https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Ruído de fundo

 


Sentamo-nos à volta da mesa
as vozes caídas ao longo do corpo

como se o corpo se tivesse esquecido
dos braços

os olhos a mastigarem o silêncio

sobram palavras vazias
como ruído de fundo

à procura dos dias
em que nos pertencemos

e dos lugares
onde nos desencontrámos.


maria


 
Autor
outonal_idade(s)
 
Texto
Data
Leituras
823
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
9 pontos
9
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
pAuLoGaLvAo
Publicado: 01/06/2013 09:20  Atualizado: 01/06/2013 09:20
Colaborador
Usuário desde: 12/12/2011
Localidade: Lagos
Mensagens: 613
 Re: Ruído de fundo
Muito bonito. Aprecio a sua forma de escrever e descrever!
A solidão tem contornos mais vincados se estamos acompanhados.


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 01/06/2013 16:26  Atualizado: 01/06/2013 16:26
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 15982
 Re: Ruído de fundo
Parabéns Maria!
Belo e sentido! Gostei imensamente!
Beijos!
Janna



Enviado por Tópico
(re)velata
Publicado: 01/06/2013 21:37  Atualizado: 01/06/2013 21:37
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2009
Localidade: Lagos
Mensagens: 2181
 Re: Ruído de fundo
Muito, muito bonito - tão bonito quanto doloroso é estar longe estando perto.
Parabéns!


Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 01/06/2013 22:39  Atualizado: 01/06/2013 22:39
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: Ruído de fundo
Nem tudo é como queríamos que fosse, a solidão às vezes é leve como o silêncio, outras pesada e sofredida como uma sede violenta...

Maria foi um prazer ler-te.
bom domingo
bjinho.