https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

🌷"FLORES DESPIDAS"

 
🌷"FLORES DESPIDAS"
 
Quando eu morrer não digas a ninguém
Partilha comigo alguns minutos
Uma noite inteira. Cobre o meu corpo
Frio com um lençol branco
Quando eu morrer
Recita um soneto, um poema
Que escrevi, talvez o tenha
Escrito para ti, fica junto de mim
Quando eu morrer
Deixa-me ver mais uma vez o mar
Promete-me que não choras
E nem tocas com a tua boca
Os meus lábios frios
Promete-me que lanças a tua solidão
A tua dor, as tuas lágrimas
Para um poço profundo
Sem olhar para trás
Que cuidarás das nossas flores
Quando o vento e a chuva chegarem
Serei o teu anjo da guarda
E todo o meu amor brilhara em ti
Quando eu morrer estarei eternamente
Presente no teu coração
Continuarei a viver no teu pensamento
Com amor e saudade
Quando eu morrer por favor
Não digas a ninguém que eu parti
Que parti como as flores despidas
Despidas pelo vento.🌷🌺



╭✿ ♥
Não me considero poeta
Descobri escrevendo por acaso

Você pode copiar, distribuir, exibir, executar
desde que seja dado crédito ao autor original.


Quando eu partir
Chora com alegria
Que eu estarei na serra
Entre os lobos
🌷🌺
Isabel Morais Ribeiro Fonseca
 
Autor
IsabelRFonseca
 
Texto
Data
Leituras
1289
Favoritos
10
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
129 pontos
19
15
10
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/05/2015 12:08  Atualizado: 08/05/2015 12:08
 Re: "FLORES DESPIDAS"
Lindo demais!

Abraços


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 08/05/2015 13:37  Atualizado: 08/05/2015 13:38
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29438
 Re: "FLORES DESPIDAS"
momentos que até mesmo as lágrimas choram, os silêncio se calam, a vida perde os sentidos, nosso viver fica sem sentimento.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/05/2015 13:39  Atualizado: 08/05/2015 13:39
 Re: "FLORES DESPIDAS"
Que dizer desta beleza de versos wue vc foi ótima. ...

fabio


Enviado por Tópico
kripy
Publicado: 08/05/2015 13:49  Atualizado: 08/05/2015 13:49
Colaborador
Usuário desde: 26/05/2010
Localidade:
Mensagens: 3018
 Re: "FLORES DESPIDAS"
lindo, mas lindo mesmo.sem palavras,um beijinho,kripy.


Enviado por Tópico
Ro_
Publicado: 08/05/2015 13:52  Atualizado: 08/05/2015 13:52
Colaborador
Usuário desde: 25/09/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 3982
 Re: "FLORES DESPIDAS"
Perfeito!
Encantador!
Eu adorei ler!
Um beijinho!


*-*


Enviado por Tópico
Juvenal Nunes
Publicado: 04/10/2016 19:05  Atualizado: 04/10/2016 19:05
Da casa!
Usuário desde: 28/07/2013
Localidade: Douro Litoral
Mensagens: 499
 Re: "FLORES DESPIDAS"
Camões dizia, ao falar sobre o amor "...transforma-se o amador na coisa amada...", e é essa ideia que incorpora a mensagem que perpassa no seu poema.

Juvenal Nunes


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 28/10/2017 12:24  Atualizado: 28/10/2017 12:24
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12514
 Re: "FLORES DESPIDAS" P/ IsabelRFonseca
... um poema de sensibilidade extrema, lindíssimo e que vou guardar, não só no coração, mas para poder ler muitas vezes, parabéns! Beijinhos emocionados Vó


Enviado por Tópico
AntónioFonseca
Publicado: 19/09/2018 15:41  Atualizado: 19/09/2018 15:41
Colaborador
Usuário desde: 31/05/2013
Localidade:
Mensagens: 986
 Re: 🌷"FLORES DESPIDAS"
Sempre a viveres no meu pensamento
Com amor, paixão e saudade.
A morte é uma certeza para todos nós.
Morrerei contigo, mas o futuro a Deus pertence.
Promessa com e em cumplicidade.



Enviado por Tópico
AntónioFonseca
Publicado: 23/01/2020 12:12  Atualizado: 23/01/2020 12:12
Colaborador
Usuário desde: 31/05/2013
Localidade:
Mensagens: 986
 Re: 🌷"FLORES DESPIDAS"


Enviado por Tópico
AntonioCosta
Publicado: 07/05/2020 12:06  Atualizado: 07/05/2020 12:06
Muito Participativo
Usuário desde: 02/05/2020
Localidade:
Mensagens: 85
 Re: 🌷"FLORES DESPIDAS"
SONETO DO AMOR E DA MORTE

Quando eu morrer murmura esta canção
que escrevo para ti. quando eu morrer
fica junto de mim, não queiras ver
as aves pardas do anoitecer
a revoar na minha solidão.

quando eu morrer segura a minha mão,
põe os olhos nos meus se puder ser,
se inda neles a luz esmorecer,
e diz do nosso amor como se não

tivesse de acabar, sempre a doer,
sempre a doer de tanta perfeição
que ao deixar de bater-me o coração
fique por nós o teu inda a bater,
quando eu morrer segura a minha mão.

Vasco Graça Moura, in "Antologia dos Sessenta Anos"

Enviado por Tópico
Juanito
Publicado: 25/05/2020 22:52  Atualizado: 25/05/2020 22:52
Colaborador
Usuário desde: 26/12/2016
Localidade: España
Mensagens: 2812
 Re: 🌷"FLORES DESPIDAS"
Até a morte fica bem nesse comovente poema!!

Meus parabéns e um abraço!!