Poemas, frases e mensagens de MarcusRios

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de MarcusRios

Biografia Atualizada


Marcus Vinicius Bertholini Rios nasceu em Iúna, Espírito Santo, em 1958. filho de Romeu Rios Vereador e Prefeito de Iúna - ES - e Thaiz Bertholini Rios, formou-se em Técnico de Contabilidade na antiga Escola de 1º e 2º Graus " He

AMOR

 
Amor,
O brilho de teus olhos
Fez com que eu
Desejasse de todo o meu
Coração dar-te um beijo.

Amor,
Você sentiu no teu íntimo
Uma vontade enorme também
De me beijar quando junto
De ti eu passe e você um
Beijo me pediu e eu te neguei.

Amor,
Mas quando você foi embora
Logo me deu uma vontade de
Beijar-te e eu correndo para perto
De ti disse-lhe suavemente
Beijes-me e saberá o que eu sinto.

Então o teu beijo e o meu beijo
Será somente um beijo
Para todo o sempre
Nesta tarde de verão que
Uniu o nosso amor.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
AMOR

AMOR..

 
Amor,
Tenho algo para
Falar-te mas me
Faltam as palavras.

Amor,
Meu coração eu
Quero muito te dar,
E eu nunca irei conseguir
Explicar como eu gosto
De olhar para ti e sentir
Este teu olhar a me observar
E ao mesmo tempo me dizer
Coisas lindas que me fazem
Ficar mais feliz ainda.

Amor,
Meu amor por ti
Nunca faltará,
Pois a cada dia ele
Torna-se mais lindo,
Um amor que vai se
Resumindo em cada
Palavra que eu lhe digo
E ao mesmo tempo te
Faz sentir feliz e segura.

Amor,
A cada dia que passa
Mais e mais o meu amor
Por ti sempre estará
Aqui comigo presente
Em minha vida somente
Para te amar.

Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
Membro Efetivo e Imortal da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
AMOR..

VÊ SE VOLTA PARA MIM AMOR

 
Deixe que eu me acerte
Novamente com o teu coração
Preciso de mais uma chance
Para conquistar você.

Sem você o meu mundo fica
Triste e muito quieto e eu
Às vezes me encontro perdido
Sem rumo apenas caminhando
Sobre pedras e não sobre rosas.

Meu amor a coisas nesta vida
Que antes de tomarmos decisões
Temos que pensar muito
Pois o coração não sabe o
Que esta fazendo neste instante
Pois quando a gente vai embora
Não é brincadeira e briga de amor
Nunca se acaba assim do jeito
Que se acabou neste instante
E o meu coração nunca iras
Esquecer-te meu amor.

Deixe apenas amor que
Acerte dom este teu coração
Para que eu possa ter você
Sempre ao meu lado,
Pois ir embora nunca será
A solução e vai nos fazer infeliz.

Meu amor para que acabar
Com este lindo amor que
Nos dois vivemos e agora
Estamos nos dois sofrendo
Com esta dor no peito junto
A saudade que bate forte
E faz sangrar este coração
Que se ama e agora esta sozinho,
E agora te digo que este meu
Coração nunca mais irás te esquecer.

Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
Membro Efetivo e Imortal da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
VÊ SE VOLTA PARA MIM AMOR

O AMOR E SUAS EMOÇÕES

 
O amor sempre será complexo
E perfeito ao mesmo tempo,
Mesmo com a interferência de
Um bom senso que a humanidade
Tenta ensinar e que vai se misturando
Nas cinzas da evolução que o mundo passa.

No entanto o que somos neste mundo,
Apenas uns seres que evoluíram que
São manipulados pelas próprias emoções
Que nos levam a fazermos loucuras que se
Dizem de amor, mas ao mesmo tempo são,
Loucuras de quem nunca teve o amor na vida.

Será que estamos vivendo num mundo
Aonde o amor e suas emoções sobrevivem
A cada dia que levantamos e buscamos
Seguir em frente sempre em busca de
Momentos lindos que nos fazem sentir
Que ao mesmo tempo vale a pena viver
Para sentir somente o verdadeiro amor.

Temos que viver num mundo real,
Aonde o amor sempre vai prevalecer,
E nem mesmo um balde de água fria
Vai poder esfriar este lindo amor.

Não vamos deixar que o amor fosse
Perdido num tabuleiro de xadrez,
Ou numa simples cartas de baralhos,
Façamos deste amor à moradia
Verdadeira aonde dois corações fincaram
As suas raízes e criaram o amor verdadeiro
No coração de quem realmente entendo
O que é o amor na vida das pessoas.

Marcus Rios
Poeta Iunense – Acadêmico –
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras ( AIL )
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
 
O AMOR E SUAS EMOÇÕES

EU TE AMO

 
Eu te amo minha mulher,
Hoje e para sempre em
Toda a minha vida.
Eu te amo minha mulher,
E quero escutar o teu
Coração bater mais forte
Quando escutares estas
Lindas palavras que te digo.
Eu te amo minha mulher
Amo tudo que você faz
A tua maquiagem,
O teu corte de cabelo,
O teu jeito de se vestir,
O teu jeito de falar
E o teu jeito de sorrir.
Gosto de ti mulher,
Mesmo que a distância
Seja longa e que somente
Por telefone nos falemos,
O que sinto por você
Não importa qual o
Tamanho da distância,
O que me importa mesmo
É o amor que eu sinto por você.
O que me importa agora
É poder sentir o teu lábio
Carnudos junto aos meus,
Num gostoso e verdadeiro
Beijo junto ao luar.
Meu coração por ti o mulher
Vai desenhando a tua face
A cada dia que passa
Somente para eu poder
Sentir que a cada dia
Você esta do meu lado.
Assim te amo do modo
Mais simples que se poder
Amar uma mulher
Assim é o meu amor
Por ti este amor caipira
E feliz de ser te amando.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense – Acadêmico –
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
EU TE AMO

A PROCURA DE UM AMOR

 
Sobrevivo neste mundo
A procura de um amor
Para que eu possa somente sentir
Dentro do meu peito
A paixão arder e queimar
Fazendo com que a cada
Dia eu possa mais e mais
Amar e ser feliz.

Quando temos um amor
Verdadeiro dentro de nosso
Coração sentimos que a vida
A cada dia se torna mais feliz.

Fazemos deste momento
O nosso momento de amor,
De felicidade e emoção.
Pois a cada sorriso
Sentimos as batidas aceleradas
Deste coração que mesmo estando
Velho ainda ama demais.

Pois somente o amar,
É a coisa mais simples
Que cada um deve ter.

Pois quando se ama de verdade
Ama-se a vida e a paz se faz
Presente em cada coração.

Amor que introduz
Em cada coração o gosto
De amar e viver a cada dia
Um novo dia junto a um
Amor que somente o tempo
Irás fazer com que sintamos
A felicidade dentro de nossa vida.


Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
Embaixador da Paz
 
A PROCURA DE UM AMOR

O AMOR

 
Assim que o amor
Entrou no meu coração
Eu senti que a felicidade
Ainda existe neste mundo
Cheio de guerras e mortes.

Marcus Rios
Poeta Iunense – Acadêmico –
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
 
O AMOR

BEM QUERER DO AMOR & ESTRELA CADENTE - DUETO MARCUS RIOS & GIULIA

 
BEM QUERER DO AMOR

Peguei carona numa
Estrela cadente e logo
De cara fui fazendo um
Lindo pedido aos gritos
Para que o vento levasse
Para um coração que
Encontra-se sozinho
Este meu desejo de amar
E ao mesmo tempo ser amado.
Fiquei aqui a espera da resposta
Para ver quem poderia responder
A este meu pedido que o vento levou.
A cada segundo eu sentia que
Este lindo vento trazia para mim
Somente as mais lindas paixões
Que o meu coração iria sentir
De um lugar qualquer ou
Apenas num simples cantinho
Sei que o meu pedido seria
Respondido para poder
Aquietar este meu coração
Que sofre de amor junto a
Minha alma que inquieta
Continua como uma flor
De botão que louca estar para
Desabrochar e poder desfolhar
Dentro de mim com o seu
Lindo bem querer do amor.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense – Acadêmico –
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)

Marcus Rios
Enviado por Marcus Rios em 27/08/2014
Código do texto: T4938681
Classificação de conteúdo: seguro

ESTRELA CADENTE

Na estrela cadente fiz meu pedido
Ao vento gritei o amor
Leve vento este desejo de amar
Quem responderá?
Trazendo paixão ao meu coração
Em algum lugar num cantinho qualquer
Ele esta... Responda-me
Aquieta minha alma
Sou um botão de flor
Venha desfolhar-me com seu
Bem me quer...

Giulia
 
BEM QUERER DO AMOR &  ESTRELA CADENTE - DUETO MARCUS RIOS & GIULIA

A VIDA ENSINA A AMAR

 
A vida esta fazendo com que
Continue a ser feliz
E a sentir que a cada amizade
Que fazemos encontramos
O verdadeiro significado
Da palavra que se faz existir
Junto ao amigo verdadeiro e sincero.

A vida vai sempre a continuar
A me ensinar a nunca dizer adeus,
As pessoas que realmente eu amo,
E que ao mesmo tempo vai-me
Cercando e enchendo de carinho e amor.

A vida continuou a me ensinar a sorrir
Sempre para as pessoas e a poder guardar
Você dentro deste meu coração,
E se possível sorrir também para as
Pessoas que não gostam de mim.

E neste vai e vem da vida aprendi também
A te amar e a fazer de conta que mesmo
Não estando nada bem devemos dizer
Que sim tudo esta muito bem,
E ao mesmo tempo podermos calar
Para tão somente escutar a voz
Que vem de dentro de você meu amor,
Para que possamos ter forças e lutarmos
Contra todas as injustiças que nos cercam,
E que vai abalando a cada dia este nosso
Lindo dia em que estamos vivendo,
Pois tão somente sendo carinhoso,
Demonstramos assim que ainda temos
Um pouco de carinho para repartir
Com as pessoas que não tem amor.

Marcus Rios
Poeta Iunense – Acadêmico –
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
 
A VIDA ENSINA A AMAR

AMO-TE

 
Meu coração te ama tanto
Meu Amor que por ti
Ele apenas canta as
Mais lindas canções de amor
Para que você possa apenas
Sentir o desejo de ser amada.

Amo-te como um simples desejo
Para que na diversidade do amor
Possamos somente viver esta
Eterna realidade em nossa vida.

Amo-te além do presente
Na eterna saudade que invade
O meu coração quando ausente
Esta de mim a eterna mulher.

Amo-te com grande liberdade
Dentro da cada instante
Ou nas batidas de meu coração
Que se acelera com a tua chegada.

Amo-te de um simples amor
Cheio de mistério e com pouco
Tempo para ficar sem amar.

E por te amar assim
É que um dia teu corpo
Hei de ter você junto ao meu
Coração meu amor
Para toda a eternidade.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
AMO-TE

ESTRANHO JEITO DE AMAR

 
O céu é somente a testemunha
De tanto amor que temos
Junto às estrelas que nada é
Mais que nossa cúmplice
Neste mistério que vem do mar
Com este teu jeito
Estranho de querer me amar.

Ah este desejo louco
Que me invade o meu corpo
Deixa-me leve a flutuar
Para poder te amar suavemente
Enquanto nosso pensamento
São levados pelo vento.

Por cada pensamento
Que nos dois temos,
Apenas a ternura se junta
A este desejo que sentimos
Um pelo outro no nosso
Querer de sentir nossos corpos
Corpos se tocarem num único
E verdadeiro amor.

Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
 
ESTRANHO JEITO DE AMAR

MEU AMOR POR VOCÊ

 
Tão grande e tão humilde
É o meu amor que eu posso
Oferecer-te que as vezes
Apenas sinto que estou
Perdido a tua procura.

No meu mistério eu sinto
Que esta oculta no chão,
Que fica somente a querer
Alicerçar os sonhos que
São as flores junto aos frutos
Que nunca verás sob este sol
Que se faz presente neste instante.

Meu amor por você,
É grande, humilde e sincero,
É um amor além do que eu
Posso te oferecer para que
Sintas o que eu realmente
Estou sentindo por você.

Eu te ofereço o meu amor,
Sem nada reclamar de ti,
Pois quando sinto que na minha
Ausência apenas o meu coração
Palpita, lateja e arde nas minhas,
Veias enquanto eu escrevo
Estas lindas palavras de amor.

Sinto-me que a cada palavra
Que escrevo sou coberto de sonhos,
E as minhas noites sem os teus carinhos
Apenas me faz pensar que grande e tão humilde
É o meu amor que eu te ofereço.

Que eu me pego de braços abertos
Tentando no meu pensamento poder
Abraçar-te um pouco para poder a saudade
Matar a saudade que eu sinto por você
Que entrou de mansinho em minha vida
E conquistou um lugar junto ao meu coração
Fazendo com que o amor renascesse.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
MEU AMOR POR VOCÊ

O QUE É O AMOR

 
Sempre me perguntam
O que é o amor?
Eu digo sempre
Que o amor é
Alegria,
Sofrimento,
Lágrimas,
Saudade,
Ilusão,
Uma paixão ardente,
É a vida nascendo,
Ou simplesmente a morte,
É uma calmaria.
O amor é benigno,
Vence barreiras,
Atravessa longas fronteiras
Para buscar e atingir a tua meta.
O amor não tem preconceito,
Nem raça e nem cor,
Para o amor não existe a
Barreira do limite,
Ele torna tudo possível.
No amor tudo pode,
Tudo se faz e quando
O amor faz acontecer,
Não respeitando nada,
Vem como uma enchente
Em nossas vidas como uma
Tempestade que traz junto a felicidade.
E quando tudo finalmente se acalma
Ele deixa em nossos corações
Apenas tristeza e solidão!

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense – Acadêmico –
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
O QUE É O AMOR

PERDIDO E SEM AMOR

 
Sozinho,
Olhando para
Cada lado,
Sinto o vazio,
O silencio
Que se faz
Me da medo,
Tento observar
E nada vejo,
E nem sinto nada.

Começo a sentir medo
E tento ficar de
Olhos fechados para
Ver se o medo
Vai embora.

Perdido sinto-me
Agora neste momento
Sem amor
Pensativo
No passado,
No futuro
E no presente.

Sinto que dentro
De meu coração
Falta algo para
Poder completar
Esta minha tristeza
Percorro milhas
Sigo trilhas
Sigo pegadas
E no fim nada
Encontro a não
Ser a saudade
De você meu amor.

Tento reencontrar
Novamente comigo
Mesmo e fico no
Vazio sem direção
Sem carinho
E sem amor
Vou percorrendo
Agora esta estrada
De volta para casa
E chego sozinho
Sem o meu amor.

Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
 
PERDIDO E SEM AMOR

RECORDAÇÃO DE NOSSO AMOR

 
Amor,
Tudo legal?
Como vai você?
Fala-me o que tem feito,
Seus sentimentos,
Seus amores.

Se esta aborrecida comigo,
Zangada, decepcionada,
Pois desde o dia em que
Você partiu que eu não
Consegui mais lhe escrever.

Deixando amor, talvez,
De pensar em você,
Deixando apenas perceber
Que eu estava tentando
Esquecer-te mas não é nada disto.

Pois em minha vida
Não passou mais ninguém
E nunca mais vai passar,
A não ser somente você
Minha doce e bela menina.

Você que foi entrando
Dentro de meu coração
E foi tomando conta
Da minha vida e foi
Mudando completamente
O meu modo de ser,
Falar, sentir,
E poder tocar um pouco
Em você que tanto
Representa para a minha vida.

Amor,
Você partiu sem ao
Menos dizer-me adeus,
Deixando-me sozinho,
Sem você ao meu lado.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
RECORDAÇÃO DE NOSSO AMOR

TEMPO DO AMOR

 
Quero te dizer
Coisas lindas
Ao teu coração
Para te deixar
Neste tempo do amor.

O teu sorriso que se faz
Presente a cada linha
Que escrevo e falo
Do amor que você
Sente por mim
Minha amada mulher.

Mesmo na distancia
O nosso amor nunca
Vai se encurtar pois
Ele estará rompendo
Os quilômetros que
Separa-nos para somente
Se fazer presente em
Nossa vida todos os dias.

Pois a cada dia sinto
Que você esta mais presente
Dentro do meu coração,
Plantando a sementinha
Do amor para que ela
Floresça e faça crescer
Ainda mais este amor
No devido tempo do amor.

Tempo do amor,
Tempo dos casais
Que se amam e sentem
Que a cada dia deve-se
Viver sim mais unido
E junto do que nunca.

Pois quando se ama de
Verdade nem mesmo
As mais variadas conversas
Fiadas consegue separar
Este lindo casal
Que esta construindo
Aos poucos o teu tempo de amor.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
Embaixador da Paz
 
TEMPO DO AMOR

DISPOSTO PARA TE AMAR

 
Dentro de minha vida já é noite,
Larguei de lado o papel que rascunhava
As mais lindas poesias de amor,
Para poder sentir apenas o vento
Que vai soprando devagar a saudade
De ti dentro de minha vida,
E vai cedendo lugar a uma tristeza
Junto à saudade que toca suavemente
A minha pele dizendo apenas que você
Vai chegar e me pede apenas que
Espere a tua volta meu amor.

Preciso estar bem calmo e tranquilo,
Sorrindo e sentindo o amor bater
Mais forte dentro do meu peito,
Para poder receber de volta este
Amor que vai me encher de novidade
Fazendo-me ficar te esperando como
Da primeira vez com a mesma felicidade
E ansiedade que tenho dentro de mim.

Agora sim meu amor estou me sentindo
Pronto para mais uma noite de entrega
Aonde juntos nos dois vão trocar carícias
E todas as nossas experiências que vivemos
Um dia e que hoje esta de volta ao nosso coração.

Quero fazer deste nosso encontro meu amor,
A noite mais linda de nossa vida,
O momento único e inesquecível,
Pois neste instante o que mais quero
É o nosso corpo colado um ao outro
Para enfim sentirmos as lindas
Batidas de nosso coração ofegante.

Sempre estarei a te esperar meu amor,
Como foi da primeira vez que você fez o meu
Corpo estremecer de desejo por você,
Quero te amar em todos os lugares possíveis,
Pela noite toda até que o dia amanheça
E nos surpreenda com o mais lindo sol
Que se fazem agora lá fora nos convidando
Para juntos de mãos dadas passearmos
Pelo jardim perfumado que nos saúda
Com a sua beleza, suas cores e seu perfume.

Marcus Rios
Poeta Iunense – Acadêmico –
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras
 
DISPOSTO PARA TE AMAR

DOCE AMOR

 
Quis eu ser apenas sincero
Pelo menos um dia,
Tomei-lhe as mãos sobre a minha,
E como nos velhos dias,
Eu pousei meus olhos
Nos seus como numa velha
Cantiga de amor e comecei
A falar docemente as mais
Lindas palavras de amor
]que vinha somente deste
Meu coração apaixonado
Meu doce amor.

Eu te quero,
Um pouco mais,
Com muito mais amor,
Não é o que eu esperava,
Mas é o que o sentido
De tua partida vai fazer
Comigo se um dia partires.

Logo eu senti que de teus
Olhos uma lágrima caia,
E me senti muito feliz,
Em saber que você
Meu amor é a minha única
Razão de ser o meu
Único e doce amor
Que vou guardar para sempre
Dentro de minha alma,
Para te amar eternamente.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
DOCE AMOR

MEU AMOR

 
O amor e a saudade têm que
Ser guardada com muito carinho
Pois quando bate no coração
Apenas faz brilhar o mais lindos
Dos olhares que a tudo observa.

Sei que você me quer com muito
Carinho e uma vontade imensa
De poder sentir o meu calor
E o meu carinho por ti.

Quero apenas meu amor
Neste instante apenas poder
Sonhar contigo para poder
Sentir mesmo a distancia a
Tua presença em minha vida.

Tu o que conquistamos juntos
O destino um dia quis separar
Mas o nosso amor foi tão grande
Que a tudo em nossa volta venceu.

A felicidade se fez tão presente
Dentro de minha vida que a
Tudo foi amortecendo este
Meu coração que o nosso amor
Foi-se apaixonado a cada dia.
Difícil foi entender o por que
De alguém querer destruir
Este nosso lindo amor.

Vamos viver este lindo amor
Que temos dentro de nosso corpo
Para que possamos nos dois
Um dia seguir esta felicidade
Junto a este amor.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
MEU AMOR

RECOMEÇAR UM NOVO AMOR

 
Recomeçar um novo amor
É poder dar uma nova vida,
É somente viver o amor,
É poder confiar e acreditar
Neste novo amor que
Depois de uma noite de amor,
O sol voltará a brilhar novamente.

Recomeçar um novo amor
É poder gritar e dizer
Que é livre para poder
Somente escolher os
Momentos lindos a serem vividos,
É sentir o amor, a paz, a alegria,
E poder viver e ver a esperança
Nos olhos de do nosso amor.

Recomeçar um novo amor,
É não se dar por vencido,
É poder ao mesmo tempo
Viver cada momento
Como se fosse o último
Amor que fazemos juntos.

Recomeçar um novo amor
É poder fazer de cada verso,
Poesia uma linda canção
E continuar a ter fé sempre
No amanhã que nos espera,
E poder acreditar que nunca
E tarde para poder recomeçar
Um novo amor novamente.

Comendador Marcus Rios
Poeta Iunense - Acadêmico -
Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)
 
RECOMEÇAR UM NOVO AMOR

A cada estrela que brilha,
apenas sinto o teu olhar
A me observar com as
Tuas doces palavras de amor
Que toca o meu coração.
Comendador Marcus Rios
http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/2.5/pt/deed.pt_PT