Poemas, frases e mensagens de BeatrizTrevisani

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de BeatrizTrevisani

Ainda te esperarei...

 
Ainda te esperarei...
 
Ainda posso sentir tuas mãos,
ainda vejo teu corpo na minha frente,
ainda posso tocar esse teu rosto, com meus dedos,
ainda me olho no espelho, e vejo que a ti pertenço,
ainda sinto o teu cheiro, e fecho os olhos, imaginando o teu abraço,
ainda há um sentimento que grita, dentro desse meu peito,
ainda há lágrimas escondidas numa tristeza insana,
que me castiga, e faz-me pensar em ti noite e dia ...

Ainda meus olhos te procuram,
por vezes desesperados
na multidão,
ainda meu corpo se envolve em outro toque,
desejando o teu!
Ainda deixo a janela aberta na madrugada, e,
olho para o céu desenhando o teu sorriso...

Ainda meu desejo inflama,
querendo-te insanamente,
ainda nos meus ouvidos estão tuas palavras
escorridas pela minh' alma,
ainda minha boca pedi teus beijos,
e minha chama por ti, não foi apagada...

Ainda nos sonhos eu te encontro, e materializo cada gesto seu,
E pode passar anos ,meses ,dias, horas ...
Que ainda te esperarei com amor...
Em todas as noites infindas e solitárias !
 
Ainda te esperarei...

Amor de amantes

 
Amor de amantes
 
Das constelações que cintilam no céu,
não brilha mais que o olhar de um apaixonado...

E nas profundezas de um coração ansioso por amar,
o ser amado está desenhado em todos os detalhes,
num sentimento ilimitado que ultrapassa barreiras ...

No fim de tarde, em que o sol se põe,
a chama do amor revive, e queima,
fazendo o ápice de todo fulgor ir além,
de qualquer das circunstancias,
e desse querer de jamais, ficar só ...

O firmamento de um elo feito por juramentos,
em um dia de verão, que o sol sorria iluminando,
as promessas desses amantes iludidos por suas paixões...

E quando a noite chega, o desejo serpenteia os corpos
quentes e viciados de amor, de todos os apaixonados,
que brincam com suas vontades sequiosas de sentir,
esse prazer que arrebata, e toma conta de todo ser ...

Amor, amor, tão alma, e tão carnal,
por vezes tão leve, como floco de algodão
solto, leve, e mansinho, voando pelo ar,
como se deixasses o vento levar-lhe a plenitude ...

E outras esse tal amor,
torna-se uma bomba,
que explode, transborda , desfere
envolve, e bagunça, arrebatando,
e queimando tudo como larvas de vulcão ...

Amor que por vezes faz sorrir,
e outras faz chorar...
Viver, morrer...

Amor de amantes,
umas vezes tão reciproco,
e por distrações as vezes, tão desprezado...
E quanto somos dependentes dele?
 
Amor de amantes

Roto amor

 
Roto amor
 
A noite cai nos ombros,
ainda a resquícios do dia em mim,
vem chegando a madrugada,
chegue sono, para que eu possa sonhar ...

Lembro daquele amor que foi tão meu,
hoje tão mal amado,
sentiu o sabor amargo de meu egoísmo...

Teu roto amor,
misturado com minhas migalhas de sentimentos, ofertadas,
corações tão vadios ...

Amor, meu doce e bandido amor,
que por tantas madrugadas me esquentou,
e hoje o que nos resta,
é uma fresta de saudade,
que por uma sólida solidão,
se faz canção em meu tempo.

Perdoe-me amor,
pois não sou eu quem irei,
teus olhos um pranto de dor...
Mas homem forte que és,
logo se erguerá !

Não sou eu quem estarás diante de ti,
minhas lágrimas de sangue são internas, e não verás !
Essas lágrimas escorrem num peito latejante, e orgulhoso,
que cruamente vive dias infindáveis ,
de mais um amor que se vai...
Amor que não é amar ...

Meus versos não tem dono,
coração meu, talvez terra de ninguém,
que voa mais que passarinho,
sem uma direção a seguir...

Minha bagagem está sempre pronta,
e vou continuar na estrada da vida,
seguindo a cada dia !

Poema : 05/03/2014
 
Roto amor

Mistérios entre a lua e o mar

 
Mistérios entre a lua e o mar
 
A lua faceira recostou-se no mar,
hipnotizou-se pelas ondas inconstantes
e o brilho das águas,
e assim quis logo o mar, que lhe jurou noites de amor,
Mas sem amarras, o mar era liberto e nada lhe podia prometer !

A lua entristecida resolveu então,
só admirar as intrigantes e misteriosas
águas do mar ...
Entreter-se suas madrugadas com a melodioso som das águas,

E o mar não contentado
tenta conquistar a lua romântica,
e enternecida de ilusões,
a mostrar-se numa exuberância,
chamando-a, e envolvendo com suas ondas insaciáveis...
Sem forças para resistir a lua pergunta :
Para onde mar, queres chegar ?

" Tu lua descobrirás o meu verdadeiro mundo,
e saberás meu verdadeiro amar,
e lá poderemos reinar ... "

...E assim sucede-se o eterno mistério entre a lua e o mar ...
 
Mistérios entre a lua e o mar

A minha noite

 
A noite vou pra rua,
O céu estrelado sorri pra mim,
Hoje é dia D,

Quero me divertir e esquecer,
Qualquer estresse do trabalho,
Hoje foi dia cheio,
Mais a noite também será cheia de diversão,

Vamos simplificar,
Nada de complicar,
Vem me enamorar,
Cantar,extravasar...

Vida, vida,
Estou aqui para viver,
Não vou perder tempo pra dormir,
Está na minha hora de sorrir,
Uma cerveja por favor,

Ah quem sabe não te encontre por aí,
Com esses olhos tão verdes e reluzentes,
E então juntos dançar por está noite,

Ai, o que fazer se a paixão nasceu,
Agora é tarde pra voltar atrás,
Já que resolvi ir na chuva,
vou me molhar,
Apostar no que pode dar,

Não sei esconder a vontade que tenho de você,
Não sei e não quero disfarçar,
Eu estou afim de te amar,
A saudade me consome,
Me vem aquele querer agonizante,

Me envolver com você,
Me perder nos teus carinhos,
Ai como gosto desse teu sorriso de menino vivido,
Te espero nesta noite, feliz por que sei que vou te ver,

Estarei sedenta de amor,
o calor do meu corpo vou transfundir pro seu,
esse coração bandoleiro hoje é só seu,
vem cá meu gato,
por que hoje eu quero te amar!
 
A minha noite

Sem saber dizer ... Mais tenho que dizer, que te amo!

 
Sem saber dizer ... Mais tenho que dizer, que te amo!
 
Quando o verde dos teus olhos pousam em meu corpo,
e meus olhos em chamas, te queimam,e me faz levitar,
quando minh'alma sai de meu corpo,
e se encontra no mesmo instante, com a alma tua,
queimando em brasas... Doce sedução !

Como pode mexer tanto com a alma,
esse tal amor, tão carnal ...
Me faz de louca dependente, das caricias tuas, tão assanhadas,
destas tuas mãos deslizando, em meu corpo,
a desenhar todo teu prazer...

Preciso tanto desse teu corpo quente, em minha madrugada!
preciso tanto desse teu sorriso no meu amanhecer!
Preciso desse teu jeito vivaz, para alegrar cada dia meu,
que se torna teu, pelo meu amor amarrado a ti !

E na maioria das vezes, todas as vezes,
quero olhar nos teus olhos sorrindo,
sem saber dizer ... Mais tenho que dizer, o quanto te amo !
 
Sem saber dizer ... Mais tenho que dizer, que te amo!

Eu imagino ...

 
Eu imagino provando teu doce veneno,
e esse teu veneno, escorre dentro de minhas veias,
e ferves o meu sangue ...

Sinto assim o toque de tuas mãos,
tua boca prova meu sabor...

Meus olhos se encontram no prazer,
que teus negros olhos ofertam,
me envolvendo em teu jeito sedutor ,e misterioso ...

E imagino assim,
a tua frente, e me tocas,
e temos deleitosas sensações,
que nossos corpos unidos podem nos conceder ...

E imagino,
tu tão lindo assim,
em meu leito,
mirando-me,
assim como miro desejosamente, o corpo teu ... !
 
Eu imagino ...

Gato bandido

 
Aqui lembrando de ti,
com meu corpo entorpecido e nostálgico,
com todos os pensamentos de lindos momentos,
escutando nossas músicas abraçada contigo,
sem nenhum pingo de culpa em ser feliz...

meu olhar se desperta lembrando de nosso cantinho cativo,
simples e tão aconchegante...Com cheiro de amor no ar...
Sentindo esse calor que emana de tua pele branca e macia,
esse teu cheiro de homem fatal arrebatador...

Volta logo gato bandido,
te quero colado em mim...
Sem nenhum pudor te amar,
naquela brincadeira que a gente faz,
sem o menor medo de se arrepiar...
Tendo aquele misto de sensações insinuantes e perigosas...

Volta logo,
vamos ter nossas noites sempre tão quentes,
incitantes, fervorosas de paixão...
Vem queimar nesse corpo que tu nunca resiste,
sempre se denuncia colado em mim queimando de amor...

Não faz mal,
eu gosto assim desse teu jeito espontâneo,
que não sabe esconder suas reais vontades,
eu quero você do seu modo ...
Isso me faz tão sentimental e leve,
simples você sempre tem o dom de me deixar assim!
 
Gato bandido

Sedentes

 
Sedentes
 
Avistei ao longe,
Da vez que o meu olhar foi além do horizonte,
O verde intenso de uns olhos
Cheios de mistérios e fantasias ...

Na imensidão que o universo trazia consigo,
Mentiras de uma verdade imperfeita,
Da plenitude de um sentimento que crescia,
A cada instante,
No sentir de um toque ...

Do lábios cheios de sedentes,
À busca da língua molhada de desejo,
Levando ao caminho da perdição ...

Do fogo ardente da pele incendiada,
Que aspira o ardor latente incansável,
De possuir todo o prazer ...

Além ,muito além do que se pode ousar,
Num lugar oculto, em que lá se pode
Ver a real beleza dos fetiches do prazer,
Do momento em que, pode-se sonhar
E após o desejo adormece,
num cansaço em que o corpo satisfaz ...!
 
Sedentes

Obrigado por existir

 
És o autor das noites mais felizes de minha vida,
é deitada em teu peito cabeludo,
em que sinto minha adorada paz,

É nos teus beijos que sou feliz,
e quando estou na mira do teus olhos,
é que me sinto segura...

Obrigada meu amor,
por me proporcionar o melhores momentos de minha vida,
tu és aquele que mesmo não me entendendo,
me apoia sempre,sempre...

És tu que quando estou sem rumo,
me mostra teu sorriso mais confiante,
dizendo que vai dar tudo certo...

Me perdoe pelas vezes que falhei contigo,
foi tentando acertar,
que mais errei ...

Te peço perdão,
por ser assim, sempre tão orgulhosa,
eu amo você,
não tenho mais duvidas,e,muito menos medo...

És o meu rei,
aquele que não me sufoca,
só me faz feliz enroscada nos teus braços...

É tão real esse amor,
obrigado por esperar,
chegou a hora de sermos felizes...

Meu homem,
minha vida,
minha paixão,
meu lindo menino maduro...

Tu és meu porto seguro,
és o meu nascer do sol,
é o ponto G de minha felicidade...

Nunca pensei em me sentir tão bem,
convivendo todos os dias com a mesma pessoa,
que me encanta,surpreende, e fascina...

Tenho orgulho de ser eu a menina do teus olhos,
és o meu ponto final,
és tu que sempre me agita nas fases tediante de minha vida...
Obrigada meu menino maduro, por existires!
 
Obrigado por existir

Vou-me despedir desse passado

 
 
Remexendo papéis,
encontrei uma foto nossa,
que inflamou a saudade dorida...

Por um tempo te esqueci,
sim é fato.
Porém quando vi aquele sorriso lindo,
me lembrei de tudo...

O dia em que tiramos aquela foto,
estávamos tão apaixonados...
Uma lágrima atrevida escorreu pelo meu rosto,
e não contive o sorriso ao lembrar-me de você !

Como se adivinhasse, no mesmo dia me ligaste;
Meu corpo tremeu quando vi que era você.
Controlei o impulso de te atender,
não tinhamos nada mais a falar.
Vou reter minhas palavras,
e te manter guardado no passado...

Um passado em que fui feliz e triste...

Feliz por te ter em minha vida,
por me entregar com ardor,
pelos encontros inesperados e sempre tão desejados,
pelas nossas conversas,
e pelo simples fato de, depois de fazer amor contigo,
poder olhar nos teus olhos,
e ter teu sorriso lindo, satisfeito, e feliz;
Pelas outras vezes, em que pousei minha cabeça no teu colo,
e tu, ficavas calado, me olhando, acariciando os meus cabelos
até me fazer dormir ...

Eu era tão reconfortada de amor e paz,
que chegava a me dar medo.
Talvez eu já pressentisse
os tristes momentos que iriamos passar,

Por todas as nossas brigas...
das vezes em que tu te perdias em noites de boemias,
pelas palavras mal colocadas,
pelas dores de momentos frios e incorrigíveis,
pela falta de lealdade, sua, com a nossa união...

Porém tudo o que me fez sofrer eu não quero recordar,
só quero me libertar das amarras do passado,
ser feliz sem você, sem suas lembranças a me perseguirem...

Vou-me despedir desse passado !
 
Vou-me despedir desse passado

...Sou tão tentada por ti ...

 
...Sou tão tentada por ti ...
 
Lembranças da noite passada,
em que fui consumida pelo fogo da paixão,
em que seus olhos brilhavam como faíscas,
e tuas mãos queimavam minha pele, num desejo fulminante...

Meu corpo ardeu em brasas no teu prazer,
que me excitou, me rendeu, me dominou,
fazendo-me entregar meu corpo, a ti, loucamente ...

Enalteceu-me, quando percorri todo teu corpo ,
com minha vontade insaciável... De te amar,
de todo um querer, guardado por tempos...

Tua ânsia selvagem de me ter,
fazendo-me chegar no ápice do prazer,
de tuas sensações, que me faz, levianamente ser sua,

Essas nossas vieses de um fulgor,
que me abrasa, arrebate, e quero-te,
pertencerei a ti, muitas, e muitas vezes,
nessas noites fogosas ...

...Sou tão tentada por ti ...
... Me rendo !
 
...Sou tão tentada por ti ...

Nestas aventuras enlouqueces-me... És tão meu !

 
 
Em teus olhos vejo o mar
misturado com a cor deste teu olhar...

Doce fascinação é te admirar,
tocar-te por horas...
Um deleite particular, só meu !

Sentir a textura de tua, sedenta pele,
matar minha sede da tua saliva,
olhar-te os olhos da cor do mar...

Encontro-me aqui à tua frente novamente...
Para ser tua num êxtase sensual, quase divino!

Fico entre dois mundos,
sentindo-me perdida, encantada, excitada...

Ah, esse prazer de te ter ...

Provar o sabor suavemente salgado de teu suor,
degustar os teus sais ardentes...

Somos um encaixe perfeito,
quando minhas pernas cruzam-se nas tuas costas,
e penetras-me intensamente e fugaz...
Meu corpo entra em convulsão com nossa mistura,
completamente umedecida fico,
contorcendo-me com a tua aura sedutoramente voraz,
deixando um delírio mais do que insano com teus sons
mesclados com meus gritos ,suspiros, sussurros...

Maltratando essa tua pele com a minha paixão,
tornas-te tão meu, sem pudor,
quando em ti cravo as garras embebidas de desejo ...

Arte de amar quando nossos corpos tornam-se um só!
E chegamos enfim ao tal paraíso dos amantes insaciáveis,
dum delírio insano, inexplicável de tão fugaz ...

Homem amado, nestas aventuras enlouqueces-me ... És tão meu !
 
Nestas aventuras enlouqueces-me... És tão meu !

Sonhos Desfeitos

 
Queria que estivestes a me esperar,
Faminto de mim,
Pela falta que eu fiz ...

Nesta noite fria, o meu sonho seria,
Vestir-lhe com meu corpo,
Esquentar-te no meu calor,
Por toda à madrugada ...

Mas que maldade,
Estas tão longe,
E contudo, vagueio em lembranças,
Em mais uma noite de solidão ...

Um pranto que rola molhando a face,
Um coração partido,
Da dor, do que foi perdido,
Na desesperança sem paz ...

Diz-me, como irei viver ?
Se a cada parte do melhores momentos que tive
Estavas você ...

Tento a cada dia reconstruir os retalhos
De um lindo sonho que se esvaiu em pó,
Pelas correntezas de um destino infiel ...

Ah ! O que me resta,
é guarda-me na paixão contida,
Que carrego em meu peito, todos os dias.
 
Sonhos Desfeitos

Vicio meu ...

 
 
Vício meu...
É olhar nos teus olhos dengosos e,
dizer por mil vezes que sou tua ...

Vicio meu...
De beijar tua boca , e provar o teu sabor,
buscar teus lábios incessantemente...

Vicio meu,
é correr para teus braços e poder tocar-lhe,
tão sem culpa, com todo meu amor ...

Vicio meu...
É rolar contigo em nossa cama,
te amar em devaneios, e loucamente te querer...

Vicio meu ...
É dizer o quanto o amo,
sem falar palavra alguma ...

Vicio meu...
Me perder nos braços teus,
e sem culpa te amar ...

Vicio meu ...
Encontrar o encaixe perfeito no teu corpo,
e deixar meu coração bater junto ao seu ...!
 
Vicio meu ...

Outros dias de sol virão

 
Deitada a frente desta janela,
em que está um horizonte
com o sol se pondo,
e o violão largado no cantinho do quarto...

Tarde de verão,
tantas incertezas e solidão,
perguntas?
Ah, estas estão por toda uma vida,

Pensamentos por vezes são confusos,
lê um futuro que se é incerto,
visões turvas,
me remexo na cama,

Mais uma dose deste vinho tinto,
batalhas destas vidas, não se pode ser perdidas,
e como seguir quando se sente tudo perdido ?
Tu na verdade não entendes...

Instantes atrás era somente certezas...
Agora fugimos escondendo-se no medo e indecisões,
e sim! Precisamos de um pouco de ilusão para viver,
Percebes isso?

Porém as vezes penso que é melhor desistir,
mais quando lembro daqueles olhos e gestos,
sorrisos e mãos...
Momentos quantos vividos,
carícias trocadas,
e beijos trocados numa entrega intensa e vital...

E quando penso em teus olhos tristes
parece que dentro desse coração quer sangrar,
Oh meu nego !

Não te enganes,
eu tenho meus segredos,
mas você se perde em seus mistérios,
e não saberei o que te dizer
quando me perguntares o "depois",

Outros dias de sol virão,
e talvez ele trará as verdades e certezas hoje não tidas,
tu sabes onde me encontrar...
 
Outros dias de sol virão

uma história calma e fogosa

 
uma história calma e fogosa
 
Jamais direi que foi em vão!
Fizemos escolhas e assim seguimos,
Não irei criticar-lhe,
a porta sempre estará aberta...


És livre,
e gosto de ti de forma tão sincera,
que a única coisa que peço-lhes
é que sigas o caminho melhor para ti.


Não somos dono de ninguém,
estarei aqui enquanto eu puder,
te darei todos esses beijos apaixonados,
terás meu olhar para ti,
enquanto estiveres em minha frente,


Não prometo esperar-te,
mas irei querer-lhe tanto, enquanto
nos cruzarmos nessas vieses da vida,
em que meu coração se encontra com o teu,


Só peço-lhes, que não peças mais
do que eu posso te dar,
enquanto durar te aceitarei como és,
então queira-me como sou!


Será tudo mais fácil,
nós dois e um tinto seco,suave?
Me afague nesta noite fria,
gosto do calor que emana de tuas mãos,
para que melhor?
Vamos viver o agora...


Amanhã o que vir será lucro!
não precisa o desespero,
não vamos viver de ansiedade,
quero ter esse romance como um alento...


Uma história calma e fogosa,
como um café da manha especial,
com a luz do sol irradiando através da janela...
Assim tu seria sim, o meu bom companheiro!
 
uma história calma e fogosa

Esse tempo

 
Na primeira vez que nos olhamos,
sentimos sim atração,
e timidos nos conhecemos
e apresentamo-nos,

A cada conversa,
tínhamos aquela certeza reconfortante,
de coisa a muito tempo escrita,

A cada momento
havia corpos inexplorados,
desejos contidos,
na simplicidade do cortejo...

Não sabiamos de tempo,
nem queriamos ver a maturidade das uvas,
mas havia sim...
O poderoso tempo precioso e onipresente...

Esse tempo
em constante presença,
que não me deu possibilidade de fuga,
dos sentimentos reprimidos...

Esse tempo,
esperou ali passivo
até suas presas cansarem,
para se entregarem a destinada sina da espécie,
ou de simplesmente ter seu triste fim...!

" O tempo as vezes fala por nós mesmos...!"
 
Esse tempo

Meus versos,todos seus!

 
A noite chegou,
Você veio,
Me fez sorrir,
A alegria do momento iluminou tudo...

Divaguei em teus carinhos,
Viajei pelas estrelas com o teu toque,
Seus gestos me fazem ferver...

Olhou-me,
Acariciou-me,
Cuidou-me,
Beijou-me,

Me pegou com a mão,
Foi firme e atraente seu olhar,
Me fez perder nos meus sentidos...

Ah tu sabe, sei que sim,
Que contigo não existe mais dias tristes,
que meus dias de solidão se esvaíram,
que tudo ficou mais belo só em pensar
nos teus olhos tão lindos,

Meu moço,
Agora o que é verdade,
É que em cada devaneio meu,
Está um pouco de ti,

A cada dia te quero mais,
Te tenho como meu vício,
Algo docemente proibido,
Deixando exalar as minhas emoções...

Fazendo-me perder nos sentimentos,
Que por nós são sentidos,
E aos poucos minha aura se mistura com a sua,
No ato de amar tudo se junta,

Mas é quando teu corpo cola em mim,
É o que me faz solta de verdade,
Pois só com teu olhar,
Deixa-me sedenta...

Esqueço de tudo estando contigo,
Quando nos tornamos um só,
Parece até que o tempo para,
Ao te sentir quente dentro de mim...

Bobagens no meu ouvido tu falas,
Vontade de não acabar mais,
Homem sensual...

Momentos que se eternizam,
Após o Love, tuas mãos me afagam,
E abraçado a mim,
Sinto sua respiração,
E novamente falas baixinho em meu ouvido,
Tudo que eu queria ouvir,

Meus versos todos seus...!
 
Meus versos,todos seus!

Amor Bandido

 
 
Amor ?

Doce ironia eu e você...

Prometemos não nos apaixonarmos,
não passava de brincadeira,
aquela noite em que nossos
olhos se cruzaram,

Em que o calor da carne
gritou por nós dois,
quando meus lábios tocaram os teus...

Vicio se tornou nós dois,
fui ficando refém de teus carinhos,
e você preso ao meu corpo,
e os nossos corações se juntaram
num lapso insano e sagaz,

Num eclipse essa aventura,
se transformou num amor louco,
em que não vejo-me sem teu toque,
teus olhos de bandido ...

Resistir ? Como tentei,
e sei que contigo aconteceu da mesma forma,
estávamos cansados dessa vida de paixões,

Mas você veio inesperadamente,
trazendo consigo uma nova emoção em minha vida,
trazendo brilho e alegria onde estava extinto,
Me desafiando a correr os riscos desse amor
pelos caminhos da madrugada ...

Eu te amo,
és tão lindo quando sorris,
meu doce bandoleiro...
'Bom Vivant' te quero !

Sou engolida por esse desejo absorto
pela gula das labaredas de fogo do teu sangue,
fazemos nosso corpo ferver,

E amo quando chegas de surpresa,
e me beijas sem que eu perceba,
e quando falas abraçado a mim
todo esse teu amor quente e vagabundo,

Que me tira os pés do chão,
faz sentir-me livre para te amar ...

Espero-te mais tarde mor ...
 
Amor Bandido

Beatriz Trevisani