Poemas, frases e mensagens de jorgefreitaslopes

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de jorgefreitaslopes

Nasci em 12 de outubro de 1985, sou um libriano típico, indeciso e amoroso..hehe, trabalho no BB, curso e direito e adm, me considero um cara leal e amigo, sou romântico ainda..srrsr(por enquanto) transformo meus relacionamentos em casos épicos e marcante

AMOR É POESIA

 
AMOR É POESIA
 
AMOR É POESIA

Amor é poesia
Escrita num cata-vento
Que gira, gira sem movimento
Para que possa ser lido e relido
Sempre, para sempre repetido
Quando está parado esta amando
Cata-vento colorido

Amor é poesia
Escrita num cata-vento
Que quando é amado, gira, gira!!
Cata-vento de uma cor só
Parece ser um girassol
Refletindo sempre a cor do sol

Amor é poesia
Escrita num cata-vento
Que quando ama e é amado, gira, e gira muito rápido
Sempre, sempre girando
Mesmo que nunca lhe venha soprar o vento
Cata-vento que continuará para sempre em movimento

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
AMOR É POESIA

As flores da vida

 
As flores da vida
 
Cada momento que vivemos são flores
Que enfeitam o imenso jardim da vida
Essas flores trazem amigos e trazem amores
E esses nos trazem sentido, e dão gosto aos nossos sabores
Há algum tempo eu cultivava um jardim de hortências e açucenas
Que significam frieza e angustia serena
Foi quando você apareceu delicada
Como brinco-de-princesa dourada
Trouxe um cesto de flores pra mim
Tinha alfazema tinha alecrim
Que significam calma e coragem sem fim
Por você eu criei o maior jardim que já havia feito
E decorei seus canteiros com margaridas e amor perfeito
Então veio uma grande tempestade
Que transformou o nosso amor em amizade
Das poucas margaridas que sobraram
Fiz bem e mal me quer até a última pétala cair
Mas e o amor perfeito?
Esse eu combinei com a amizade que ficou em mim
E rebatizei-lhe com o nome de amor sem fim.

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
As flores da vida

"MEUS BEIJOS COM CARINHO PARA VOCÊ"

 
"MEUS BEIJOS COM CARINHO PARA VOCÊ"
 
Tua pele macia hipnotiza-me, delicada magia
Segura os meus dedos ásperos e calejados
Que deslizam suaves entre suas pernas esguias
Nossos braços se unem como cadeados
Aconchegando-se um ao outro com cuidado
Seus olhos imitam seus lábios
Dizendo a mesma coisa mesmo sem dizer
Movimentam-se compassados sem saber
Escuto só um pequeno suspiro
Então logo fecho os olhos e beijo-te!!!
E de novo beijo-te, beijo-te!!!
Beijo-te mais e mais...uma vez!!!

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
"MEUS BEIJOS COM CARINHO PARA VOCÊ"

O amor a amizade e o sexo

 
O amor a amizade e o sexo
 
O amor disse "oi" e já quis te amar
A amizade te chamou para conversar
O sexo só te olhou e quieto ficou
O amor reparou no carinho em seus olhos
A amizade faceira te achou companheira
O sexo continuava olhando e tramando
O amor de tão bobo escreveu poesia
A amizade de tão contente apenas sorria
O sexo escolhia os lençóis para a cama
O amor fazia planos distantes
A amizade pensava em como você éra importante
O sexo descarado já estava extressado
O amor te chamou para o grande dia
A amizade preocupada com o que você sentia
O sexo enfim feliz, apenas queria
O amor nesse momento era celestial
A amizade agora já não era tão racional
O sexo eu seu ápice, depois do último orgasmo dormiu
O amor permaneceu acordado, feliz por ter ao seu lado alguém especial

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
O amor a amizade e o sexo

Meu coração

 
Meu coração
 
Quando você chegou
Meu coração estava aberto
Coração faceiro, coração desperto
Coração contente, coração repleto
Éra tão grande e tão rápido batia
Meu Deus!!Quanta alegria!!
Coração!!! Rico coração

Então você se foi...
Meu coração fechou
Agora bate lento
Não aguenta o sofrimento
Coração partido, coração magoado
Coração ferido, coração cansado
Coração!! Pobre coração

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
Meu coração

FLORES DE INGRATIDÃO

 
FLORES DE INGRATIDÃO
 
Hoje aprendi que amar é insanidade
Quando você insiste em me ferir o coração
Ainda tento transformar ingratidão em amizade
Trago-te flores de verdade, flores de sinceridade
As mesmas que um dia envenenadas me trouxestes
Aliás, antes que deserto morra o teu jardim
Morrerei primeiro, ainda regando...
Esperando ver de novo aquela flor que eu conheci

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
FLORES DE INGRATIDÃO

"O LIVRO DOS MEUS AMORES"

 
"O LIVRO DOS MEUS AMORES"
 
Revirei amores passados e te encontrei
Rabiscada em folhas rasgadas que não rasguei
De quando escrevia a felicidade com você
Agora são só pequenos rascunhos de saudade
Palavras mortas que um dia foram sonhos de verdade
Palavras escritas com tinta que não se apagará
Vendo as folhas brancas que não preenchemos juntos
Lembrei que me preenchia do teu amor
Lembrei de quando rascunhava nossos planos
Planos inúteis, letras mortas que escrevi
Planos que não poderei passar a limpo sem ti!!!

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
"O LIVRO DOS MEUS AMORES"

Jorge

 
Jorge
 
Jorge

Queria lembrar de como eu era
Mas Jorge!! Esqueça das cicatrizes
Esculpidas pelo tempo
Sobre o teu rosto

Os anjos não foram embora
Esquecidos nessa longa espera
E esse alguém que antes era
Agora não volta mais

Mantenha teus olhos limpos
Mas sem lágrimas
Espere a vida voltar
E acordar os sonhos que não lembrava mais

Jorge!! O tempo bom logo chegará
E logo sentirás alguém
Que te cobrirá de amor sem te pedir demais
E te acariciará e te abençoará pelo tempo que viver!!

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul..
www.jorgefreitaslopes.com
 
Jorge

"O BEIJO QUE AINDA NÃO DEI EM VOCÊ.."

 
"O BEIJO QUE AINDA NÃO DEI EM VOCÊ.."
 
"O BEIJO QUE AINDA NÃO DEI EM VOCÊ.."

Hoje eu vi você, e me deu uma saudade
Do beijo que ainda não te dei...
Queria beijar de novo a boca que nunca beijei
Queria viajar nesses lábios que nunca viajei

Podia lembrar outros lábios por mim beijados
Outros tantos beijos que dei
Beijos dados, beijos roubados
Mas esses eu nem lembrei...

Dizem que é difícil esquecer o passado
Mas seria possível lembrar o futuro? Não sei...
Só sei que agora só consigo lembrar esse beijo
O beijo que ainda não dei em você!!

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul...
www.jorgefreitaslopes.com
 
"O BEIJO QUE AINDA NÃO DEI EM VOCÊ.."

PÁSSAROS

 
PÁSSAROS
 
Como pássaros livres meu coração voava distante
Planando entre nuvens de um céu cintilante
Sentindo o vento acariciar meus sentidos
Procurando o lugar mais belo ainda escondido

Morava na imensidão do mundo
Não precisava guardar o caminho
Pois todo dia encontrava algo novo
Era revoada!! De um só passarinho

Mas pássaros não voam sozinhos
Também precisam parar, fazer ninho
Não adianta, sempre chega uma hora
De arrastar e colocar as asinhas pra fora

Mas pássaros também podem chorar
E meu coração agora é pássaro preso na gaiola
Infeliz por ter amado
A passarinha que voou e foi embora

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
PÁSSAROS

Meu lugar perfeito

 
Meu lugar perfeito
 
Sei que existe um lugar
Onde é possível escutar
O barulho suave das folhas
E o silêncio suntuoso do mar

Sei que existe um lugar
Onde toda a paz e ternura está
E a confiança não será mais suspeita
Mas certeza acenada no olhar

Sei que existe um lugar
Onde a bondade será costumeira
Com reciprocidade habitual
A verdade fiel e a fé verdadeira

Sei que existe um lugar
Onde o amor haverá
É lindo, é perfeito
E é lá que eu vou te encontrar

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
Meu lugar perfeito

CARTA DE DESPEDIDA A UM AMOR PERDIDO

 
CARTA DE DESPEDIDA A UM AMOR PERDIDO
 
Nessas últimas linhas dedicadas a você
Queria dizer-te “que”
Agradeço a Deus por te conhecer
Adorei ficar ao teu lado
Sentir seu abraço, seu cheiro, seu calor, sentir-me amado
Com você cada segundo aproveitei ao máximo
Foi com você que eu vivi todo o momento
Fez-me esquecer todo meu sofrimento
O pouco que eu tive foi lindo, mágico como eu sonhei
Você fez minha esperança renascer
Mas eu idealizei-te demais, era hora de você partir
Se pudessemos voltar no tempo, voltaria até o primeiro beijo
Mas já não há tempo, foi-se o tempo
Esvaiu-se por entre nossos dedos
Mas não esquecerei-te meu amor!! Pois você é eterna
Não quero que sintas pena de mim, ou pense que sofro por ti
Quero que fiques feliz, pela oportunidade que tive de tentar te cativar
Nunca te pedi nada em troca, porque estavas o tempo todo dentro de mim
Quero que tenhas certeza que tudo que disse e escrevi foi sincero
Quero que sejas feliz e encontre o amor é isso que espero
Não vou mentir que não esta sendo difícil pra mim
Mas agora liberto-lhe de coração
Adeus meu grande amor!!!

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
CARTA DE DESPEDIDA A UM AMOR PERDIDO

NÃO DIGAS QUE ME AMA...

 
NÃO DIGAS QUE ME AMA...
 
Não digas que me ama...
Porque é isso que sempre esperei ouvir
Não digas que me ama...
Por que esse é o único sentido verdadeiro, eu descobri

Não digas que me ama...
Porque esse momento eu desejo esperar até o fim
Por isso amor se você me ama de verdade
Nunca diga “eu te amo” para mim

Não digas que me ama...
Por que se disseres eu morro em tenra idade
“Cruz credo” sou muito jovem para morrer
Mesmo que sejas de felicidade

Não digas que me ama...
Por que senão eu acredito e aí “pobre de mim”!!
Viverei o resto da vida sem viver
Porque todo o sentido dela em apenas um segundo eu achei

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
NÃO DIGAS QUE ME AMA...

Quando tudo é tristeza

 
Quando tudo é tristeza
 
Quando tudo é tristeza
Eu queria te ver
Eu abro a janela e vejo o céu
Escuro, sem nuvens e sem estrelas
Quando tudo é tristeza
Eu queria você
Eu vejo pequenos insetos em roda da luz
E é só agora que eu consigo ver
Quando tudo é tristeza
Eu queria entender
Por que ainda penso em você
Até minha tristeza eu fiz pra você
Minha tristeza é sua
Como sua alegria agora, éra minha
E você levou embora
E me deixou a tristeza de graça
Mas mesmo assim tudo bem
Quando tudo for alegria
Eu ainda vou lembrar de você

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
Quando tudo é tristeza

Sete dias pra te amar

 
Sete dias pra te amar
 
Sete dias pra te amar

Eu tive sete dias pra te amar
Sete dias, nenhum minuto a mais
Será que amei pouquinho?
Será que amei demais?
Quantos beijinhos eu te dei?
Mas que pena não contei...

Eu tive sete dias pra falar
Mas não lembro as palavras que usei
Se foram palavras chatas ou legais
Só lembro que falei
Quantas sílabas elas tinham?
Mas que pena não contei...

Eu tive sete dias pra te olhar
Te olhei sorrindo, olhei sincero
Meus olhos sempre me dizendo...
São esses olhos que eu quero
Mas quantas vezes te olhei?
Mas que pena não contei...

Se eu tivesse sete dias novamente
Tudo que eu pudesse contaria
Cada pequeno detalhe serviria
Para pedir minha anistia
Porque não tive culpa, quero meu perdão!!
Porque foi você que roubou meu coração!!!

Jorge Freitas Lopes
O Poeta azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
Sete dias pra te amar

LOUCURA

 
LOUCURA
 
Não tenho mais vontade
Preciso de força e maldade
A dor eu devo buscar
A dor entorpecerá meus sentimentos
Minha alma esta armada
O cansaço me agrada
Nada me distrai
As horas passam e me devoram
O tempo agora é inimigo
Rezo por um momento de perigo
Muito pouco de mim é racional
A loucura já mora aqui ao lado
O céu parece sempre tão sujo
O que antes esperava agora eu fujo
A dúvida ajuda a me amarrar
O silêncio é a arma engatinhada
A raiva é o desejo de gritar
A propria vida insiste em me matar
O que dei de bom retorna como mal
O amor levou minha dignidade embora
Sobrou a agonia cega me cortando lentamente
Derramando o sangue da ferida aberta para sempre

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
LOUCURA

Por favor amor me diga

 
Por favor amor me diga
 
Por favor amor me diga

Por favor amor me diga
O que faltou?
Eu fui teu amigo, teu amante
E te dei um sapinho falante

Me diga por favor amor
Eu fui carinhoso
Fiz pizza a luz de velas
E te joquei aviõezinhos pela janela

Amor me diga por favor
Te comprei um ursinho gigante
O que mais você queria?
Te desenhei e fiz poesia

Amor por favor me diga
Te mandei um buque de azaléias
E um bilhete perfumado
Prometi sempre estar ao seu lado

Por favor me diga amor
Por que seu coração congelou
Se eu te dei todo o meu calor
E te daria infinitamente o meu amor

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul
www.jorgefreitaslopes.com
 
Por favor amor me diga

O momento que me perdi de mim

 
O momento que me perdi de mim
 
O momento que me perdi de mim

Não me lembro em que dia foi
Não lembro dos detalhes, mas lembro de ti
É lógico, tirando você o mundo inteiro é um detalhe
Se você é o céu as estrelas são detalhes
Lembro que ainda era eu
E fui eu, somente eu, até o momento que te vi
O momento que me perdi de mim
E até hoje não me lembro de quem eu era
Meu coração só quer lembrar você
E para ele também agora..
Sou apenas um detalhe de você

Jorge Freitas Lopes
O Poeta Azul...
www.jorgefreitaslopes.com
 
O momento que me perdi de mim

Jorge Freitas Lopes