Poemas, frases e mensagens de duda

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de duda

Ao cair da noite

 
Chame teu nome ao anoitecer
Alcance por tua rosa da vida
Atire teus véus ao pôr do sol
Transgrida a decadência em meus salões
Próspera beleza
Abraçada pelo coração do éden
Grite teu nome lacrimoso
Revele para mim tua mais profunda perda

Atire... apresse minha selvagem muralha
Por um fim
Tua selvageria... gélida noite
Em vida tuas lágrimas brotam escarlates

Venha desejado anoitecer
Arrebate minha dolorosa perda
Vida lamentada ao pôr do sol
Transgrida as sombras em meu coração
Ascenda diante de mim
Deixe em testamento tua dolorosa perda
Sombrio ao coração eu lamento por ti
Devolva o vigor que ela uma vez perdeu
 
Ao cair da noite

Rosa negra

 
Deitada no meu gélido leito
Tapada com um manto de incertezas
Sinto-me a definhar como uma rosa negra
Plantada e esquecida num lugar ermo...

Ao som da melodia do choro de um anjo
Sigo por este maldito trilho de recordações...

Incendiada pelo desejo do teu corpo
Embriagada pela devassidão dos teus beijos
Liberto suspiros ofegantes na intensidade do esquecimento...

Nas sombras de um sonho apagado
Memórias iluminam as vontades pintadas no meu espírito
Desgastada pela dormência dos meus sentimentos
 
Rosa negra

Pensamenos profundo de um anjo caido pelas magoas do passado

 
Anjo: de pele tão branca como neve, de olhos tão preto como eclipse que cobre o luar e lábios tão vermelho como sangue que corre por minha veia.
Com o coração tão escuro cheio de desprezo e magoas do passado que não consegue esquecer.
Seu corpo leve a muitas almas a loucura e depois que as tem para si eles vivem a vagar na escuridão que nem o sol mais forte poderá iluminar...
Qual seu propósito?
Morte: levar-te comigo para a escuridão que nem os anjo poderam te ajudar
Anjo: o que vc quer de mim?
Morte: nada apenas me divertir sou o que vc quiser que eu seja só seu desejo mais profundo que vc não consegue esquecer.
Eu posso sentir a magoa que vc tem desse mundo que não o compreender.
Eu sou fruto do pensamento perfeito que não existe, por isso que estou aqui pra te levar comigo.
Anjo: se eu não quiser?
Morte: então vivera sofrendo num mundo que um dia será meu
Anjo: se meu destino for esse prefiro morrer a me juntar com vc num mundo sem volta, não será dessa vez que que vai me conduzir a viver num mundo profano permanecerei aqui ate que eu encontre meu caminho
Morte: então passara o resto da sua vida nesse mundinho, não será a primeira vez que vai ouvir fala de mim
 
Pensamenos profundo de um anjo caido pelas magoas do passado

Velar

 
Ao fechar-me teus olhos,
ao selar-me tua boca,
rogarás por mim numa ânsia
louca.

Tuas noites serão veladas
pelos fantasmas do inconsciente,
e no deleite dos teus sonhos eu estarei
presente.

Ao fechar-me tua janela,
ao trancar-me tua porta,
a solidão te acompanhará
e eu estarei do lado de fora,
com uma vela acessa na mão
 
Velar

Nascido das sombras

 
Noite de delirio que tenho a cada momento da minha triste vida, e que nao aguento mais. parece que essa melancolia que tem logo passara pois meus dias estao proximo, esculto vozes a me chamar mas no momento eu as ignoro, pois ainda a o que falar antes da minha partida.
sinto que esta noite esta pra mim, a lua se possiciona em minha direção e me ilumina como se fosse a ultima vez a me iluminar, sinto me cansado sera que finalmente serei liberto desse mundo de mentira deixarei minha memoria e pensamento para aqueles que queira saber quem um dia fui, eu quando o eclipse chegar com sua imensa escuridao eu renascerei e mostrarei quem eu realmente sou
 
Nascido das sombras

Ultimo Suspiro

 
A ideia era timida e o gesto amedrontado as mão em estado de nervoso, fico mudo e calado.
Em um termo sobre natural o choro era mortal, a vida nada mais é, somente as lagrimas consolavam a ideia, sem coragem.
Revelada o espanto e o medo assombrava. Socorro! apenas falava, sem resposta. Não ouvia nada o ultima suspiro a dor.
De olhos fechados apenas calado quase morri afogado no passado.
 
Ultimo Suspiro

meu martirio

 
meu martirio
 
dentro de mim virou trevas não sei mais o que ser feliz, tudo de bom que tinha se foi junto com meus desejo. deixando apenas marcas de sofrimento que tive que pelejar pela vida hoje me vejo no espelho não me reconheço com olhos vermelho de ódio do inevitável, fico mudo e calado apenas com dessabor de muitos que já passaram perante mim e eu nada pude fazer para melhorar esse e o destino daquele que guarda ranco de um mundo imperfeito desigual desumano, cheio de hipocrisia, cheio de sua crença que não a leva a lugar nenhum. preso num mundo de mentira cansei de tudo estou a por um fim em tudo. muitos me chama de monstro sem coração mas nem sempre fui assim já tive um coração um amor mais por causa da humanidade ela se foi.
me deixando só nesse mundo sujo, chorei por vários dias remoendo por dentro por meses anos ate que deixei meus sentimento de lado, e passei a menospreza essa raça que se acha superior só por causa do seus bens matérias mais por dentro são podre sem vida alguma que se apega apenas nos seus tao patético sonho de superioridade. a doença do mundo me contagio estou por um fio a bera do fim sepulcral da minha vida contudo digo adeus seus lixo...
 
meu martirio

Amor Intenso

 
Embora a noite se acabe meu amor por você nunca se acabara
Por mais longe que ficamos o que sinto por você e tão forte
Que quebra qualquer obstáculo.
Queria eu poder ter asas
Para sobre voar
Onde você esta só para ficar ao seu lado
Mas tiraram minhas asas
E me expulsaram. Do meu lar
E agora vivo em trevas nas sombras dos meus antepassados
Que vieram antes de mim.
Minha vida esta por um fio. Que em breve será quebrado.
E assim serei levado no mais profundo abismo
E junto a ele meus sentimentos de ternura por ti!
Nessa hora o tempo parece nosso inimigo. Que contas as horas minuto e segundo da minha vida
Ao poucos me sinto como não fizesse mais parte dessa vida
Sinto que aqui na e mais meu lugar. E que a esse mundo não mais pertenço Viverei a vagar
Na escuridão em busca de uma nova chance e por fim um dia pode te encontrar novamente.
A dama da noite veio ao meu encontro para me levar Com ela. Espero um dia lhe encontrar
 
Amor Intenso

Recordação

 
Lembro-me daquele dia em que vc me vez me senti desejado
Ah com era boa sentir aquele sentimento de ternura e carinho
Mas nem tudo que e bom e pra sempre.
A morte vem com suas ambições de levar vc de mim
Fazendo eu me sentir solitário novamente
Nesse mundo...
Não sinto, mas aquele amor que um dia eu sentir
Meu coração foi comrropido.
Quero apenas morrer
Não tenho, mas intenção de viver
Se minha motivação de vida era por causa de vc ..
Agora que vc se foi
Quem eu vou beijar
Não quero mais ninguém..
Apenas vc
Só vc me faz sentir
Ao sentimento mais impuro porem verdadeiro eu sinto por ti!
Não me imagino vivendo nesse mundo sem vc
Junto dele
...
Sendo assim
Despeço-me
De tudo que um dia conquiste junto a ti
E novamente
Vo me juntar a vc.
Para darmos continuidade de onde paramos...
 
Recordação

lagrimas de sangue

 
Um sorriso brota nos labios sofrido espresando de modo amargo.
sem notar mais uma gota de sangue cai sobre seu vestido, seu espelho reflete a morte de modo claro, o corpo sente quando a espirito por perto, um arrepio segue pelo seu corpo e então o medo toma conta de ti.
sei que sentes quando sopr de leve em seus ouvidos, a sua boca esta cansada de sentir tocada quando anao a ninguem por perto, sangue que escorre sobre ti, sao lagrimas de meu sofrimento,por ama-la e nao poder estar com você em seu mundo.
sinto a culpa do meu suicidio, estupido que apenas me afastou de você. hoje vejo em seu quarto fotos minha que você ainda guarda na gaveta, hoje vejo que você me amava.
Você nao pode me ver , mas eu posso toca la você nota quando suas lagrimas secam rapido?
isso so acontece quando estou com você quando posso limpar com minhas maos, desejo ter você comigo, eu me odeio pelo meu suicidio. agora você nao consegue me ver, mais sei que um dia você tambem ira morrer.
so que você nao vira pra ca.
pois suicidio você nunca cometera, e sua alma concerteza com Deus ficara, e mais longe de mim ficara
 
lagrimas de sangue

ainda nao acabou

 
Meus pensamento flutua nas pura insanidade de desejo pelo seu corpo atraente Que me seduz e faz te querer ainda mais do que te quero Sua palavra resoam em meus ouvidos como cântico de uma melodia que hipnotiza fazendo eu ir ate vc. Que O aroma que vez da sua pele me seduz e sua pele macia que me convida a esta sempre ao teu lado a te tocar e de seus lábios molhada poder beijar. Que sentimento e esse que sinto por vc que nem mesmo eu posso entender Será que to ficando viciado em vc. Vc e como uma droga depois que experimenta não quer mais parar Vc com esse rostinho toda ingênua com quem não quer nada levou meu coração contigo quem nem percebi agora estou a mercê das suas vontade. Sou escravo dos seus desejos mais obsceno que vc tiver. Faça de mim instrumento das suas vontades abusar de mim e de meu corpo. Seu olhar perfura meu coração acabando com um pouco de mim que ainda me resta. Já que vc levou quase td de mim minha sanidade meus sentimentos minha vida me levando minha própria morte...
 
ainda nao acabou

noite incerta

 
Vagamos pela escuridão e na noite insana nos tornamos incertas e impuro. Agora somos anjos esperando pelo fim.a dor não sera nada comparando ao sofrimento.
no meu pensamento insano, só desespero e solidão...
Isso e a morte! não senti e não vejo, mas eu espero pela presença letal talvez eu me arrependa mas sera tarde demais e serei torturado. vou esperar que a morte me toque e leve me com ela. meu fim sera lembrado ao acaso como uma lembrança deixada para traz; enfim me libertarei
 
noite incerta

Nem toda flor tem que ter cor

 
De que adianta ter gente que me joga flores se nem ao menos posso ver as cores além da escuridão latente? De que me adiantam flores se não sinto os odores nada ouço além de vozes doces que somem além da escuridão e mãos que se fecham na minha solidão? Não se cansam de cair as flores queda inútil, à lama levará assim como eu, o que cair apodrecerá o fracasso exibe sua imagem e seus horrores Malditas sejam as flores a perturbar-me a razão assistindo à minha condição adoçando com dó meus dissabores Afundem todas as flores e não me venham com piedade nem memória, nem saudade nem feridas ou vãos amores Deixem-me só as flores só com migalhas de pensamentos abortados sentimentos queridas e inúteis dores que na carne me fazem humana, ferem a criatura desumana Cresce da fúria do abandono, junto ao olho e o escuro adorno, meu ódio, minha força que ascenderá não flores, mas a vida que deu a elas as cores, me vingará
 
Nem toda flor tem que ter cor

tempo perdido

 
tempo perdido
 
Noite incertas são essas que passo a cada dia da minha vida
Sinto me preso no tempo, não sei mais quem sou. Sinto me perdido.
Não sei mais o que o tempo me reserva agora sinto me inseguro minha mente prega peça e fico iludido . Criarei uma caixa e nela colocarei minhas lembranças que um dia tive para não mais me iludir.
no momento do meu martírio fico mudo e calado.
Com coração pulsante, e olhos amedrontados,se afogando no meu passado, que me consome e que destrói por dentro. Em minha face lagrima brota e começam a cair em gotículas de sangue sobre o chão.
Noite de martírio e esse que tenho que viver.
Mas logo passara a noite acabara e um novo dia começou e eu ficarei preso na fortificação inabalável que eu mesmo criei. Com a vida que me resta ficarei aqui ate que eu posa descobrir que eu sou quem eu fui e o que posso fazer para mudar tudo e dar inicio a uma nova vida que me aguarda...
 
tempo perdido



arthur luiz