https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Dedicatória : 

Diz-Me, Poetisa

 
Tags:  amor    dedicatória  
 
Diz-me, Poetisa!

Poetisa, me diz,
em verdade pura,
quem te enamora
esse olhar feliz,
pleno de candura?
Diz-me aqui e agora!

Poetisa, me redige
sonetos de amor,
versos de ilusão!
Quem tanto te aflige.
em tamanha dor
e te nega paixão?

Poetisa, me canta
loas de enamorar,
odes de amante!
Poetisa, me encanta
nesse teu amar
do meu ser errante!

Poetisa, me guarda,
na fiel esperança
de amada querida!
A ventura que tarda,
não é mais que dança
de mágoa contida!

Poetisa, me sorri
num beijo travesso,
tua felicidade!
Cá estou, não morri,
por isso te peço,
mata-me a saudade!

Poetisa, me abraça,
me seduz de odores
e sabores de mel!
Zarpemos de batel,
na rota dos amores!
Meu amor, me enlaça!



Poet@ sem Alm@
João Loureiro


Open in new window

Lisboa, 11/06/2015
À Poetisa Lírio.
 
Autor
Poeta.sem.Alma
 
Texto
Data
Leituras
911
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
37 pontos
9
6
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/06/2015 11:10  Atualizado: 12/06/2015 11:10
 Re: Diz-Me, Poetisa
Poeta,

Que recebas a resposta, por este apelo tão lindo e confessado!

Lindo!

Vai para os meus favoritos!

Abraço,

*Anggela*



Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 13/06/2015 03:09  Atualizado: 13/06/2015 03:09
 Re: Diz-Me, Poetisa
Quem sabe um dia ela te diga...
Belo poema...


Enviado por Tópico
Asas
Publicado: 13/06/2015 10:48  Atualizado: 13/06/2015 10:48
Da casa!
Usuário desde: 11/05/2015
Localidade:
Mensagens: 220
 Re: Diz-Me, Poetisa
Muito bonito.
Parabéns!


Enviado por Tópico
SALETI HARTMANN
Publicado: 28/05/2016 02:32  Atualizado: 28/05/2016 02:32
Da casa!
Usuário desde: 31/10/2007
Localidade: Cândido Godói-RS
Mensagens: 265
 Re: Diz-Me, Poetisa
Diz-me, Poetisa....

Diz-me, poeta, se não deixaste tua alma nas palavras lindas que escreves e nos presenteias com tanto carinho?
Parabéns pela beleza do teu poema.
Saleti