Poemas, frases e mensagens sobre momentos

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares sobre momentos

Poetas que choram e amam

 
Parti meu pensamento em mil pedaços...
Ouvindo o som que vinha dos espaços
Eu olhava incansavelmente a Lua cheia
Tremia e o sangue fervia em minha veia...
Ah, tornavam-se par de asas os meus braços:
Sentia desenlaçar em mim os nós e os laços.

Quantas horas fiquei assim eu nem me lembro,
Uma..., duas...., três..., melhor parar não vou lembrar.
Era mês de Junho? Julho? Agosto? Ou Setembro?

Chamava ininterruptamente pelo seu nome.
Hoje, somente hoje fui voltando a realidade
Ontem eu estava transformada do amor que me consome:
Relembro que tudo que vivi ontem foi verdade...
Ah, devaneios de amor sempre deixam saudade!
Mas, a noite morre, o dia nasce e desperta a cidade...

E pouco a pouco a rotina de todos os viventes recomeça.

Assim foi. Assim é. E, assim sempre será.
Muitos vivem e contam as coisas que viveram;
Alguns se lembram, mas fingem que esqueceram
Mas, pela mão de Poeta o verso se eternizará!
 
Poetas que choram e amam

“Equilíbrio nos trilhos” - Soneto

 
“Equilíbrio nos trilhos” - Soneto
 
“Equilíbrio nos trilhos” - Soneto

O tempo, num piscar de olhos escorre pelos dedos
Assim como meus sonhos na areia da velha estação
De momentos únicos, esses trilhos guardam segredos
Onde atrevida, intrépida, caminhei sem medo ou razão

Burlei a realidade, com o senhor do tempo joguei
Pra só mais tarde acontecer, negociei com a vida
Resoluta, cuidei de mim, meus caprichos sustentei
E a velha estação de trem, regou-me a alma ressequida

Uma paz rara me veio com lembranças grafitadas
De velhos trilhos, onde vezes sem conta brinquei
E nas profundezas de minhas lacunas me encontrei

Abri mão de compromissos, de estar sem limites atada
Como premio, a ambigüidade de ter amor e desafetos
Mas a paz buscada, como seiva, drenou meus desertos

Glória Salles
 
“Equilíbrio nos trilhos” - Soneto

pre.enchidos

 
das palavras
interstícios
recebo
somente

elas inteiras
vastas cidades
são
e me perco
nas ruas...

perambulo
atrás de quem
não esqueço

minimo espaço
entre uma vogal
e consoante
não mereço
mas é da compressão
das letras
que me abasteço
 
pre.enchidos

O aroma

 
O aroma
 
Da varanda...
No balanço da rede
Meu rosto cintilava
Sentia teus beijos seduzir.

Suave luar enamorado
Essa luz tomava conta de mim...
Quão bom é lembrar-me
Mesmo que me cause dor!

Cerro os olhos...
Aqui - minha alma chora.
Lá – Tu estás além das estrelas...
Junto a este luar fulgurante.
Antes era visto por nós dois.

Lembranças tão minhas
Não tuas – Tirar de mim?
Quando então, chegar meu fim.
Olhavas para mim surpreso
Como cada noite de luar...

Ouvindo nossa canção preferida.
Quão bom é o amor e degustar
Desse vinho da alegria do que se foi...
Esse ninho de carinho!

Ele não está mais, mas eu sempre...
Estou com ele apesar da dor...
Quando é trazido a mim o aroma
Das pétalas da primavera.
 
O aroma

Momentos mágicos

 
" ... de um momento apenas em que tenhamos nos amado.
... sentimento cinzelado,no mármore entalhado ..."
===============================================================

Lembra-se?
Dos palácios encantados,
dos gigantes
subindo em pés de feijão,
dos mares azuis,
de peixes prateados,
das baleias gigantes,
e do cruel capitão.

Torres tão altas,
de blocos de pedra esculpidas,
um cavalo alado
em muralhas de marfim,
estrelas brilhando,
como um punhado diamantes.

Lembra-se ?
As nuvens sobre os montes
quase tocando o azul,
do unicórnio tão alvo,
levantando-se sobre as patas traseiras
e empinando rumo ao céu.

Agora,
me fale sobre nós.
Você e eu,
não somos mais um só,
talvez estejamos apaixonados,
o amor é sempre forte e mais ousado,
mas somos sonhos de outras pessoas.

Lembra-se
de um momento apenas
em que tenhamos nos amado.
Nós, como uma só alma
sentimento cinzelado,
no mármore entalhado,
diferente do momento agora,
o tédio opressivo à alma ascendeu.

Lembra-se? Ainda não esqueci.
Embora longe agora,
sempre consigo lembrar.
Lembra-se dos momentos mágicos,
quando éramos capazes de voar?
 
Momentos mágicos

ONTEM, AMANHÃ E HOJE!

 
ONTEM, AMANHÃ E HOJE!
 
 
ONTEM, AMANHÃ E HOJE!

Ontem:
Feito de pequenos tudos,
Que não podemos esquecer
E não sabemos perdoar!

Amanhã:
Feito de pequenos nadas,
Que nos cabe semear,
Cultivar e fazer produzir!

Hoje:
Feito de cuidados e ações precisas
Que visam apagar efeitos maléficos do ontem
E semear momentos felizes no amanhã!

Ontem, Amanhã e Hoje,
Nós e nossa reconstrução!

Abílio, um espírito amigo!

Página recebida em reunião mediúnica no G.U.E.C.E.
(Grupo União Espírita Caminho da Esperança)
Médium: Fátima Mussato.
Jales (SP), 12/setembro/2008.

Imagem: NET

Música: A Day Without Rain / Enya
 
ONTEM, AMANHÃ E HOJE!

“Tropeço”

 
“Tropeço”
 
“Tropeço”

“Tropeço em tantos momentos vividos
Lembranças que seguem comigo na estrada
Tropeço nesta paixão que não dissimula
Mas é clara, límpida e escancarada.

Tropeço na saudade que me cerca, espreita.
Que ao meu encontro vem nua e se lança
Tira-me o sono, inunda-me os olhos.
E planta em mim, falsa esperança.

Tropeço na tua voz ritmada e rouca
Cujas palavras ecoam em meus ouvidos
Iluminando-me os olhos, tirando os sentidos.

Tropeço em tuas mãos que deixam rastros
Marcando a pele com caricias, provocando.
E esse amor, louco, sem medida tatuando.

Glória Salles
15 / abril / 2008
21h07min
 
“Tropeço”

MOMENTOS REENCONTRADOS

 
São momentos descabidos
Aqueles que queremos sem querer
Momentos fugidios, ás vezes meio perdidos,
Que por vezes, até nos fazem sofrer
Quando os reencontrámos, são momentos queridos,
Mas só o sabemos, quando nos fazem vêr
Que nunca estiveram perdidos
Nós, é que não os sabiamos reconhecer.

Dedicado á minha querida amiga Cremilde
com um beijinho de @mizade.
 
MOMENTOS REENCONTRADOS

Momentos

 
Momentos
 
TUDO NA VIDA SE PASSA EM MOMENTOS,
MOMENTOS DE ALEGRIA, DE SOLIDÃO.
MOMENTOS SÃO APENAS ISSO, MOMENTOS!
MAS NO ENTANTO, OS MELHORES MOMENTOS,
SÃO SEMPRE COM AQUELES QUE NUNCA NOS ABANDONAM
OS VERDADEIROS AMIGOS, OS LEAIS.
AS PESSOAS LEAIS, LEAIS AOS OUTROS
LEAIS AOS SEUS PRINCÍPIOS
LEAIS A VERDADE, NO FUNDO LEAIS À VIDA
A VIDA QUE É FEITA DESSES MESMOS MOMENTOS
MOMENTOS DE ALEGRIA, MOMENTOS DE SOLIDÃO
PORQUE SIM, ESTAMOS TRISTES QUANDO ENFRENTAMOS
SOZINHOS O MUNDO, E ISSO TEM APENAS UM NOME
SOLIDÃO!

PARA TODOS OS MEUS AMIGOS LEAIS UM ABRAÇO!
PARA TODAS AS PESSOAS LEAIS O MEU APREÇO!
 
Momentos

"Chove amor"

 
"Chove amor"
 
"Chove amor"

Quero dias recheados de pura languidez
Sem limitar momentos, amar-te sem hora marcada.
Ser recompensa, não questionar se é insensatez.
Só ver-me nos teus olhos límpidos, mergulhada.

E na privacidade perigosa do teu quintal
Dar-te tudo de mim, entregue... Suplicante.
Sem preço, sem medo de um precipitado final.
Por temer ser essa, uma paixão rompante.

Desses nossos momentos na chuva, quero mais
Porque esse amor ao vento, não apaga nosso fogo.
E a brisa, acende o braseiro ainda mais...

E que venha mais dessa emoção quase palpável
Quero senti-las no som da tua voz ofegante,rouca.
Quero mais de você, nesse futuro viável.

Glória Salles
 
"Chove amor"

QUANDO SENTIR SAUDADE

 
QUANDO SENTIR SAUDADE
 
Cada momento passado estará para
sempre no coração guardado
na eterna saudade

----------------------------------------------------------------

POR FAVOR, PARA MELHOR LEITURA, CLIQUE NO POEMA
 
QUANDO SENTIR SAUDADE

ORQUESTRA DA VIDA

 
ORQUESTRA DA VIDA
 
“A vida é tudo de bom para vivê-la bem
basta ter amor no coração”

Ângela Lugo

------------------------------------------------------------------

POR FAVOR, PARA MELHOR LEITURA,CLIQUE NO POEMA
 
ORQUESTRA DA VIDA

Relógio antigo

 
Relógio antigo
 
Noite serena silenciosa no divã eu estava,
Pensativa sonhando... Tudo, tudo mavioso!
De repente, um som despertou-me
O ponteiro de um relógio antigo,
Tão antigo, mas querido por nós dois
Nesse instante levou-me a lembranças
De momentos tão bons!
Aonde ficávamos juntinhos curtindo
Aquele som enamorados,
Numa sala com móveis rústicos;
Da janela vinha um olor suave frescor da noite,
Das flores do jardim regado por nós.
A luz da lua alumiava o ambiente...
Decerto que não resistíamos logo
Estávamos nos amando como
Da primeira vez, ali é nosso cantinho
Preferido, tão querido porque foi
Ali - que me tocavas com intimidade
Sem medo de ser feliz.
Sempre que podemos voltamos lá,
Na casa que não é de sapé, nem do campo,
Da cidade porém conservada com cara de sítio
Mantida para revivermos cada momento ímpar
Vividos por nós, saímos de lá como meninos felicíssimos!
Quando então brincamos na relva, sorrimos,
Falamos de poesias...,
Quanta alegria renovados rejuvenescidos.
Mas desta vez eu estava só e me pus a pensar
No meu vaguear ao apreciar o ponteiro do relógio.
Logo pensei: a vida é mesmo assim.
Como um ponteiro de um relógio...
De repente a bateria (pilha) acaba.
Dependendo da sorte pode até ser recarregada,
Mas nem todos têm a mesma sorte!
Qual será o meu norte nesse giro de vinte e quatro horas?
Quanto me resta? Horas, segundos, minutos...
Dessa forma, não devemos viver outrora,
Mas tão somente agora!

Mary Jun.
02/12/2016

Imagem Google
 
Relógio antigo

Eu sou poeta

 
Momento de plena felicidade
É quando me sinto poeta.
Eu sou poeta.
Eu sou poeta.
Eu sou poeta.
E é a melhor coisa que sou, sendo para mim...
Não para ninguém, mas para mim.
Ser ou não boa poeta,
Isso fica para o amanhã.
Hoje EU SOU POETA.
Eu teço versos... Com meus sentimentos.
Roubo do ar... Momentos.
Solvo das pedras... Sentimentos.
Descubro paixão... Disfarçada de escuridão.
Eu sou poeta, que ri enquanto chora.
Que renasce a cada aurora.
Que risca em si a fonte de seu existir.
Eu fui poeta sem saber
Eu sou poeta por querer
E serei poeta depois que morrer.

Enide Santos 23/06/14
 
Eu sou poeta

Despedida de um amor

 
Nem sei como começar,
Quando apareceste era tudo inverno,
nada importava,
eu pensava que viva no inferno,
eu parei de viver,
tive te a frente e nem te consegui ver,
escrevo hoje outra-vez,
não dei valor nem vi o quanto preciso de ti,
destruí-te sem motivos,
fui infantil,
e hoje sinto o meu coração a mil,
estou perto de me tornar senil,
se pudesse te mostrar o quanto sinto a tua falta,
o quanto te quero, o quanto te venero,
eu espero e desespero,
agora que o amor acabou e a amizade ficou,
apesar do que fiz,
sou egoísta e quero ser o tal que te vai fazer feliz,
quero te provar que sou mais do que fui,
magoei me ao magoar-te,
sinto falta do conforto,
da palavra do beijo quando tudo dá para o torto,
sinto falta das longas caminhadas,
todas as vezes que falamos e não digo o quanto te amo parecem frases inacabadas,
de me perder no teu carinho,
nunca soube até hoje o que é estar sozinho,
e apesar de tudo é estranho,
tu mudaste o meu mundo,
sempre usei a raiva e sempre mandei tudo ao fundo,
apenas porque estava mal,
hoje estou mal e não sinto necessidade de magoar ou manipular,
estou miseravelmente feliz por apenas estar infeliz
e hoje que te perdi,
encontrei-me e mais uma vez graças a ti
nunca tive a coragem fugi do sentimento,
não te disse que te amava até ao fim,
então nesta escrita tenho tanto para dizer,
que és linda e maravilhosa,
que mesmo na primeira noite chuvosa foi a noite mais luminosa,
quando riamos eu perdia me no teu sorriso,
que me perdi nos teus olhos,
quando fechava os meus olhos no teu colo via as asas de um anjo,
foste a minha deusa e ainda hoje és a minha inspiração,
isto não é só amor é paixão e amizade,
isto é arrependimento e saudade,
este sou eu, e este eu que nunca te disse mas que te ama de verdade...
tentei te mudar mesmo amando tudo em ti,
vi imperfeições onde não havia,
não vi alegria quando a possuía,
e não via a tristeza quando te perdia,
mas hoje que é definitivo,
sei que perdi a melhor pessoa que alguma vez conheci,
apesar de tudo tu és tudo para mim,
se não houver volta então só te quero ver bem,
e se eu não te mereci quero alguém que mereças,
que te diga, que te faça sentir o que não consegui,
amo-te hoje e amarei te até ao fim
 
Despedida de um amor

PROCURANDO A FELICIDADE

 
Vou espremer entre as mãos as emoções
Refinando cada sensação do meu coração
Estes sentimentos que se misturam
Vou retirar os que mais machucam
A dor que se alastra no peito
Por uma ausência de alegria
A saudade que não se decifra
Apenas sabemos que ela existe
A tristeza que faz o olhar opaco
Não deixando a luz do amor entrar
A solidão que nos torna sozinhos
Mesmo estando em plena multidão
Vou deixar sentimentos bons para sentir
Como o amor a fluir em minha vida
A felicidade de me sentir liberta
O sorriso que todos os dias me desperta
A conquista de mais um dia sobrevivido
A alegria de ver o sol nascente ou poente
A paz que meu espírito sente
Escrevendo descobri que temos
Muitos sentimentos bons a usufruir
O melhor a fazer é ser feliz
Procurando a felicidade
Dentro dos pequenos momentos
De nossa vida
 
PROCURANDO A FELICIDADE

Soubesse eu que eras ténue!

 
soubesse eu que eras ténue!
brisa dos cinco elementos.
formada no rompimento dos tecidos humanos
ou em desejos momentâneos.
já idos! em Março.

vislumbrei-te sem halo.
intacta!
como a lua despida ao Outono.
e aceitaste-me com um sorriso de estrelas.

foi no hausto do instante,
inebriado pela miríade dos sentires,
que me deixei,
despercebidamente, sucumbir.
o tempo foi-se, exausto.
e nem sequer, os teus lábios provei.

Soubesse eu que eras ténue!
mas não soube.
e despojando-me das vestes artificiais,
fui pregar às areias do vento.

o voo das aves corria no fluir das lágrimas
ou na força vital que pulsa nas artérias,
e foi nas águas do deserto
que reencontrei a dupla hélice da vida.

a lembrança? deixou de estar corrompida.

falhei o teu breve partir.
mas sei-te ténue, sei-te minha.
no profundo das sequóias vermelhas.

in Comentários na face da Noite
 
Soubesse eu que eras ténue!

MOMENTOS..

 
MOMENTOS..
 
....são migalhas de vida que vão caindo
e nos fazem felizes a cada momento
que as apanhamos,e as colocamos na alma

momentos que ficam para sempre escritos
no livro aberto do coração.que os relógios
do tempo jamais apagarão...
 
MOMENTOS..

O desafiar do destino...

 
Hoje, desafiei o sol
tornando-me mais quente
que ele.
Desafiei o mar
indo mais alto
que qualquer onda.
Tornei-me mais forte
que o vento.
Parei todos os terramotos...
Sequei as cheias,
reguei a terra seca...

Amei-te...

Hoje, desafiei o destino
para ficar apenas o momento...
... no meu peito...

Tália
 
O desafiar do destino...

Com Você

 
Com você reaprendi a rir,
a curtir pequenas coisas
e viver grandes momentos.

Com você reaprendi a caminhar
com as minhas próprias pernas,
sem me embaraçar ou tropeçar.

Com você, meu luto se transformou em alegria,

e minha vida já não é mais vazia.
 
Com Você