https://www.poetris.com/





Poetas Consagrados - Adote Um
sem nome
Seguindo a idéia original do Trabis, quero reabrir o que
não estava fechado mas, aparentemente, esquecido:

A adoção de poetas consagrados.

Segue o corpo do tópico original:


"Boas, estou a pensar em desistir da atual página de poetas consagrados.

"A minha ideia é criar perfis de usuários "Fernando Pessoa", "Florbela Espanca", etc, fazendo-os passar por normais utilizadores deste espaço.

Usando os perfis fica mais fácil de seguir os textos, adicionar estes poetas aos favoritos, comentar os textos, procurar livros e fotos.

Portanto pergunto se existe alguém interessado em adoptar um poeta. Eu crio o perfil e dou a senha, você só tem de ir actualizando esse perfil, colocando os textos (no máximo de 3 por dia, tal e qual), enviar livros para a livraria, enfim, vestir a pele. Só não vale responder a comentários nem PMS! Ninguém precisa de saber quem é o Bocage, você só dirá se quiser. Aceita? Envie-me um email para lusopoemas@gmail.com . Os poetas serão distribuídos por ordem de chegada (first come, first serve)."



Os poetas que já foram adotados serão adicionados à esta lista:


Alexandre O’Neill
António Aleixo
Cecília Meireles
Cora Coralina
Eugénio de Andrade
Fernando Pessoa
Florbela Espanca
Hilda Hilst
Pablo Neruda


Para fins de esclarecimento e resumo,
eis as regras para quem quiser adotar um poeta:

Não se pode adotar autores vivos;
não se pode responder comentários como o poeta;
não pode comentar ninguém como o poeta;
não pode publicar com o perfil o que não seja obra do poeta;
não pode usar o perfil do poeta consagrado
para publicar qualquer opinião pessoal.

Aqueles que forem descobertos quebrando essas regras,
perderão o perfil e ele voltará ao estado de "órfão".

Atualizando as informações, aquele que quiser adotar um dos poetas deverá comunicar primeiro a administração, enviando uma PM para qualquer um dos administradores ou mesmo através do formulário de contacto, disponibilizado no link abaixo:

Formulário de Contacto - Link


Obrigado

Criado em: 7/11/2011 9:11
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Poetas Consagrados - Adote Um
Colaborador
Membro desde:
8/12/2008 15:15
De Vila Viçosa
Mensagens: 3906
Obrigado Caito, uma boa semana.

Criado em: 7/11/2011 9:34
_________________
Era tão fácil a poesia evoluir, era deixa-la solta pelas valetas onde os cantoneiros a pudessem podar, sachar, dilacerar, sem que o poeta ficasse susceptibilizado.

Duas caras da mesma moeda:

Poetamaldito e seu apêndice ´´Zulmira´´
Julia_Soares u...
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Poetas Consagrados - Adote Um
sem nome
Passo para relembrar este convite.

Criado em: 11/11/2011 8:51
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Poetas Consagrados - Adote Um
sem nome
O Bocage foi adotado e o José Gomes Ferreira ainda está órfão

Criado em: 12/11/2011 6:54
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Poetas Consagrados - Adote Um
Colaborador
Membro desde:
11/11/2010 0:04
Mensagens: 1162
Muito bom este espaço para os consagrados e para nós, assim auxilia-nos a conhecê-los, a si e a sua obra!

Criado em: 22/11/2012 1:19
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Poetas Consagrados - Adote Um
Colaborador
Membro desde:
11/11/2010 0:04
Mensagens: 1162
Desculpe desconhecer, mas há um rol de consagrados a serem escolhidos é isso?

Criado em: 22/11/2012 1:20
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Poetas Consagrados - Adote Um
Colaborador
Membro desde:
29/9/2011 0:22
De Olinda, Pernambuco
Mensagens: 1148
basta estar morto e pode ser adotado


a propósito, o bocage está órfão também...

Criado em: 22/11/2012 1:24
_________________
alguns anos de solidão - blogue

"ah, meu deus do céu, vá ser sério assim no inferno!"
- Tom Zé
Transferir o post para outras aplicações Transferir







Links patrocinados