https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

🌹"RONDA DA ALMA"

 
🌹"RONDA DA ALMA"
 
Quanto mais escavamos mais profunda é a nossa escuridão
Que transportamos connosco em certas ocasiões da vida
Transportamos tempestades numa ventania submissa
Poema em compassos sem respirar sangue

Sepultam os ais de tantos sentimentos sentidos
Deixados na dura insensatez de uma surdez aos ventos
Lágrimas extintas numa primavera em prisão

Quimeras que se desvanecem nos bordados em festa
Jasmim perfumado que ficou no xaile de um pobre verso
Escavamos uma saudade numa memória sonolenta

Viragem mutilada no coração de quem sofre sem delírio
Se a solidão não me rondasse a alma pouparia muitas
Lágrimas perdidas venceria as tristezas no meu coração

Inventaria sorrisos sonhos perfeitos de ilusões esquecidas
De tantos sentimentos sentidos.🌹



╭✿ ♥
Não me considero poeta
Descobri escrevendo por acaso

Você pode copiar, distribuir, exibir, executar
desde que seja dado crédito ao autor original.


🌹🌻
Isabel Morais Ribeiro Fonseca
 
Autor
IsabelRFonseca
 
Texto
Data
Leituras
2071
Favoritos
9
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
104 pontos
8
12
9
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 20/11/2013 17:44  Atualizado: 22/11/2013 03:27
 Re: Se a solidão não me rondasse a alma
Tempo perdido.



Solidão e um amor sem palavras.



Alma sem rondas,


Abraço e és belo seu poema.







Colectivo....


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 05/04/2020 13:30  Atualizado: 05/04/2020 13:30
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16923
 Re: 🌹"RONDA DA ALMA"
Poetisa
Belo e sentido! Parabéns!
Obrigada pela partilha!
Bom domingo!
Beijos!
Janna

Enviado por Tópico
AntónioFonseca
Publicado: 05/04/2020 13:39  Atualizado: 05/04/2020 13:40
Colaborador
Usuário desde: 31/05/2013
Localidade:
Mensagens: 1344
 Re: 🌹"RONDA DA ALMA"
Bonito e sentido soneto.✍️
É necessário ter a calma na alma pra se poder viver em paz de espírito, mesmo com os obstáculos e os espinhos no caminho da vida, para não se cair numa profunda escuridão.

🕊️😘

Enviado por Tópico
marylouise
Publicado: 26/01/2021 21:40  Atualizado: 26/01/2021 21:40
Super Participativo
Usuário desde: 26/05/2020
Localidade:
Mensagens: 125
 Re: 🌹"RONDA DA ALMA"
Sou tua fã, vou ser sempre!
É sempre um prazer ler os teus poemas!

Carpe diem

Enviado por Tópico
AntonioCosta
Publicado: 27/01/2021 10:14  Atualizado: 27/01/2021 10:14
Da casa!
Usuário desde: 02/05/2020
Localidade:
Mensagens: 239
 Re: 🌹"RONDA DA ALMA"
PROTOPOEMA

Do novelo emaranhado da memória, da escuridão dos
nós cegos, puxo um fio que me aparece solto.
Devagar o liberto, de medo que se desfaça entre os
dedos.
É um fio longo, verde e azul, com cheiro de limos,
e tem a macieza quente do lodo vivo.
É um rio.
Corre-me nas mãos, agora molhadas.
Toda a água me passa entre as palmas abertas, e de
repente não sei se as águas nascem de mim, ou para
mim fluem.
Continuo a puxar, não já memória apenas, mas o
próprio corpo do rio.
Sobre a minha pele navegam barcos, e sou também os
barcos e o céu que os cobre e os altos choupos que
vagarosamente deslizam sobre a película luminosa
dos olhos.
Nadam-me peixes no sangue e oscilam entre duas
águas como os apelos imprecisos da memória.
Sinto a força dos braços e a vara que os prolonga.
Ao fundo do rio e de mim, desce como um lento e
firme pulsar do coração.
Agora o céu está mais perto e mudou de cor.
É todo ele verde e sonoro porque de ramo em ramo
acorda o canto das aves.
E quando num largo espaço o barco se detém, o meu
corpo despido brilha debaixo do sol, entre o
esplendor maior que acende a superfície das águas.
Aí se fundem numa só verdade as lembranças confusas
da memória e o vulto subitamente anunciado do
futuro.
Uma ave sem nome desce donde não sei e vai pousar
calada sobre a proa rigorosa do barco.
Imóvel, espero que toda a água se banhe de azul e que
as aves digam nos ramos por que são altos os
choupos e rumorosas as suas folhas.
Então, corpo de barco e de rio na dimensão do homem,
sigo adiante para o fulvo remanso que as espadas
verticais circundam.
Aí, três palmos enterrarei a minha vara até à pedra
viva.
Haverá o grande silêncio primordial quando as mãos se
juntarem às mãos.
Depois saberei tudo.


José Saramago

Enviado por Tópico
CarolinaFonseca
Publicado: 27/01/2021 11:52  Atualizado: 27/01/2021 11:52
Da casa!
Usuário desde: 15/08/2018
Localidade:
Mensagens: 325
 Re: 🌹"RONDA DA ALMA"


Beijinhos mãezinha

Open in new window

Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 27/01/2021 17:05  Atualizado: 27/01/2021 17:05
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade:
Mensagens: 641
 Re: 🌹"RONDA DA ALMA"
Um belo poema. Somente uma grande poetisa pode ser capaz de escrever sobre um tema duro, com tanta leveza e suavidade. Saudações.