https://www.poetris.com/





Nota do Autor
Luso de Ouro
Membro desde:
4/2/2013 23:42
De Uberlândia - MG - Brasil
Mensagens: 2374
Faz tempo que eu queria falar sobre isso, é uma questão antiga, gostaria de saber a opinião de vocês.

Percebo que alguns poemas que escrevo não são compreendidos, da mesma forma, sei que minha interpretação sobre alguns que leio também pode não ser o que realmente o autor desejava. Pensei em utilizar a "Nota do Autor" para dar uma ideia sobre alguns desses meus poemas, não só uma breve explicação, mas os motivos deles (quando existir). Sei que o discurso geral é que a interpretação deve ser a do leitor. Sei que dizer os motivos seria se expor demais e que talvez poderia parecer apelativo, dependendo, em alguns casos. Por outro lado, adoraria ter uma ideia melhor do que realmente o autor quis dizer em alguns poemas que leio. Sei também que a ambiguidade, a "ideia solta", são propositais na maioria e é o que torna alguns desses poemas interessantes, mas a clareza e o motivo, principalmente, podem dar esse efeito, ou até mais!
Tinha decidido a não expor motivos nem tentar explicar nada, mas recentemente comprei um DVD onde o cantor/compositor explica um pouco cada música e dá uma ideia do porque ela surgiu. Percebi o quanto isso valorizou cada letra, o quanto tornou tudo mais interessante!

Como já disse, gostaria de saber a opinião de vocês, principalmente no que diz respeito aos motivos, em caráter apelativo. Tem muita coisa que a gente escreve relacionadas à motivos fortes: perdas, doenças, erros... (Registros da vida!)

O que pensam?


(Fica também uma contribuição para o Fórum que anda "meio morto")


Criado em: 14/1/2015 15:31
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
sem nome
poema e piada bons dispensam explicação

Criado em: 14/1/2015 21:01
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
Luso de Ouro
Membro desde:
4/2/2013 23:42
De Uberlândia - MG - Brasil
Mensagens: 2374
Bem...
Valeu o tapa!
(Antes um tapa do que nada, nesse caso.)
Mas tirando a explicação, o que diria do motivo?

Criado em: 14/1/2015 21:10
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
Luso de Ouro
Membro desde:
4/2/2013 23:42
De Uberlândia - MG - Brasil
Mensagens: 2374
Ainda...

Se considerar dessa forma, estará julgando o poema pela sua capacidade de interpretação, que poderá estar errada!


Criado em: 14/1/2015 21:41
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
sem nome
as obras de arte escolhem seu público

depender da interpretação ou apreciação de dementes analfabetos não vale a pena (nem a tinta)

Criado em: 15/1/2015 0:51
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
Luso de Ouro
Membro desde:
4/2/2013 23:42
De Uberlândia - MG - Brasil
Mensagens: 2374
Desculpe a sinceridade, mas para mim parece pretensão
demais dizer que é a obra quem escolhe o público.
Não penso assim (minha opinião).
Pelo menos não tenho essa intenção, escrevo é para todos.
Você não tem que ser músico, saber ler partituras,
entender de arranjos, compassos, melodias, contratempos...
para apreciar uma sinfonia.
Você não tem que entender sobre as técnicas da pintura
para admirar um quadro.
Creio que nem saber ler para admirar um poema,
basta ouvi-lo.
Um poema simples pode carregar uma história incrível!
Mas nesse caso só sabendo o motivo (volto ai ao tópico).


Criado em: 15/1/2015 1:37
_________________
[::]
| |
( O )
( ___ )
GELComposições
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
Luso de Ouro
Membro desde:
4/2/2013 23:42
De Uberlândia - MG - Brasil
Mensagens: 2374
Tudo bem!

É claro que entendendo bem do assunto, você vai saber
distinguir o que é fácil e o que não é...
É como ver um cara no baixo, outro com violão na harmonia
e um terceiro com um outro violão no solo...
E mesmo a música estando perfeita, você saber que um
outro bom instrumentista, de repente, poderia estar quase
que fazendo o mesmo com um único violão...

Você presta atenção nesse tipo de coisa quando ouve uma música?
Se não, acha que deveria parar de ouvir por causa disto?

Criado em: 15/1/2015 1:54
_________________
[::]
| |
( O )
( ___ )
GELComposições
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
sem nome
tenho a impressão de que a maioria que diz gostar de música não gosta de música. Não é apenas que não percebam a harmonia, os temas, as variações, as inversões, as retomadas, as vozes em paralelo horizontal formando acordes verticais etc mas que também estão mais interessadas nas letras (literatura), na coreografia, na atitude, no espetáculo e,enfim, em tudo que não é música.

assim é com qualquer arte. sabe-se lá o que cada um nela enxerga para tirar proveito, ainda mais com as artes abstratas e subjetivas das musas

Criado em: 15/1/2015 11:15
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
Luso de Ouro
Membro desde:
4/2/2013 23:42
De Uberlândia - MG - Brasil
Mensagens: 2374
Já que estamos falando em música, um exemplo de como a explicação e o motivo podem fazer toda a diferença: "O bêbado e a equilibrista" de Aldir Blanc e João Bosco (não vou entrar em detalhes, basta procurar na internet)
Nem sempre as metáforas são claras, ainda mais relacionadas a fatos passados, desconhecidos.
Outra que já procurei: quem diabo foi Guita Gogóia! Por cauda da música "Reconvexo" do Caetano.
Outro exemplo: Cartola. Estudou até a quarta série. Talvez lembrem que "As rosas não falam" esteve, num concurso recente, entre as dez mais belas músicas brasileiras. Dizem (não ei se é verdade) que a música "O mundo é um moinho" ela compôs para a filha que pensava em sair de casa para se prostituir (com certeza deixa a letra bem mais interessante).

Ainda, com relação a arte, cada um tem mesmo sua interpretação. Oswaldo Montenegro disse ao olhar um quadro do Salvador Dali, onde tigres saltam sobre uma mulher nua, que pensou logo na sexualidade selvagem e compôs uma música por causa do quadro. Com certeza minha filha de nove anos acharia o quadro lindo, como de fato é, mas veria simplesmente o ataque dos tigres. Eu, mesmo sendo tigres, e não leões, na minha condição atual, veria os (com s, muito) impostos de renda atacando a (sem s, pouco) minha economia, rsrs (melhor nem rir, é realmente medonho)

Sei, como se diz, que o poeta corre o risco de "pagar" de idiota ao tentar se explicar. Não tenho tanto receio disto, para mim a maior idiotice seria esse tipo de medo. Mas não gostaria de expor alguns motivos, tentando documentar alguns fatos, e alguém achar que isso foi apelativo, de alguma forma.
Coloquei o tópico mais para discutir, conversar com vocês, mas com respeito a se expor, sei que não vale a pena. (Pelo menos, não aqui!)


Criado em: 15/1/2015 22:43
_________________
[::]
| |
( O )
( ___ )
GELComposições
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Nota do Autor
Novo Membro
Membro desde:
10/2/2015 17:23
Mensagens: 5
Seu esforço como poeta público é em trazer clareza, ora. Ou então, não publica.

Criado em: 10/2/2015 17:28
Transferir o post para outras aplicações Transferir







Links patrocinados