Poemas, frases e mensagens de geraldocoelho

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de geraldocoelho

NÃO SEI...

 
Não sei se disse a mim (ó insanidade)
a palavra que pareceu-me, de esperança era...
Não sei, se quando a proferiu, era sincera;
ou se a proferiu por pura piedade!...
=================================

Uma palavra então jogada, assim ao léu;
que um vislumbre concedeu-me, do futuro:
não haverá de ser, o amanhã sombrio e escuro;
não haverá de ser o amanhã, um escuro véu!...

==================================

Mas, antes de todo o acontecido, às do jogo
do amor, preliminares, chamou-me com seu jeito
tão doce; que no altar do culto profano, o leito
nossos corpos tatuamos, do amor, no fogo!...

==================================

Quem ama assim, como amou-me aquela criatura;
como pode proferir a palavra (ó, insanidade)
que me fez emergir do lago de felicidade;
pra mergulhar no lago então, de só tortura?...

==================================

Palavra então jogada, assim ao léu;
depois de sussurrar-me no balançar das ancas,
palavras que libertavam do pudor as trancas;
e depois do amor; um golpe assim, cruel?...

==================================

Tormento igual ao meu, não se descreve!...
É por demais sofrido...valha me Deus!...
Pra não dizer a mim, um triste adeus;
pra minha vã esperança; disse "até breve"!...

================================

(GERALDO COELHO ZACARIAS)
 
NÃO SEI...

AMO-TE...

 
Amo-te de uma forma diferente e intensa

quando cuido de somente encontrar

alguma coisa que me faz tua presença

sentir; e sempre assim hei de te amar!...

-------------------------------------------

Distante estás, por isto esta imensa
e ardente chama em meu peito a queimar...
Buscando-te em pensamentos, a recompensa
minha, é a essência do teu ser no ar

---------------------------------------------------

que se espalha ao meu redor e então se inicia
esta diferente e intensa forma de amar-te,
de alguém que eternamente te cultua...

----------------------------------------------

se não posso beijar-te, colhe a poesia,
se não podes beijar-me, sente à toda parte
minha presença...como eu sinto a tua!...

-----------------------------------

(GERALDO COELHO ZACARIAS)
 
AMO-TE...

MINHA ETERNA NAMORADA

 
Primavera...a flor balançava ritmicamente...

por suas pétalas, de orvalho as gotas!...

Me fazia então teu perfume envolvente;

tua pele sugar como a um conta-gotas!...
---------------------------------------

Verão...lentamente o sol estava a se por...

as aves, não mais como a pouco, irrequietas!...

Um fogo em mim atiçavas, sem o mesmo pudor

de a pouco...revelando tuas partes secretas!..
-----------------------------------------

Outono...o vento carrega as folhas pra bem distante!...

Um remoinho de folhas...talvez um vendaval:

sou eu...um vento forte que chega amante...

és tu...forte vento!...Um encontro carnal!...
-------------------------------------------

E agora que se aproxima do frio a chegada;

da estação que tanto arrepia, não tenho temor,

porque eu te tenho...minha eterna namorada;

com o corpo me aqueces com o fogo do amor!...
------------------------------------------------

E assim foi a nossa vida inteira:

tendo a ti por eterna companheira!...

Primavera, verão, outono, inverno;

pouco importa a estação que se faça...

porque (minha amada) tudo passa;

só não, o amor que entre nós é eterno!...
=========================================

Neste dia em que especialmente

se presenteia a pessoa amada;

tu és (amada minha) o meu melhor presente;

companheira, amante...eterna namorada!...
===============================

(GERALDO COELHO ZACARIAS)[/size]
 
MINHA ETERNA NAMORADA

NO PALCO...

 
Banhada em lágrimas, choravas um choro
não sei se de alegria...atriz;
enquanto a plateia, em coro,
em coro, pedia "bis"...
------------------------------------------
Era a tua consagração, teu dia;
era teu grande momento!...
Lutaste para que chegasse esse dia
do teu reconhecido talento!...
--------------------------------------------
Um choro ante da plateia, à ternura;
talvez de alegria...porém,
teu olhar insistente à procura
estava de um alguém!...
---------------------------------------------
Era a tua consagração, teu dia;
dos teus sonhos atingiste almejada meta!...
Mas, não choravas de alegria;
tua festa era incompleta:
-----------------------------------------
...recebias os aplausos, com brandura,
da plateia...feliz; alguém faltava porém,
de quem mais querias a ternura;
e era eu esse alguém!...
---------------------------------------------
Ao longe avistaste a presença minha;
dois motivos para teu chorar feliz:
foste do palco a rainha,
e a minha, também...minha atriz!...
===================================

(GERALDO COELHO ZACARIAS)
 
NO PALCO...

TE AMO...

 
Dizer “te amo” hoje em dia
são meras frases banais
que todos cantam em poesia,
já era...não existe mais!...
-----------------------------------------
Porém, assim diz minha poesia,
estas meras frases iguais;
mas meu “te amo” se diferencia,
se diferencia dos demais!...
--------------------------------------------
Meus versos eu não escreveria,
não tivesse meu coração em demasia
um imenso amor, amor demais
----------------------------
pela mulher que tem em si demasia
tanto encanto que a diferencia,
a diferencia das demais...
------------------

(GERALDO COELHO ZACARIAS)
 
TE AMO...

Imagem em ação

 
Foste embora...Na foto que me mandaste,posso até notar

que estás feliz na branca areia pela água do mar banhada...

Porém,eu te asseguro que não é a água deste mar,

do que a lágrima que banha o meu rosto,mais salgada!...

Embora,pouco seja ver-te somente em fotografias...

Que linda foto é esta!...Ah!...que maravilha!...

Trouxeste ao meu coração sofrido tantas alegrias:

poder rever-te junto à nossa filha!...

Junto à esta carta que esse ser sofrido te escreve,

e que não te culpa pelo meu desgosto;

queria eu que fossem,também as lágrimas que de leve

e emparelhadas,deslizam pelo meu rosto!...

Lea más: http://www.latino-poemas.net
 
Imagem em ação

Immaculatae Conceptionis

 
Ave Maria!...Tu foste dentre,

tu foste dentre todas,a criatura

desde já de tua mãe,no ventre

concebida de todo pecado pura...

Bem-Aventurada,de geração a geração;

santa tua missão;santa tua sina!...

Bem-Aventurada,tens íntima união

com a Santíssima Unidade Trina...

Antes de nascermos,por nós padecimento

tiveste;pois em teu coração solitário

sofreste a mesma dor,o mesmo sofrimento

que por nós sofreu teu filho no Calvário...

Maria imaculada,do Pai filha dileta;

pede ao Pai,tu que ao seu lado estás;

que faça com que seja,enfim seja repleta

em nossos lares,do Santo Espírito a paz...

Imaculada concebida;livre do perigo

das tentações do mal;protegida és...

Pois o Pai eterno colocou o “inimigo”

Imaculada concebida;abaixo dos teus pés!...

Desde no ventre de tua mãe,és pura!...

Mãe adotiva da humana criatura!....

Bem-Aventurada,de geração a geração!...

santa tua missão;santa tua sina!...

Leva ó Mãe,da humanidade ainda impura,

nosso pedido ao Criador que ama a criatura;

de paz no mundo;tu que tens íntima união,

Íntima união com a Santíssima Unidade Trina...

E para que sejamos merecedores também,

das promessas de Cristo;teu filho...

AMÉM...
 
Immaculatae Conceptionis

Onde...

 
Onde você estiver
e em qualquer
da sua vida momento;
quando a frieza da saudade
em confronto com o calor da ansiedade
(mesmo que não queira)o meu sentimento,
que muito a você me impele;
sentirá na sua pele
junto à carícias do vento...

Onde você estiver
e em qualquer
momento da vida sua;
quando por um curto espaço breve
um corpo celeste se opor a outro se atreve;
conclua:
que quando em noite se faz o dia;
(mesmo que não queira)do meu amor a ousadia,
verá escrito na lua...

Onde você estiver
e em qualquer
momento do seu dia a dia;
quando na terra,no ar,nos céus;os astros
haverão de deixar então os rastros
do meu amor a ousadia;
(mesmo que você não queira)
a sua vida inteira...
 
Onde...

Em breve...

 
Em breve a noite,eu estou seguro

seu manto escuro

(sei que hei de vê-la)

trará para mim a que tanto procuro

no escuro,

aquela que tanto faz falta,a minha estrela...

Em breve no dia que ora cinzento

não vejo mas tento,

minh'alma me impele;

verei a resposta à minha prece,lamento

chegando ao vento

a minha amada;o sol que aquece-me a pele...

Em breve...foi esta a tua promessa,

com pressa

partindo;tenho pressa,te peço:

saudade não cessa;

em breve...disseste...em breve regressa;

em breve eu morro sem o teu regresso...
 
Em breve...

Saudades

 
Oh! crueldade,saudade;
oh! sentimento,tormento
impelido para o não vivido...

E a partida...

Parti,deixei-a,a mão macia...beijei-a,
e quando distante tornou-se o trem seguindo adiante,
me veio a saudade de Aída...

São coisas complicadas,que até de serem narradas
às vezes impossíveis são,mas tenta o coração
do poeta inquietador,falar-te do meu amor...

Estranheza desde a infância sentida...

Mas não sendo o suficiente os versos para dizer o que sente
o poeta;pois o amor é infinito mas como poeta me limito;
de tanto amar,
quero ao mundo inteiro gritar
que eu te amo...Aída...
 
Saudades

NAMORADA...

 
O céu se abriu e um mundo mais radiante
então surgiu naquele instante
em que anjos no céu cantavam em coro;
quando ouvi (minha amada)
de ti, uma palavra pronunciada;
a mais linda palavra...namoro!..
------------------------------------------------
Se já não bastasse, de nossas vidas ser a aurora;
como é que nasce sentimento assim, fora de hora;
como um infante ser, pode vencer o que não se vence?...
Não sei...só sei que o que eu entendia ser inacessível;
ter teu amor um dia, fosse possível;
possível é...pois o teu coração, ao meu pertence!...
-------------------------------------------
E hoje que nossas vidas diante de um representante Divino
se fizeram (há muito) unidas; sacramentado o nosso destino;
anjos no céu saúdam o nosso amor; e mais nada
é importante, a não ser sacramentar tudo de novo;
diante do Divino representante, às nossas juras, dar um renovo
eternamente...amada-amante...esposa...namorada!...

======================================
(GERALDO COELHO ZACARIAS)
 
NAMORADA...

MATEMÁTICA...

 
Ciência em que em momentos sofridos

entendê-la tentar após;

nos deixa totalmente enlouquecidos,

nos tira fora de nós!...

==================

Ciência em que me questiono:

que resposta à pergunta algoz?...

Então me entrego ao abandono

do mundo, comigo a sós!...

===================

Permaneceste calada, estática!...

E eu também sem ter voz!...

Eras pura matemática;

meu Deus, que ciência atroz!...

====================

Sem que eu nada dissesse, partiste;

fiquei comigo a sós!...

Por não entender-te, hoje sou triste;

de dois, seríamos um só, nós!...

===================

Bastava um longo beijo, um abraço

(ó minha sina algoz)

contra a lei da física, o mesmo espaço

dois corpos ocupariam!...Nós!...

================================

(GERALDO COELHO ZACARIAS)
 
MATEMÁTICA...

O CANTO DO UIRAPURU

 
Aqui nesta mata perdido

de amor; um amor proibido...

Desespero de uma mente nada sã;

eu te peço: "numa criatura emplumada,

me transforma, pra que junto da minha amada

eu possa sempre estar...ó, tupã!..."

========================

"...Eu que já de seu coração sou cativo;

um amor impossível em que à espera vivo

de poder vê-la; seja noite, ou manhã..."

Do céu à floresta então veio

a pedido atendendo de quem ama o alheio;

transformando-o em um pássaro; tupã!...

===========================

Disse então: " se tu queres (eu não te proíbo)

com teu canto, conquistar a esposa do chefe da tribo;

mas, como pássaro, somente..." Ordenou tupã!...

Mesmo vendo do destino a insídia;

com seu canto conquistou o coração da sua índia;

fosse noite, ou fosse manhã!...

===========================

Do uirapuru quando ressoa o canto, tranquilo

o mundo todo para então pra ouví-lo;

é de um casal de se amar, no afã!...

São duas felizes criaturas aladas

que cantam seu amor, e são abençoadas,

abençoadas pelo deus tupã!...

============================

(GERALDO COELHO ZACARIAS)
 
O CANTO DO UIRAPURU

Proclamação da república ( I )

 
Arrancaram-nos de nosso habitat;
cativo fizeram um casal que era livre...
Porém o fruto que esperas no ventre,terá
liberdade;com a bendita lei “do ventre livre”...

A “realeza” não mais imperará;
nem suas garras cruéis que o livre
pensamento impede;agora está
com dias contados...assim Deus nos livre...

A negra cor da pele,agora é alva...
O crer no “Eterno” as nossas vidas salva...
Eu lutarei para que se torne pública

a liberdade do nosso amor;o amor intenso
que te dedico me diz que venço
e proclamarei no país do amor...nossa república...

Lea más: http://www.latino-poemas.net/modules/ ... toryid=5210#ixzz1cEAMVC5M
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives
 
Proclamação da república ( I )

Amor imortal(o meu eu sei que existe)

 
Será que amor é imortal,
ou será que ele algum dia
como a tarde morre na agonia,
morre e chega ao seu final?...

Será que o amor é real,
ou será apenas fantasia
que murcha,fenece,esfria,
ilusão passageira irreal?...

Não sei,só sei que o que carrego
no meu coração,vai além
de onde o olhar humano aviste;

um amor infinito,quase cego,
este eu sei e muito bem
e posso dizer “este existe”...
 
Amor imortal(o meu eu sei que existe)

PARAOLIMPÍADAS...

 
Ao recebermos-a, em nossa sala de aula; contente
ela estava (hoje sei) notava-se pela sua voz...
Mas, o que em uma sala de "especiais"; tão diferente
fazia, uma pessoa tão diferente de nós?...
=============================================
Naquele ser, um não sei o que de muito agradável havia!...
Meu Deus!...que estranhesa intensa:
eu, que simplesmente não posso enxergar a luz do dia;
via a sua doce presença!...
============================================
É como se de repente numa noite escura,
algo misterioso faça que raie
uma doce luz: sua figura
como um código braille!...
=============================================
É como se de repente, num ser, um outro se encarne,
e do outro, o coração o alberga;
e "vê" sua pele macia, a suavidade da carne;
muito melhor do que quem enxerga!...
=============================================
Falou-me: "meu caro amigo, talvez tu até acredites,
talvez tu até supões
que não possas superar os teus limites
nas paraolimpíadas competições;
============================================
porém, se queres, vem e verás que com persistência,
chegará teu grande dia:
tu vencerás , pois não terás visual deficiência,
comigo sendo teu guia"!...
============================================
Conquistamos a medalha de ouro!...
Porém, o maior valor,
o verdadeiro tesouro
foi antes o nosso amor!...
============================================

(GERALDO COELHO ZACARIAS)
 
PARAOLIMPÍADAS...

Dois "tesouros"

 
Se muito antes de seres concebida,

alguém em sonhos e planos já te amava

e amou com alegria intensa e tão sentida

quando enfim grávida se encontrava;



e eram dois corações num só ser

e um deles,de todos o mais feliz era,

enquanto o ventre cada vez mais a crescer,

aguardava os longos nove meses de espera;



assim,muito embora bem distante,

o meu coração de pai,compartilha

nesse amor,em igual intensidade e constante

por ti Maria Carolina,minha filha...



E esse alguém te quis com redobrados

sentimentos maternos e não deixou que ficasse

o seu amado ser sem seus cuidados

pra que felicidade nunca te faltasse;



e se hoje que não és tão pequenina,

os mesmos cuidados tem,pois é eterno

este sentimento forte que domina

os corações;chamado amor materno;



assim embora eu não tenha feito parte

de tudo isso,o meu coração de pai compartilha

nesse amor,por isto canto para falar te

Carolina,o quanto eu te amo,minha filha...



E hoje,a esse alguém(que é mãe)de fibra e coragem,

dedico o imenso amor que meu coração contém

cantando a mais justa e merecida homenagem;

e a ti,minha filha querida que és mãe...também...
 
Dois "tesouros"

Um verdadeiro Natal

 
Eu posso e gosto de ter mesa farta(não minto)

nesta noite festiva e bastante especial...

Porém,se não me lembrar do mais carente,faminto;

não será um verdadeiro NATAL...

Eu posso,tenho(e a Deus em agradecimento sorrio)

um lar,abrigo acolhedor;nesta noite sem igual...

Porém,se não me lembrar do mais carente,com frio;

não será um verdadeiro NATAL....


Eu posso sentir-me feliz,tendo a família ao meu lado,

numa ampla e confraternização total...

Porém,se não me lembrar do menor abandonado;

não será um verdadeiro NATAL...

Eu posso;tenho e agradeço a Deus pela ausência

em meu lar;de problemas com álcool;drogas;este mal...

Porém,se não pedir a Deus que de todos tenha clemência;

não será um verdadeiro NATAL...

Um Natal verdadeiro

é daquele que primeiro

não pensa em receber presente;

antes se presenteia;

se condói da dor alheia;

do pobre;do mais carente;

e a todos trata com amor;

pois sabe que é o CRISTO-Redentor;

de todos,o MAIOR PRESENTE!...
 
Um verdadeiro Natal

Sonho contigo

 
Sonho contigo dia e noite,noite e dia,
são sonhos diferentes,é bem verdade:
de dia,puro sonho,fantasia,
de noite,transformado em realidade...

Vem,vem que eu quero contar-te
um sonho diurno que tive contigo;
quero que também faças parte
deste diurno sonho à noite comigo:

liguei a“TV”e num breve instante
em sua tela vi retratada
a tua imagem de mim fugidia;

alcancei-te por mais que estavas distante,
e ouvi-te em meus braços entrelaçada
a me dizer:sonho contigo noite e dia...
 
Sonho contigo

Faz parte de mim

 
Faz tanta parte de mim a minha amada,posto

que as coisas belas da vida nem têm sentido...

Para o perfume da primavera nem tenho gosto

se nem mesmo seu perfume tenho sentido...

Está em mim unida,que nos momentos

em que a saudade aperta por sua falta;

sem poder senti-la em pensamentos;

até mesmo da saudade eu sinto falta!...

Se ao invés de dizer adeus,disse até breve;

que seja pois o seu regresso,breve;

e ouça pois a minha amada este queixume:

volta amada minha,minha amada,volta;

quero sentir de novo à minha volta

da vida a essência que é o teu perfume...

Lea más: http://www.latino-poemas.net
 
Faz parte de mim