https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

ÉS E SERÁS

 
Tags:  amor  
 
ÉS E SERÁS
 
És e serás sempre a minha alma
Nasceu num inverno sombrio onde a sombra
Da nostalgia era transparente
Nas águas do rio banhei-me
Sequei o meu corpo molhado
De tristeza, de amor, de desejo e de agonia
Procurei-te nas amarras da minha solidão
Alberguei no meu coração pedaços
Pedaços de migalhas
De amor, de dor, de saudade
Na minha vida deixei
A felicidade fugir sem correr
Abracei a amargura onde chorei
Nas noites sombrias
Percorri a imensa escuridão
Vazia e talvez perdida
Amarrei-os os sonhos na alma
As mágoas amarrei-as no coração
Descobri que no meio de tanta dor
A minha felicidade foste e serás sempre tu.
Open in new window

Open in new window


╭✿ ♥
Não me considero poeta
Descobri escrevendo por acaso

Isabel Morais Ribeiro Fonseca
 
Autor
IsabelRFonseca
 
Texto
Data
Leituras
1236
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
22 pontos
2
2
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
AntónioFonseca
Publicado: 10/08/2018 22:43  Atualizado: 10/08/2018 22:43
Colaborador
Usuário desde: 31/05/2013
Localidade: Portugal
Mensagens: 513
 Re: ÉS E SERÁS
És eternamente a minha grande companhia.