Poemas, frases e mensagens de Ppoetamenor

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de Ppoetamenor

Um homem também chora

 
Levo silenciosamente dores colhidas
Das estradas que passei
Inundam os espaços vazios
Com lágrimas, e na alma dói

Dói e não posso chorar
Meu universo chama-me homem

Busco coisas fúteis
Emendo as minhas dores
E quando no silencio toco-me
Dói tão forte

Mas tão forte que acabo por chorar
Por ser humano!
 
Um homem também chora

MEU ANJO DO AMOR

 
Oh, meu anjo do amor
Leva em forma de espírito
O amor que tanto me enche de dor
E me deixa em pranto

Sobre a cabeça
De quem me fomenta
Este sentimento,
Derrama-a
Com o seu poder
Fá-la

Ter piedade de mim!
 
MEU ANJO DO AMOR

O amor é estrangeiro

 
Se alguém cantar
Numa voz longínqua
E o seu coração nevar
Não se importa com a língua,

O amor é um estrangeiro
Que descobrimos a fala nos gestos!!!
 
O amor é estrangeiro

UM SONHO DE AMOR COM VOCÊ

 
Já havia nascido a lua
com algumas estrelas
espalhadas no céu

anunciava Inverno
a beira mar
no silencio das ondas
a noite estava fria

acompanhados nos abraços
entre nós era verão intenso
no momento que comemorávamos
“a nós”

No arear da praia tudo era muito lindo
prometemos as ondas
que só o amor seria companheiro
da nossa união

emocionaste-te, e olhastes para mim
com uma lágrima no rosto

Ali ficamos entre os beijos
abraços e tudo mais
sem nos lembrarmos de mais nada
despertamos na aurora

e quando nas cortinas do tempo revelou-se,
brilhou avisando novo dia
despertei, era um sonho de amor com você!
 
UM SONHO DE AMOR COM VOCÊ

Zungueira

 
Deambula nas ruas da vida
Enrolada de outra vida nas costas
Carregada de um sacrifício
Em busca da continuidade
Daquele ser que lhe consome forças
Daqueles que esperam desta sacrificada

Sem nada, senão nada para sobreviver
Sem vida, senão vida para respirar
Sem sonho, senão sonho
Sem estrada, senão estrada que faz seus dias

Tem sentimento, é forte e bela
Tem alegria no rosto, chora na alma
Tem no coração lágrimas em dor
Deste árduo destino

Não vê a beleza de um dia lindo
Vê apenas trajectória do seu dia
Quero apenas seu pão em dia
 
Zungueira

Só queria ser feliz

 
O mundo só é feliz
Quando as pessoas são felizes
E por mais absorto que é…
Existe quem procura a felicidade

Momentos, sonhos e esperanças
Num tempo bem concebido
Não queria lhe fazer apenas mulher

Queria-a como minha confidente
Na vida e na alma, minha intimidade
Ter a certeza depois da morte
Que vivi tudo que fosse felicidade

O infinito amor nas profundezas do meu ser
Veio totalmente de você

Em busca daquilo que eu queria ser…
Me doei por completo

Porque queria ser feliz

Só queria ser feliz

Quando vivi por você
Quando de amei

Queria apenas ser feliz!
 
Só queria ser feliz

África que te chamam berço

 
Navegaste em águas salgadas
Para horizontes desconhecidos
Alimentaste a humanidade
E deixaste pegadas, lágrimas de saudade

Cantaste a dor dançaste a liberdade
No som do batuque,
Mostraste a cor o seu sangue
Com firmeza e humildade

Hoje, África que te chamam berço
És uma galaria de talentos
Nos ventos
Que sopram o universo
 
África que te chamam berço

Frustraram o sonho d´outrora

 
Frustraram o vento quando havia céu isento
Ao ver-me crescer no eu sem ser…
Perdi num certo homem que queria ser

E como se não bastasse
Anestesiaram cedo minhas corridas inócuas
Perturbando minha meninice

Hoje meu ser reside numa zona barricada de sonhos
A eleger o que poder ser,

Ah, se eu fosse o que queria ser!
 
Frustraram o sonho d´outrora

Físicos em sintonia com amor

 
ah! palavras que arvoram o sol, o sol da alma
e congraçam no coro das aves que abrem o dia
sussurram no espaço e inventam enigma
esclarecidas nos fervores suaves na cegueira da lua

ali, a morar no estante nas garras excitante
mia cata mia gato com prazer
os físicos enlaçados no lazer
e os ressentidos na sintonia do amor contentes
 
Físicos em sintonia com amor

Semana santa

 
No meio deste mar turbulento
Eu estou aqui,
Também agitado

Como o céu da árvore a tocar na terra
Eu estou aqui
Tentando me recompor

Como o dia que nasce sem sol
Eu estou aqui
Para ver o sol de outro dia

Como vento que procura seu fim
Eu estou aqui
Seguindo o destino

Eh, aqui estou
A comungar dissabores

Porquê me abandonas, céus?
Você sabe do meu íntimo

Porquê?
 
Semana santa

NÃO SOU O ROSTO

 
Eu não sou o rosto
Sou aquele, o que as pessoas
Dizem ser!

Meu rosto é o retrato vivo
E não mostra o que sou
Muito menos o que sei

Sou como um livro fechado

Para uns, cheio de mistérios
A vista de outrem, sem surpresas
No meio de desconhecidos, sou o rosto
 
NÃO SOU O ROSTO

(Um novo ano se aproxima)

 
Mesmo quando não se sabe contemplar
A simplicidade das coisas, espera-se
A cada ano
A cada nascer do dia
A brisa da manhã,
O canto das aves,
O nascer do sol, a chuva,
A noite, a lua, as estrelas,
O vento, o sonho, o amor, a graça,
O continuar da vida

E porquê então esperar?

Porque a vida é esperança
E viver é a única forma de contemplar o tempo
E desfrutar todos os prazeres dela

Então a beira dos dias que fazem o presente
Um novo ano se aproxima para renovar vidas e sonhos

Que seja então este o ano
Que as vidas se renovem
Que os sonhos se realizem
Que a paz viva nos corações
Que o mundo seja único
Que se manifesta em nós o dom de acção de graça
Que reina o amor nas famílias
Que brindemos todos o único motivo
A vida

FELIZ ANO NOVO!
 
(Um novo ano se aproxima)

Fruto das ciências

 
Sou fruto das ciências
sou ideia da filosofia
formado pela biologia
permaneço com ajuda da medicina,

envolvido na sociologia
controlado pela psicologia
habilitado pela pedagogia,

localizo-me na geografia
narrado pela história
sou discípulo da ideologia,

e dentro das ciências vivo!
 
Fruto das ciências

PROCURO

 
Procuro encontrar em sonhos não sonhado,
o amor que a vida não deu-me, o sabor de
um olhar perfeito, o abraço sincero que a minha
pele não sentiu,

procuro em torno da vida palavras que não sejam
minhas, mas que venham ser minhas no meu caminhar,
ar que adormece este anseio,
viver no silêncio dos enigmas,

procuro santificar a minha alma
com o sacramento do Amor
ungido de versos dos poetas
que falam o amor,

conhecer o sentido da lua, estrelas nos romances,
preparar uma aventura para uma praia deserta,

Procuro!

Vive distante das histórias de amor
Um (a) eremita querendo socializar-se!
 
PROCURO

DIA DOS NAMORADOS

 
Orvalho no jardim na aurora de Fevereiro
Brotam flores poluindo o amor
E despertam todos os corações apaixonados
Na manhã de catorze dos namorados

Suspira-se o amor, a paixão e também a solidão
E basta um olhar, para ver o sentido deste dia
Nas cores dos presentes, na alegria de um sorriso
No céu que decora as nuvens para uma noite de estrelas

Catam o amor os pássaros
Chove beijos em todo lugar
Noite a luz de vela
Um jantar bem acompanhado
No silencio de uma musica romântica

Paira somente a verdade de um namoro
E quem sabe
Um pedido de casamento.
 
DIA DOS NAMORADOS

Frase

 
A aparência da vida
Está no jeito como
Figuramos ela a cada dia!
 
Frase

frase

 
Um mais um são dois
E dois é número da felicidade
Porque ninguém é feliz só!
 
frase

Onde mora o poeta?

 
Procura-o no silêncio
nas ervas do jardim e na sensibilidade das orquídeas
nos rastos das ondas no oceano
na atitude das plantas

Procura-o na paz da crença
na água calma e nos versos da alma
no ar frio da noite, na calma ao nascer o dia
na pureza dos sentimentos e na aliança

Encontra-o no poema, a amar o ser ou não ser da vida!
 
Onde mora o poeta?

Dá-me também a força

 
Se me vires a rastejar com a vida,
Ao dares-me a sua mão
Não dá apenas o gesto da boa intenção
Dá-me também a força
Para eu me sentir firme,

Que o bom gesto
Não vêem só de um bom gesto
Vêem também das palavras de coragem!
 
Dá-me também a força

Frase

 
Sonhos são somente sonhos
Porem, aquele se prende no ego
Como um bichinho incomodo
Não é apenas sonho,

É o futuro!
 
Frase