Poemas, frases e mensagens de tamirescarvalho

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de tamirescarvalho

Desvendando o amor

 
A palavra AMOR qualquer pessoa fala
Na rua, na calçada, na privada...
Como se ela não significasse nada.
A emoção acabou.
Palavras são ditas ao vento.
Onde está o verdadeiro sentimento?
Falar que ama sem vontade e sem verdade...
Isto significa tolice.
Engana o coração do outro ou na verdade se engana?
Amar de verdade é tão bacana
Liberte-se e pare de aprisionar pessoas no seu ego.
Seja simplesmente, sincero.
Só assim a palavra AMOR deixará de ser só palavra
E esta se transformará em SENTIMENTO.
Pérola Carvalho 17/10/2014
 
Desvendando o amor

Frase

 
É no silêncio das minhas palavras que a voz do meu coração excede a fala e me desnuda.
 
Frase

TEM MEDO DE FALAR POR QUE?

 
Não tem educação seu doutor?
Quando um fala o outro educadamente rebate
Covarde!!
Tem medo de que?
Falar não dói e nem arde
O pesar é não compartilhar o que se sabe
A norma é complicada,
Mas a fala é curta e grossa
Responde...
Responde seu doutor
Estou ansiosamente em aguardo de uma resposta
Se não sabe a regra
Pergunta a língua mãe
Ela tem várias propostas.
 
TEM MEDO DE FALAR POR QUE?

Como esquecer alguém?

 
Como esquecer alguém...
Que me conquistou no primeiro olhar
E me contagiou no primeiro sorriso
Que me fez ir além do que eu sou
E me ensinou que amar faz sentido?

Como esquecer alguém...
Que na primavera tirou a secura do meu jardim
E floresceu a minha vida com cores vibrantes
Que me fez passar momentos marcantes
E nunca permitiu que lágrimas de dor escorressem sobre mim?

Como esquecer alguém...
Que tomou conta de um grande espaço no meu coração
E fez parte da minha realidade fazendo tudo parecer ilusão?
Por tudo o que foi dito uma pergunta hei de fazer;
Me diz,como faço para te esquecer?
 
Como esquecer alguém?

Como é gostoso te AMAR!

 
Tua mão deslizando em meu corpo
Corações unidos batendo como loucos
Beijos doces, carícias inacabáveis
Suave como brisa que sopra em meus ouvidos
Perene como a água do Mar

Sentimento igual o da gente
Ah! como é difícil encontrar,
Paixão ardente como o sol...
E atraente como o mar...

Amor, paixão, sedução
Como é gostoso te Amar!
Fomos feito na medida
Somos fáceis de encaixar

Amo-te loucamente
Agora e para sempre
Vamos Brindar novamente
A arte de AMAR.
 
Como é gostoso te AMAR!

Fonte de prazer

 
Venha até mim
Não demore
Sacie meus desejos
Domine meu corpo
Toma conta de mim
Quero penetrar em teu ser
Sentí-la totalmente
Quero matar-lhe de tesão
Venha estou esperando
(Renato Dieckson)

Espera,não demoro!
Sufocarte-ei de prazer
Farei de você o meu homem
Serei a fonte do teu prazer
Vou penetrar em você
Sentindo cada parte do teu corpo
Farei com que fiques louco
Meu ser ficará oco
Completar-se-á em você
(Pérola carvalho)
 
Fonte de prazer

Já não te amo mais

 
Fui eu quem pediu para terminar
Já não te via mais em meu olhar
Tua Desconfiança não fez bem para o nosso amor
Só desgastou, destruiu e transmitiu rancor

Você não consegue entender
Que o ciúme só nos remete ao verbo sofrer
Ciúme é como um jardim sem flor
Não encanta, nem balança o interior

É muito difícil despedir-se de algo que foi bom
Mas foi bom enquanto se amou
Sua alienação conseguiu não distanciar
Já não consigo mais te amar

Não dá mais para voltar
Não finja que não sabe o motivo
Foi você quem quis assim
Consumiu,corroeu,feriu e montou um fim
 
Já não te amo mais

Como é gostoso te amar!

 
Tua mão deslizando em meu corpo
Corações unidos batendo como loucos
Beijos doces, carícias inacabáveis
Suave como brisa que sopra em meus ouvidos
Perene como a água do Mar

Sentimento igual o da gente
Ah! como é difícil encontrar,
Paixão ardente como o sol...
E atraente como o mar...

Amor, paixão, sedução
Como é gostoso te Amar!
Fomos feito na medida
Somos fáceis de encaixar

Amo-te loucamente
Agora e para sempre
Vamos Brindar novamente
A arte de AMAR
 
Como é gostoso te amar!

Tempo

 
Quando olho para o tempo...
Acabo me escondendo
Tantas coisas que passaram
E eu aqui sobrevivendo
Olho para trás, vejo violência,
Guerras e muito mais.
Nós seres humanos,
Só queríamos um poucode paz!
Olhe na sua frente!
Você vai ver que não é Mentira,
Tantos inocentes morrem
Com tanta covardia
Tempo passado e presente
O futuro logo à frente,
Será que de repente iremos mudar essa gente?
 
Tempo

Tanto que te avisei coração!

 
Porque te afliges tanto?
Já estas quase sangrando
Não vale derramar tuas lágrimas
Por alguém tão leviano

Estás alimentando algo sem fundamento
Mas ainda há tempo!
Não deixes ser manipulado
Por alguém tão malvado
Que só te quer magoado.

Ser amante de ilusões
Não é isto que sonhei para ti!
Mas se queres assim
Tenhas pena de mim
Não deixes que eu sangre também.

Tanto que te avisei coração!
Porque se deixa levar por ilusões?
Esse amor é pura mentira
Ainda vais se arrepender!
Espero que nesse dia
Ainda te reste alegria
Pois quem não previne, remedia
E acaba por sofrer.
 
Tanto que te avisei coração!

Renata!

 
Mulher faceira
Adorava viajar
No meio dessas viagens
Começou a se drogar

Após a primeira tragada
Ficou alucinada
Depois de uma roubada
Renata não tem mais nada!

Pensava que tinha amigos
Que queriam o seu bem
Só não acreditava
Que tinha inimigos também.

Agora que está viciada
Coitada foi abandonada!
Renata está derrotada
Não tem mais a família
Que outrora prezava.

Ela está grávida
O pai da criança
Já não lembra quem é
Renata coitada!
Não se agüenta mais em pé

Ficou desesperada.
Matou a antiga Renata
Religiosa, publicitária
Hoje está arrependida
Por ter entrado nessa vida.
 
Renata!

Eita povo baiano!

 
O povo baiano
É um garoto ufano.
Esse orgulho que ele sente
É coisa de gente contente
Ao contrario do que muitos dizem
Baiano não é só festa
Baiano, é gente honesta.
Que ama, sofre se estressa
E trabalha bem à beça.
Humilde como ninguém
O baiano sempre se dá bem
E na explosão de sentimentos
Mistura-se com outra gente.
Americano, japonês, Italiano,
Amam esse jeito espontâneo
E o carnaval soteropolitano
Claudinha, Carlinhos, Netinho
Vem, Corram atrás do trio!
Aza,Chiclete, Ivete
A avenida sempre promete
 
Eita povo baiano!

Um amor proibido

 
Por que tem que ser assim?
O amor que é distinto transmite repulsa
Mas é do coração toda culpa
Por que insistem em nos criticar?

A sociedade nos condena...
Por algo que não sabemos evitar
Mas ainda não inventaram uma vacina...
Para deixarmos de amar

Amamos tanto que chega a doer
O meu eu começa a corroer
Esse amor que é interdito
Já não nos deixa repousar

Hoje acordei inconformada
Sentei-me no chão da sala
Com papel caneta e minha alma
E com palavras rebuscadas
Redigir meus sentimentos...
Falei do meu amor enfim

Logo me veio um desejo incontrolável
De ligar o som bem alto
Então olhei para o lado
E você não estava ali

Chorei e corri para o meu quarto...
Tive medo de você desistir
Fechei os olhos e senti um alivio
Peguei no sono, sonhei contigo
E acordei com você chamando por mim
 
Um amor proibido

Hoje é seu aniversário!

 
F elicidades te esperam nesse dia.
E xpresse seus sentimentos...
L ibere tua energia...
I rradie-se de alegrias...
Z angar-se!Hoje não é dia.

A ma-te como nunca ninguém te amou...
N ão deixes que derrames lagrimas de dor...
I gnore tudo o que não te faz bem...
V iaje por suas emoções...
E ntrega-te a paixões!
R espire novos ares...
S inta-se livre, você pode voar!
A me, aproveite a vida...
Resplandeça...!Envaideça...
I magine! O hoje foi feito só pra você! Mas não se esqueça...
O quanto eu amo você...

FELIZ ANIVERSÀRIO!
 
Hoje é seu aniversário!

Ser poeta...

 
É buscar a essência na palavra
É ter sede de matar a fome do interior
Encontrar no fundo da alma suprimento
Não ter medo, nem vergonha do amor.

Expressar os sentimentos acalma...
Toda a dor, todo o ódio e rancor.
Exaltar o belo fascina
Ser poeta não é só dom é uma sina.

Uma grafite e um papel são suficientes
Até mesmo nos piores ambientes...
A riqueza das entrelinhas não se afeta

Esse charme e encanto me alegram
Eu também quero ser um poeta
Ser como a flor que o amor rega.
 
Ser poeta...

DESILUSÔES

 
Por que isso acontece comigo?
Insisto em percorrer labirintos
Meu coração vive faltando pedaços
Há tropeços em cada um dos meus passos

Os meus rastros são tão complicados
Não tenho novelo para me orientar
E ainda com todo esse embaraço...
Permaneço insistindo em continuar

Decepções já não me assolam tanto
Não brigo, eu sigo... Deixo passar
Mas sempre fica para trás um pedaço
Será que sempre haverá tropeços em meus passos?

Será hora de decidir se sigo e retiro os empecilhos...
Ou sento e penso no caminho que preciso trilhar?
Eu sinto que da maneira que está não dá mais pra ficar.
Diz-me, por favor!Desisto ou insisto em continuar?
 
DESILUSÔES

Hoje é seu aniversário

 
Felicidades te esperam nesse dia.
Expresse seus sentimentos...
Libere tua energia...
Irradie-se de alegrias...
Zangar-se?Hoje não é dia.

Ama-te como nunca ninguém te amou...
Não deixes que derrames lagrimas de dor...
Ignore tudo o que não te faz bem...
Viaje por suas emoções...
Entrega-te a paixões!
Respire novos ares...
Sinta-se livre, você pode voar!
Ame, aproveite a vida...
Envaideça... Resplandeça...!
Imagine! O hoje foi feito só pra você! Mas não se esqueça...
O quanto eu amo você...

FELIZ ANIVERSÀRIO!
 
Hoje é seu aniversário

Mídia

 
Oh mídia soberana!
Essa terra insana
De gente fraca
Que deixa ser levada
Por coisas alucinadas
Esperam na fraqueza
Que todos se corrompam
E sejam como marionetes
Que se vestem, calçam e compram
De tudo que implantam

Não vê mente mundana
Todas essas coisas
Só vão sufocar a luz
Que ainda penetra teu espírito
E vais ficar submetido
A escuridão que lhe impõem?

Primeiro deixam-te inerte
Posteriormente impuro
Mergulham-te no mar de alegrias
E te secam no fim do dia
(tamires carvalho)
 
Mídia

Completa-me/Dei-me uma chance

 
A lua veio me visitar
Logo não entendi o motivo da visita
Mas seu brilho resplandecente
Me fez imaginar que seria algo importante

Fechei os olhos, e em minha mente veio o teu retrato.
Talvez tenha sido um aviso,
De que tudo poderia ser diferente
Se o meu medo não me acanhasse
E deixasse que me entregasse completamente.

Fico a imaginar nós dois ao luar
Bebendo da fonte do desejo
Juntando nossos corpos
Transformando-nos em um único ser

Teus olhos resplandecentes, ardendo em chamas.
O meu corpo sentindo o calor,
Da mais ardente chama do amor
E minha boca degustando o sabor
Dos beijos de mel que há tempos me enlouquece.
Ah se eu pudesse regressar àquele momento!
Para fazer tudo novamente, dessa vez sem medo de amar.
(Tamires Carvalho)
Dei-me uma Chance

A lua que foi te visitar fazendo você fantasiar
Estava iluminada com reflexo do meu olhar
O pensamento louco criou miragens de sua imagem
Dançando nua entre as estrelas e me chamando

Fui ao seu encontro acompanhar os seus passos
Voamos juntos visitando outros mundos
Entre sussurros de amor
Entre gemidos sem dor

Mergulhando no mar límpido do seu corpo
Queimando-te com a chama doce e ardente da paixão
A magia não se desfazia e eu te sentia mesmo sem te tocar
Eu sabia que você queria, então era real o que acontecia

Mas a lucidez me fez acordar para te falar que é bom sonhar
Mas o sabor gostoso da vida é a concretização dos desejos
O medo é normal, só não podemos nos deixar ser vencido por ele
Dei-me uma chance, coragem e vamos embarcar nessa aventura
A vida é um perigo meu Amor, eu sei, mas é em risco em risco...
Que escrevemos as páginas da história de nossas vidas
(Eloimar Pereira)
 
Completa-me/Dei-me uma chance

Sem inspiração!

 
Sinto-me mal
O meu mundo desaba
Falta-me rumo
A estrada da minha vida está desgastada.

A inspiração me falta
Já estou sem ar
A pulsação é fraca
Será que vai demorar?

Sentimento fútil
Coração inútil
Só pensa em amar
Onde posso te encontrar?

Quando acordar pode ser tarde!
Você foi um covarde
Deixou-me na saudade
Sem vontade de lutar.

Respiração ofegante
Só me falta um instante
Esse sentimento incessante
Já não deixa respirar!
 
Sem inspiração!