https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

Na penumbra da dor, senti saudades 🌺

 
Na penumbra da dor, senti saudades 🌺
 
Na penumbra da dor, senti
Senti muita saudade escrevendo poemas
Onde colhi as flores mais belas

Do meu jardim por abrir, senti a quimera do desejo
Acordei na Primavera verde, verde de esperança
Os nossos sonhos correram onde as ilusões

Fazem castelos no ar, a voar de nostalgias
Como nunca ousei fazer numa cadeira vazia
Naveguei, naveguei e esqueci-me da dor

Nas vinhas plantadas nas asas da madrugada
Dei asas ao pensamento, lavei o meu tormento
Deitei a saudade nas ondas do nosso mar

O nosso sonho tornou-se em desilusão
Fizemos um porão do nosso navio, no cais
Nas ondas do mar vadio onde deixamos

Os desejos com o calor e a saudade
Demos beijos ao sabor da ilusão.

Open in new window


╭✿ ♥
Não me considero poeta
Descobri escrevendo por acaso

Você pode copiar, distribuir, exibir, executar
desde que seja dado crédito ao autor original.


O sonho morre tantas vezes connosco
numa tristeza já vazia de ilusão
🌺🍁
Isabel Morais Ribeiro Fonseca.
 
Autor
IsabelRFonseca
 
Texto
Data
Leituras
2457
Favoritos
9
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
106 pontos
14
10
9
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 18/04/2014 15:03  Atualizado: 18/04/2014 15:03
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: Na penumbra da dor...
Bonita tua inspiração, a saudade faz doer, mas a vida também é feita de sorrisos.

Boa Páscoa
beijinho


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 18/04/2014 15:04  Atualizado: 18/04/2014 15:04
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 17496
 Re: Na penumbra da dor...
Amiga Poetisa
Belo poema! Beijos!
Janna


Enviado por Tópico
Maryjun
Publicado: 25/08/2018 21:05  Atualizado: 25/08/2018 21:05
Membro de honra
Usuário desde: 30/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 6868
 Re: "PENUMBRA DOR"
Boa tarde, Isabel,

Belíssimo conjunto. Amei, levei.

Beijos 😍
Mary Jun

Enviado por Tópico
AntónioFonseca
Publicado: 25/08/2018 22:32  Atualizado: 25/08/2018 22:32
Colaborador
Usuário desde: 31/05/2013
Localidade:
Mensagens: 1712
 Re: "PENUMBRA DOR"
É mais agradável e saudável arriscar as situações positivas que nos dê uma base estável e confiante e navegando, esquecendo a dor dando asas ao pensamento, lavando o tormento e a penumbra para longe, para que o sonho deixe de ser uma desilusão.

Gostei do teu poema, pois nem tudo são rosas 💐




Enviado por Tópico
AntonioCosta
Publicado: 27/01/2021 10:16  Atualizado: 27/01/2021 10:16
Da casa!
Usuário desde: 02/05/2020
Localidade:
Mensagens: 360
 Re: "PENUMBRA DOR"🌺🍁
EU LUMINOSO NÃO SOU

Eu luminoso não sou. Nem sei que haja
Um poço mais remoto, e habitado
De cegas criaturas, de histórias e assombros.
Se, no fundo poço, que é o mundo
Secreto e intratável das águas interiores,
Uma roda de céu ondulando se alarga,
Digamos que é o mar: como o rápido canto
Ou apenas o eco, desenha no vazio irrespirável
O movimento de asas. O musgo é um silêncio,
E as cobras-d’água dobram rugas no céu,
Enquanto, devagar, as aves se recolhem

José Saramago

Enviado por Tópico
SoledadViñas
Publicado: 27/01/2021 10:47  Atualizado: 27/01/2021 10:47
Da casa!
Usuário desde: 14/12/2020
Localidade:
Mensagens: 202
 Re: "PENUMBRA DOR"🌺🍁
La vida debería ser amarilla. Amar y ya.

Enviado por Tópico
CarolinaFonseca
Publicado: 27/01/2021 11:48  Atualizado: 27/01/2021 11:48
Da casa!
Usuário desde: 15/08/2018
Localidade:
Mensagens: 479
 Re: "PENUMBRA DOR"🌺🍁


Beijos Mami

Open in new window


Enviado por Tópico
marylouise
Publicado: 30/05/2021 22:15  Atualizado: 30/05/2021 22:15
Da casa!
Usuário desde: 26/05/2020
Localidade:
Mensagens: 221
 Re: Na penumbra da dor, senti saudades 🌺
Maria

Carpe diem

Enviado por Tópico
MicaelaFerreira
Publicado: 26/11/2021 10:34  Atualizado: 26/11/2021 10:34
Colaborador
Usuário desde: 22/10/2020
Localidade:
Mensagens: 532
 Re: Na penumbra da dor, senti saudades 🌺
Dor. Que rica inspiração. Saudações poéticas!

Carpe diem