Poemas, frases e mensagens de Dhione

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de Dhione

Ela de Vênus Ele de Marte

 
Ela do dia
Ele do escuro
Ela pinta
Ele picha o muro,
Ela estuda
Ele não pensa em futuro,
Ela quer amar
Ele tem medo,
Ela quer mudar o mundo
Ele é o seu mundo,
Ela experiente
Ele imaturo,
Ela dorme cedo
Ele levanta tarde,
Ela corajosa
Ele tão covarde,
Ela de vénus
Ele de marte,
Ela vive a vida
Ele apenas faz parte.
 
Ela de Vênus Ele de Marte

A VOCÊ BRASILEIRO

 
A VOCÊ BRASILEIRO
 
Você brasileiro que trabalha o dia inteiro
que sai de casa bem cedo,
que está descontente com o salario quem tem,
você como ninguém intende
que o sufoco de toda essa gente
é culpa do sistema que nós faz reféns.

Você brasileiro que está de braços cruzados agora
estão te roubando hora por hora
te sufocando até mesmo agora
abra os olhos e veja o mundo la fora,
saia da sua vida vazia
tire as algemas e até mesmo a forquilha,
você é livre para escolher
faça o que quiser da sua vida aprenda a viver,
pare de reclamar das suas feridas
aprenda a andar com a suas próprias pernas,
não adianta culpar o mundo inteiro
por que vive num cativeiro,
livre-se das grades e das correntes
pise na cabeça dessas serpentes,
seja você o primeiro
a mostrar que você é um guerreiro.

Você brasileiro escute bem o meu conselho
pense nas suas contas sempre no vermelho,
sua vida está sem paradeiro
abra os olhos enquanto é cedo
não seja prisioneiro de si mesmo.
 
A VOCÊ BRASILEIRO

Preciso

 
Preciso
 
Preciso me afastar
da solidão que me consome,
preencher esse vazio no coração
gritar seu nome.

Preciso encontrar
a minha metade
me livrar da triste saudade.

Preciso me afastar
da tristeza sombria
que com você não existia
e agora me invade.

Preciso encontrar
uma saída que me leve de volta
a sua vida.

Preciso acabar
com essa revolta
que te assombra,
e te mostrar
que sou a sombra que tu repousa
e a água fresca que toma.

Preciso saciar
meus desejos
ter de volta os teus beijos,
e fazer dessa dor reviravolta
tornando tudo, amor a nossa volta.

Preciso sentir seu toque,
te entregar minha energia
te devolver o prazer
te fazer tomar choque.

Preciso de uma nova chance,
te lembrar do meu charme
por seus sentidos em alarme,
para que você me ame me ame.

Preciso do ar que tu respira,
do amar que tu transpira
e ao mesmo tempo nega,
preciso de ti
que tanto me inspira, poesia.

Preciso do amor
que em ti navega
já chega se entrega,
tu és flor de primavera
que sem mim não aflora,
sou tua água sou tua terra
mais sem você sou nada, e sem mim tu seca.
 
Preciso

Infelizmente as coisas são assim!

 
As vezes fico pensando no quanto é horrível saber que as pessoas são definidas pela aparência, pelo que possuem, pela suas famílias, se é rico ou se é pobre, se é bonito ou feio, se é gordo, magro, religião ou credo religioso, lado político, opção sexual ou por suas respectivas raças, branco, negro, índio etc. É no mínimo repulsivo julgar alguém, porque ninguém é melhor que ninguém, as pessoas são falhas admito, são cheias de defeitos, mas são seres humanos e como tal merecem o mínimo de respeito e consideração, o primeiro mandamento de Deus diz: ''Ame teu próximo como a ti mesmo'' se olhe no espelho você não é nada e não é melhor por ser bonito(a), rico(a), branco e possuir atributos físicos atraentes, não é melhor por ter tido a sorte de nascer numa família que possua bens ou status, não é melhor por ser homem ou mulher, na verdade o que faz com que as pessoas sejam melhores é a humildade o amor e o respeito não só com os seus semelhantes mas também com o meio em que você vive, não é feio andar com alguém pobre, ser pobre não é defeito, defeito é ser pobre de caráter, por que você é bonito(a) fisicamente não significa que você é uma boa pessoa, por que você é feio(a) fisicamente não significa que você é uma má pessoa, beleza é questão de gosto e gosto cada um tem o seu, como disse o poeta: ''A beleza está nos olhos de quem vê''.
Por isso pare de ser besta e aprenda a respeitar as diferenças, ser diferente é normal, ser igual é que é estranho. Se você respeitar o seu próximo e aceita-lo você vai ver que você vai ser bem mais feliz, assim como ele(a) também será.
 
Infelizmente as coisas são assim!

Ciclo

 
O GOSTAR É O PRINCÍPIO
O APAIXONAR É O MEIO
E O AMAR É O FIM...
 
Ciclo

Seu Chorão

 
O futuro é feito no presente
o passado é lembrado la na frente
para que você não cometa os mesmos erros dessa gente,
que pensa que sabe o que faz
trazendo guerra para trazer a paz,
o caos acontece a todo momento
e você fica aí parado jogando sua vida no vento.

Deixa tudo pra lá
tente recomeçar,
esqueça essa indiferença
mova uma pedra do lugar
e você já fez a diferença.

O futuro é feito no presente
o passado é lembrado la na frente
para que você não cometa os mesmos erros dessa gente,
que pensa que sabe o que faz
trazendo guerra para trazer a paz.

Essa terra perdeu seus heróis
que deixaram seu legado
e você fica aí parado de braços cruzados
pensando ser inutil só por que alguém julgou que você estava errado.

Deixa tudo pra lá
tente se espelhar
nessa gente
que moveu uma pedra do lugar
e fez o mundo mudar.

Pare de se odiar
se aceite em primeiro lugar
só assim você vai poder recomeçar,
siga seu sonho mais não viva sonhando
a vida é agora esqueça das horas,
planeje o futuro
viva o presente
saia do escuro
seja a luz no fim túnel,
se entregue a vida de coração
mesmo que seja no fim da partida,
sorria sempre, para que ninguém veja quando você chora
seu chorão.
 
Seu Chorão

DESISTENTE

 
Pessoa que espera deixa tudo para depois,
cançado de não sair do lugar
desisti sem nem mesmo tentar,
é fracasso buscando completar o vasio que o corrói, nunca insiste em lutar fica no mesmo lugar se destrói, é bagaço de fruta não comida
é viver escasso quase sempre sem saída,
pessoa assim existe porém subsiste no triste descolorido de sua existencia não percistente,
e seu fim é triste, desistente.

Autor: Dhione Tito
Dia: 26/09/09
 
DESISTENTE

Amor No Fim

 
Se o mundo acabar
quero um último beijo,
último toque, último olhar
para sempre me lembrar.

Se o mundo acabar
levo comigo o teu cheiro
embalado pelo vento derradeiro
de desejo e fogo, do seu coração o meu pedaço acolhido no meu peito junto dos meus braços.

Se o mundo acabar
de paixão quero me queimar,
nasci sozinho aprendi a andar pisei em pedras e espinhos, cresci,
no meio do caminho em minha juventude,
encontrei minha metade
em sua plenitude
e esse amor que me invade.

Se o mundo acabar
direi a Deus
sou réu confesso,
por amar de mais
a Deus eu peço
perdão para obter a salvação,
sobretudo leve essa mulher comigo
para eu ter paz no coração.
 
Amor No Fim

Sociedade dos Mendigos

 
Sociedade dos Mendigos
 
Que digam que sou imperfeito
que tenho defeitos,
que digam que sou um ninguém,
que não possuo nada
muito menos um vintém,
que digam que o que tenho é pouco
ou quase nada, que uso roupas impregnadas,
vestes maltrapilhas, um corpo e uma alma.

Que digam palavras absurdas
providas de sentimentos fúteis
para agredir minha ignorância,
que a sua arrogância me faça sofrer por não seguir suas leis absurdas,
que assim seja, vivo desse jeito, viverei mesmo com toda intolerância e pré - conceito,
que digam que assim irei adoecer,
não me importarei, mesmo assim quero viver fugindo para outro canto, pedindo e não roubando,
livre da má fé
é que se vive,
e a mentira eu não aceito
ela é a hipocrisia onde me deito,
num banco rubro de praça
que se diz público,
aonde de madrugada ninguém se senta,
a solidão é o vazio
e um jornal minha coberta, me esquenta,
no meio da noite madrugada e meia
acordo com uma cacetada levando uma peia, autoridade distrital
um seu tal policial,
sou enxotado tal cachorro escorraçado
apenas por estar deitado,
no rubro banco de praça público,
de noite abandonado,
dormi na hipocrisia
a mesma em que você chama casa.

Que tentem me ajudar
que sejam humanos,
que estendam suas mãos limpas
ao me ofertar ajuda,
hei me prendam!
diversas vezes fugirei
para as ruas voltarei,
que mostrem que seu mundo é o certo
adultério, assassinatos, preconceito,
parece o inferno!
hipócritas sociais
zumbis infernais,
mamulengos do sistema sociedade
verdadeira maquina de maldade.

Que atirem pedras sobre minha carne
não sabem de nada, não sabem o que é liberdade,
vivem enforcados por leis, impostos, dívidas, guerras, ambição e por si mesma,
que digam que sou sozinho
que não ganho presentes ou recebo carinho,
não tenho amigos ou família
por que não quis,
mas aposto que sou mais feliz.
 
Sociedade dos Mendigos

Tenho Que Trabalhar

 
Tenho Que Trabalhar
 
...Nessa manhã acinzentada,
acordei das artimanhas pesadas
d'algum carrasco autor de pesados
pesadelos...


Ladrão de vidas
sugador de sonhos,
monstro bisonho
mascarado medonho,
sua fama
é de índole boa,
mas por de traz há maledicência,
escuto uma voz chata a me chamar,
‘’acorda hora de levantar. ’’

Abro os olhos e recuso a acreditar,
tenho que trabalhar!
sou engrenagem mecanizada
por traz dessa roupagem atrapalhada,
em troca de alguns trocados,
me submeto subordinado
a algum autoritário militarizado,
minhas vontades não são minhas
foram vendidas e divididas,
do relógio me tornei escravo
me vendi por centavos.

O dia passa a noite chega
minha liberdade já não voa
suas asas foram quebradas,
o trabalho não acaba
sobrou para amanhã, levei para casa,
adentrei a madrugada
o trabalho me obrigava,
deitei-me sobre o cansaço
já estava um bagaço,
o trabalho não acaba,
dei uma enrolada.

Adormeci por duas horas
a manhã amanhecia
levantei fui na cozinha,
abri a geladeira,
comi uma maçã junto com bolachas de água e sal,
tomei meu banho matinal,
penteei a cabeleira,
vesti o uniforme conforme manda o figurino,
e nessa manhã acinzentada
acordei das artimanhas pesadas,
d'algum patrão mandante
chefe de uma empresa industrial ou comercial
que produz pesados pesadelos
ladrão da minha vida
sugador dos meus sonhos,
monstro bisonho
mascarado medonho,
sua aparência
é de boa índole,
mas por de traz
há maledicência,
escuto uma voz chata a me chamar,
tenho que trabalhar.
 
Tenho Que Trabalhar

Homem Comum

 
Sou um desses caras revoltados
cansado de sofrer por problemas do passado,
não quero seguir os meus passos
sigo sozinho pisando em pedras e espinhos,
e é enfrentando os problemas dessa vida
que vejo que desistir não é a saída,
quero encontrar algum jeito
para mudar os meus conceitos
a solução é viver
sem nenhum pré-conceito,
e se a vida quiser me enganar
sugiro não adianta nem tentar,
sou vivido experiente
aprendi andar para frente,
sou malandro eu confesso
sou réu condenado pelos crimes que detesto,
mas nem vem me julgar
se vier não irei te escultar,
pois aprendi a ter minha própria opinião
não preciso ouvir a sua sugestão.
Eu só quero é viver
ser tudo aquilo que eu posso ser
quero fazer e acontecer
não quero só criar
quero ser alguém que você possa se lembrar.
Sou sujeito comum
só sou mais um
que vive lutando,
trabalho aqui e ali pra ajuntar dinheiro algum.
As vezes penso em mudar de cidade
mudar de nome ser outro homem
alguém com mais capacidade,
quem sabe assim eu deixe de ser só mais um revoltado
vivendo de passado.
 
Homem Comum

Vale do Silêncio

 
Quando te olho triste
um sorriso teu me das,
quando me chamas a atenção
em silêncio ouço som
das calmas águas que deságuam em seu coração.

És um pouco sozinho não sei,
embora viva calado pensando
no que hás de fazer amanhã,
mesmo assim perguntas de mim.

Me enches de perguntas
para saber se sei a tua resposta,
sem saber o porquê lhe respondo,
mas mesmo assim permaneces
em calado.

Quando estou sozinho chegas perto
e sem dizer uma palavra me alegra,
com um olhar me conforta
com um gesto traz-me o calor do deserto,
sabes as mais belas coisas da vida
mas mesmo assim ficas em silêncio.

Um vazio em teu olhar existe
és imenso do tamanho do céu,
embora possuíste coração puro
és inseguro quanto a seu papel neste mundo.

Tua inquietude me incomoda
vem talvez com um olhar triste,
abrindo logo o coração
para sair do vale do silêncio,
para dizer então, que estás feliz.
 
Vale do Silêncio

Hoje

 
Hoje eu preciso,
passar por cima dos meus medos
te mostrar os meus segredos,
por isso te aviso
se passares por cima do que sinto,
nessa frase aqui eu friso
você não terá a minha porção de paraíso.

Hoje eu preciso,
de ti só um sorriso,
para remontar os meus pedaços
e me deitar nos seus abraços.

Hoje eu preciso,
olhar nos olhos seus
nos ver caminhando de mãos dadas
duas pessoas apaixonadas a caminho dos olhos meus.

Hoje eu preciso,
te mostrar o que eu sinto
te levar para jantar
trazer flores e vinho tinto.

Hoje eu preciso,
te dar o meu sorriso
e dizer que sem ti eu já não vivo.
 
Hoje

O Nada de Amor

 
O Nada de Amor
 
Eu sou um filme lindo
só que sem cor,
eu sou o sangue descendo
mais sem dor,
eu sou o coração sofrendo
sem ter amor,
eu sou as lágrimas caindo
e o peito apertado,
eu sou poesia escrita
mais nunca fui lida,
eu sou chão molhado
e os olhos lacrimejados,
eu sou sentimento, o mais bonito,
mais nunca fui sentido.

Eu sou meu rosto refletido
e sou desconhecido,
eu sou belo canto de som límpido
mais nunca fui ouvido,
eu sou o escuro
sou passado sem futuro.

Eu sou pão novo
com sabor de amanhecido,
eu sou desgosto
pela vida que não vivo,
eu sou pedaço de céu ensombrado
e véu jamais usado,
sou presente constante
porém ausente passado.
 
O Nada de Amor

Vida

 
Vida
 
A vida é uma eterna poesia,
escrita em frágeis linhas de agônia,
banhada pelo sol do raiar do dia
e a luz da lua magia,
as estrelas e as nuvens são os momentos
sobre o céu o firmamento.
 
Vida

Feliz e Tranquilo

 
Estou me afastando de tudo que me atrasa, me engana, me segura e me retém. Estou me aproximando de tudo que me faz completo, me faz feliz e que me quer bem. Me afasto de tudo aquilo que detesto.
Estou aproveitando tudo de bom que a vida tem.
Estou me dedicando de verdade pra agradar um alguém....Meu amor.. ♥...
Estou trazendo pra perto de mim quem eu gosto e quem gosta de mim também. Ultimamente eu só estou querendo ver o lado ‘bom’ que todo mundo tem. Relaxa, respira se irritar é bom pra quem? Supera, suporta e entenda: isento de problemas eu não conheço ninguém. Queira viver, viver melhor, viver sorrindo.
Estou feliz, estou despreocupado, com a vida estou de bem.
 
Feliz e Tranquilo

Quantas Vezes

 
Quantas vezes imaginei você chegando
como se estivesse dormindo
eu estava de pé ali sonhando,
te imaginava sorrindo e
e se aproximando pra pedir perdão,
como um trovão
a realidade despertou em mim
após clarão acordei.

Quantas vezes te esperei
sozinho em algum canto,
com um copo vazio na mão
ao lado de uma garrafa de mágoa e pranto.

Quantas vezes mendiguei teu amor em vão
de bar em bar procurava embriagar a solidão.

Como é triste se enganar aos poucos
viver feito louco passando sufoco.

Quantas vezes neguei para mim mesmo meu coração
e o medo que me deixa indefeso e me faz querer essa paixão

Quantas vezes me enganei
foi por amor que me entreguei
esperava nao passar pelo que passei,

Quantas vezes olhei teu retrato
em uma foto 3x4
lembranças de um amor ali jogado
na cama do nosso quarto.

Como é triste pensar
que quando começamos a namorar
tu me pediu para jurar
nunca te trair e te amar
e no fim...
como você pode trair
a tua própria causa,
teu amor virou cobra e criou asas
e voou pra longe de mim.

eu sei que mais a frente
você voltará para casa,
de asas quebradas e machucada
pendido pra ficar
não vou lhe enganar não quero sofrer
mas também não quero te perder
e se tiver que se arrepender
olhe nos meus olhos
e diga se valeu a pena tentar me esquecer.

Quantas vezes erramos e nos corrigimos
brigamos e depois sorrimos
por que o amor é maior do que o sofrer,
essa paixão foi meu bem foi mal
me levou a perdição me tornou irracional,
e por ela vou mais além
meu bem meu coração te quer,
Então mulher se tu ainda me quiser
te dou meu perdão e me devolva teu coração .
 
Quantas Vezes

A Perdição da Perda

 
A Perdição da Perda
 
_A perda é silenciosa sozinha,
inquietante ela chega num instante,
traz a tristeza, leva o que nos pertence
e vai embora, ela é desonesta,
faz das pessoas despercebidas, grandes vítimas.

_A perda é misteriosa, manipuladora,
ela transforma a paz em momentos frustrantes,
momentos de felicidade, um pretexto,
para o agir da pequena assaltante.

_A perda age sem ninguém perceber
se apodera do que quer e ninguém pode ver,
invisível ela chega
num movimento sutil ela rouba,
leva os pertences
deixando o vazio e lágrimas somente.

_A perda é maliciosa
corrompida e capciosa,
ela tem duas caras
age nas ruas e nas casas.

_A perda vem numa lágrima sofrida,
por uma coisa preferida
que no fim fora perdida,
ela nunca será aceita
pelos tristes olhos de suas vítimas.

_A perda é inevitável,
grande companheira
de sua amiga sutileza,
canalha ela fecunda tristeza,
se apossa da vida
e das coisas alheias
com muita destreza.

_A perda ato de perder
desaparecimento sem perceber,
extravio, privação,
desgraça e destruição.

_A perda nunca será preza
não pagará por seus furtos,
pois nunca foi vista não tem rosto
desaparece não deixa rastro
e tudo vira desgosto,
ela continuará a solta
tirando de todos para si mesma,
feliz continuará impune, a perda maldita.
 
A Perdição da Perda

MENINA DOS MEUS OLHOS

 
MENINA DOS MEUS OLHOS
 
Vejo seus olhos
me perco diversas vezes em você,

ludibriado com as estrelas
ao seu redor,

acho que é amor
ou poder ser melhor,

sinto meu coração bater
e eu já não quero mais viver,

viver se não for com você.

Menina dos meus olhos
te vejo no espelho,

fomos feitos um para o outro,

acho que é amor
ou pode ser melhor,

sinto meu coração bater,

por toda beleza
existente em seus olhos,

reluzentes espelhos
de minha alma,

dentre as belezas desse mundo
seu olhar para mim é tudo,

ele me acalma,

tanto amor assim
não é normal,

acho que é amor
ou pode ser melhor,
e ponto final.
 
MENINA DOS MEUS OLHOS

Tu És Isso

 
Tu És Isso
 
Tu és doce pessoa, querida e gente boa,
Tu és bonita como um jardim de Tulipa
Tu és perfeita por ser imperfeita,
Tu és a vida querendo vivência
Tu és o doce prazer da minha existência.

Tu és o meu ser em outra vida
Tu és minha metade minha querida,
Tu és poesia
Tu és minha inspiração
Tu és de Deus a obra prima.

Tu és linda
Tu és musa que inspira poesia,
Tu és retrato de ternura
Tu és de Deus maior ventura.

Tu és meus olhos a te olhar
Tu és meu pensamento por ti pensar
Tu és a pessoa que amo amar.

Tu és as lágrimas para quem derramo
Tu és as palavras para quem escrevo ou falo,
Tu és a vida que vivo
Tu és este poema que declamo.

Tu és minha libertação
Tu és minha doce prisão,
Tu és meu problema
Tu és minha solução,
Tu és meu dia
Tu és a razão dessas linhas,
Tu és para quem vivo
Tu és meu coração
Tu és isso.
 
Tu És Isso

DHI