caminhemos pela alameda ensolarada.
Sem pressa, nossa primavera não finda.
Amanhã; teremos outra florada.

in voz; José Silveira
 
DAS MÃOS, FALO DAS TUAS

ESSÊNCIA

 
ESSÊNCIA

Às vezes ando às cegas, desafiando os meus dias
Caminho ora firme, ora trôpega,
Esfregando à frente minhas mãos frias

Tudo na vida é tão imprevisto
Embora algumas coisas pareçam naturais
Nada programo, nada planejo
Mas persisto sonhando, persigo meus ideais

Pode parecer utopia, isto que vou dizer
Mas hei de viver todos os meus afetos,
E dar todo o meu amor, a quem ele quiser, e merecer

Um dia, bem sei, minhas forças fenecerão
Envelhecida, e talvez esquecida, deixarei de viver
Mas sei que minha sensibilidade é uma essência
que brotará quando eu me for

Em algum lugar, ela nascerá novamente
Firme e forte, linda e colorida
Visitando mil flores, na forma de um beija-flor

(Cláudia Banegas)
 
ESSÊNCIA

Magia Presente

 
               Magia  Presente
 
A magia se fez presente
Neste contato amoroso
Corpos abraçados; caloroso
Magia presente, evidente
*
No silêncio compreendido
O carinho fala mais alto
Céu sereno, azul cobalto
Sem dizeres, preenchido
*
Corações batendo em harmonia
Amor habita, tem moradia
Mágica com melodia
Notas da canção, em total sintonia
*
Magia colorindo o amor
Magia faz o colorido da flor.

Nereida
 
               Magia  Presente

ENCANTO DE AMOR (l)

 
ENCANTO DE AMOR (l)
 
“O doce encanto do amor é como o perfume
da mais linda flor debulhada em pétalas
cheirosas no coração assim agraciado”

----------------------------------------------------------------

POR FAVOR, PARA MELHOR LEITURA, CLIQUE NO POEMA
 
ENCANTO DE AMOR (l)

AMIZADE TAMBÉM É AMOR

 
AMIZADE TAMBÉM É AMOR
 
“A amizade é uma flor nascida de um amor
Ela é colorida e colore a nossa vida em
Forma de carinho, quando sentimos o
Perfume desta flor exalando amor”

---------------------------------------------------------------
POR FAVOR,PARA MELHOR LEITURA, CLIQUE NO POEMA
 
AMIZADE TAMBÉM É AMOR

Mulher é flor (Dia Internacional da Mulher)

 
A mulher é perfeita como as flores

Desde pequena aprende amar e ser amada

Ser maravilhosa com um sorriso

Mesmo com o coração triste

Quando ela está feliz

Conhece o caminho da felicidade

A mulher perfeita é como uma rosa a desfolhar

Sabe despedaçar um coração

Com um simples olhar

Sempre tira os espinhos antes de olhar

A mulher é perfeita ou imperfeita

Não pela aparência, mas pela inteligência

De ter vários outros sentidos

De saber à hora exata de mostrar carinho

De ter conhecimento que não é Deus

Que está aqui para louvá-lo e dizer

Eu sou uma criatura de sua criação

Perfeita para alguns, imperfeita para outros

Mas continua sempre sendo Mulher

Mulher que ama

Que padece

Que alegra

Que emudece

Que chora

Que sorri

Ser simplesmente Mulher é ser

Mocinha sem rugas na pele

Madura com sinais de formatura

Formada pela Universidade da vida

Carregando no bolso da alma

Um pouquinho de orvalho

Para regar o coração de quem ama

Dentro de si tem um céu estrelado

E vai pela vida distribuindo os pedaços

Como algodão doce vai se espalhando

Formando um tapete de generosidade

Esta é a mulher que todas sonham ser

Mas o que escrevi não é sonho

É na verdade a mulher em si na sua essência

Hoje brindo com todas vocês
 
 
 
 
Mulher é flor (Dia Internacional da Mulher)

GERMINAR

 
Meu coração é semente

Que no teu ser

Encontra perfeito solo

Finca raízes profundas

Bebe o veio úmido

Cria em mim doce seiva

Onde ao morno alvorecer

De rosadas manhãs

Broto flor, fresca

Para te fazer sorrir.
 
GERMINAR

Depende do Poeta...

 
Nasce na noite perversa de frio
Um ínfimo arco-íris de fogo
Fazendo na neve branca
Um rio
(Quase invisível)
Que corre na alma branca
Da paz monótona
(indescritível)
Que era sentida.

Nasceu uma flor
Minúscula e rubra
Para ser regada
Sem dor…

Se algum dia será vista?
Só depende do poeta
E do seu amor…
 
Depende do Poeta...

Quero-te renascida… flor imperial

 
Quero-te renascida… flor imperial
 
Imagem retirada da Google

Perco-me no labirinto
desse jardim que é só teu
toco cada flor delicada
Sinto o aroma inebriante
acariciando a minha pele
sedenta de querer sorver…
mergulho nas pétalas orvalhadas
sem medo dessa flor singular
refrescando a alma olvidada
hidratando o âmago do meu viver

Quero-te renascida… flor imperial
ao afago das minhas asas
do meu zumbido sideral
que importa
se é Outono, Primavera ou Verão
se o vento vive em tempestade
ou se adormece em exaustão
que importa os maremotos
os terramotos, a destruição
quero-te vibrante, colorida
nesse jardim universal
nesse solo arado pelo pranto

Rogo aos Deuses do além
chuva incandescente e mágica
inundando os caules arqueados
desse jardim perdido no nada

Escrito a 27/10/08
 
Quero-te renascida… flor imperial

Quadras de Amor (fantasia)

 
Quadras de Amor (fantasia)
 
QUADRAS DE AMOR (fantasia)

Sempre digo a verdade
Quando amor por ti chamo
Às vezes me dá a saudade
De dizer Amor que te amo.

- Se me vires à janela?!
Passa por lá por favor...
Mas não passes lá com ela
Que vivo morrendo de amor.

À noite quando me deito
Ainda nasce em mim a chama
E logo uma dor no peito!?
Meu coração ainda te ama.

Lá em baixo canta a ribeira
- Daqui ouço o seu rumor
Canta até que Deus queira
E eu sonho contigo amor.

Toda a terra está em flor
Trago a alma renascida
Já te avisto ao longe amor
Na primavera da vida.

Já o pranto em mim rompeu
Já sou um manto de retalhos
Mas não sou a outra, sou eu!
Trago os cabelos grisalhos.

De esperar por ti cansada
Pareço ave no céu sem fim
Trago a voz rouca, calada
Já sou rosa sem jardim.


- Se eu tiver que morrer
Que morra por ti meu bem
- E quando à terra descer
Levo nosso amor também!

rosafogo

Estas quadras tem muito tempo, reconheço que não são ricas em valor poético, mas são minhas, feitas em momentos nostálgicos e hoje? Ah, hoje
dei descando à saudade.
 
Quadras de Amor (fantasia)

MEU AMOR

 
“Lindo mesmo seria o dia em que o amor acordasse e
sem dizer nada apenas com meu coração entrelaçasse”

clique na imagem
 
MEU AMOR

Apenas Mulher

 
Apenas Mulher
 
se eu tivesse que ser flor, com certeza
não seria rosa e nem dália...
seria bromélia.
nasceria pendurada
na árvore que faz sombra
pra tua janela.

seria tua sentinela!

velaria teu sono a noite inteira,
e ao amanhecer, saudaria teu despertar
espreguiçado... teus braços estirados...

se eu fosse brisa...
seria arejos de montanhas,
que invade vales
deslizando por baixo de ramas...
despentearia teus cabelos
e abrandaria o calor
do teu corpo quente
e cansado...

se eu fosse água...
não queria ser de mar
e nem de rio,
tampouco de cascatas...
queria ser água de chuveiro,
pois assim, desceria todos os dias
no teu corpo inteiro...

se eu fosse fogo, queria ser de lareira...
aquelas chamas que aquecem
em tardes de inverno...
ficarias aconchegado e quentinho,
com vontade de degustar vinho...
e se fosse pra ser bebida,
com certeza seria este vinho
pra te aquecer mais ainda...


se eu fosse sol...
se eu fosse lua...
se eu fosse estrelas...
surgiria na cor azul
do céu de baixo da clarabóia
do teu quarto

se sol eu fosse,
não deixaria teu pensamento
escurecer. de amanhecer a
amanhecer sempre irias
me perceber.

se tivesse que ser lua,
faria festa em todas as fases
quarto crescente nos beijos,
pra quando ficar cheia,
ser prato sedutor de ceia...

quando minguante,
[interessante...],
ficaria seminua aos poucos,
até ficar nova... e nua!

eu sendo estrela,
seria cadente no teu corpo
deixando rastros de fogos
com afagos ou explosões de luz...

queria ser tudo a ti...
qualquer dia, hora... minuto qualquer
super poderosa sempre!
mas não posso...

sou apenas mulher!
 
Apenas Mulher

"Sua melhor prenda"

 
"Sua melhor prenda"
 
"Sua melhor prenda" - Soneto

Quero, do teu pampa ser a melhor prenda.
Vivendo esses momentos pressentidos.
Sorrateira, tomar teu corpo, como um templo.
Roubar com toque de malicia teus sentidos.

Deixar teu corpo, fazer do meu, o seu cais.
Enquanto a lua ejacula brilho e esplendor
Cena rara que enquadro na memória
Emoldurando também raro e puro amor

Quero batendo manso e extasiado o coração
Flor, perfumando e viçando meu jardim.
Quero essa certeza etérea, porem palpável.

De desvendar tuas magias, teus mistérios.
Quero meus pés, passos firmes na tua estrada...
E renovando a vida, quero o sonho viável.

Glória Salles
 
"Sua melhor prenda"

Não mudes a cor dos meus olhos verdes... sem ti, são negros como a noite …

 
 
Desejo que vivas um amor assim …

Onde a pureza nítida de amar encontra o lugar mais especial no teu coração …

Onde cada gesto de ternura seja imensamente raro, tornando os instantes inesquecíveis de amar, numa bonita canção para viveres e recordares …

Mesmo não te podendo amar, desejo que encontres um amor igual o maior que o meu …

Digo-te que te amo , soluçando as lagrimas que já chegam ao peito em forma de recado …

Resta me apenas deixar-te um poema:

Ponderas os teus passos, mas a tua sensibilidade te leva a lugares mágicos …

Onde um simples mortal vê uma pedra, os teus olhos de fé, vem um conjunto de arestas com múltiplas possibilidades de criar arte...

Como gostaria de te mostrar que o lugar mais seguro para se estar é o coração do teu amor …seja ele quem for, desde que te abrigue e nutra com autenticidade e lealdade a ternura de uma vida a dois, fazendo-te sorrir nas horas mais chuvosas, te regando de caricias nos dias de sol…

Se nesta vida tens a possibilidade de coleccionar muitas coisas, o que de mais valioso podes coleccionar, são os tesouros sem preço, a família, o afecto de pai e de mãe, a sinceridade de um amigo… a cumplicidade da natureza …

Não desistas da tua felicidade, mesmo por vezes a sintas tão distante …

É uma bênção divina saber que existes …

No trajecto do amor
Não existe atalhos
Logo, não há necessidade
De desviar
O olhar do sentimento…
 
Não mudes a cor dos meus olhos verdes... sem ti,  são negros como a noite  …

ave-flor - poesia

 
ave-flor - poesia
 
alma de janela

as vezes dentro
as vezes fora

dormita dentro de sépalas
não acorda
a qualquer hora

aquele que espera
(sabendo esperar)
saberá do belo despertar

apreciando o desabrochar de uma flor
que não se prende em lapelas

mutantes são as pétalas
pra asas multicores

prontas pra voar

Pelo Dia Internacional da Poesia, quis deixar-lhe um carinho, com o poema acima...

ela é feita alma do mundo,
esta janela que tantas vezes
transpassa de dentro pra fora
de fora pra dentro

alma-flor dormitando
dentro de sépalas
este nosso interior

mas nunca aflora
quando queremos
há que se saber
esperar com paciência
pois quando
desperta, vale a pena
toda a espera

é flor que não
nasce pra ser presa no peito
suas pétalas sofrem mutações
para asas para que possa voar, voar
num céu de papel
em corpo de palavras...
 
ave-flor - poesia

Estufas de Amor

 
Estufas de Amor
 
No fundo uma imagem,
Verde e vazia,
Espera por mim…

São imensos e densos os verdes campos,
Em que plantei num recanto estes versos,
Onde coloquei a semente que nos une!
Que alberga dos nossos corpos os universos,
Numa flor, num queixume de Amor…

Possuidoras de um enorme esplendor,
Peguei nesse primor e espalhei,
Fugindo por verdes campos levei a flor,
Que me libertava e para ti conduzia,
Emanava a fragrância dessa primazia.

E olhando para a planície,
Que forcei a acolher o meu bem-querer,
Ouço os cânticos que choram de alegria à superfície,
Outrora verdes os campos,
Agora num tom escarlate apagam a sua calvície…

Foram grandes essas planuras,
Onde a tua essência não ia ao meu encontro,
Amava e rejeitava as minhas ternuras…
Mas hoje colhi dessas estufas que senti,
Todo o doce néctar, todo o Amor…

Hoje sou um beija-flor,
Da flor onde depositei o teu amor,
E nele delicio-me com prazer…

Marlene

Read more: http://ghostofpoetry.blogspot.com

_________________________________________________

Um poema que fala de semear o Amor, semear no coração do amado e de nesses campos colher o que há de melhor... Amor que vem do outro lado.

Abraços e Felicidades.
 
Estufas de Amor