https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

LETAL DESTINO - PORTUGAL

 
Tags:  desilusão  
 
LETAL DESTINO - PORTUGAL
 
 
Cinzas no chão, veneno no deserto
Trovão no céu, abre-se o desejo
Fogo inextinguível, dor na vesícula
Mastigo o terror de orgulhoso medo
Furor exausto de irritada verdade
Picada em sangue, doce mordida
Cobra de sombra que lança perdida
Batalhas doridas no próprio sustento
Espada de ferro que carrega um anjo
Que mata a carne, que espera esquecida
Chuva de lama que remove a vida
Liga fraudulenta entre os ossos, o cérebro
Torcem o braço até às clavículas
Vermes que não sabem decifrar o silêncio
Práticos pesadelos em caçar talentos
Molhada argila feita de nada para nada
Destino falso de letais falsos profetas
Open in new window
















Ó amada esta minha pátria
Que nela tive a sorte de ter nascido
Que me prende a alma
Que me amarra o coração
Ó nação valente, imortal
Que és roubada , maltratada
O vento lusitano de mar a mar
Que vives uma fúria sem alcançar
O céu por inquietação
Malditos os que te roubam, são tantos
Que o povo já passa tantos tormentos
Ó terra lusitana que tanto amo
Bela de norte a sul
Amaldiçoo quem te maltrata
Quem te desfigura selvaticamente
Meu cantinho à beira mar
Meu querido amado Portugal. 2018
Open in new window


╭✿ ♥
Não me considero poeta
Descobri escrevendo por acaso

🍒

Isabel Morais Ribeiro Fonseca
 
Autor
IsabelRFonseca
 
Texto
Data
Leituras
335
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
16 pontos
6
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
AntónioFonseca
Publicado: 30/07/2015 14:06  Atualizado: 30/07/2015 14:06
Super Participativo
Usuário desde: 31/05/2013
Localidade: Portugal
Mensagens: 191
 Re: LETAL DESTINO
Gostei..

Destino falso de letais falsos profetas

Por isso aqui vai.....

Por isso, alheio, vou lendo
Como páginas, meu ser
O que segue não prevendo
O que passou a esquecer
Noto à margem do que li
O que julguei que senti
Releio e digo: "Fui eu ?"
Deus sabe, porque o escreveu.

Fernando Pessoa


Enviado por Tópico
nereida
Publicado: 16/05/2018 13:56  Atualizado: 16/05/2018 13:56
Colaborador
Usuário desde: 27/08/2017
Localidade: São Paulo
Mensagens: 692
 Re: LETAL DESTINO - PORTUGAL
Amarguras de pobres viventes. Sentido Isabel!
Bjs


Enviado por Tópico
AntónioFonseca
Publicado: 16/05/2018 19:41  Atualizado: 16/05/2018 19:41
Super Participativo
Usuário desde: 31/05/2013
Localidade: Portugal
Mensagens: 191
 Re: LETAL DESTINO - PORTUGAL
Portugal com o seu letal e fatal trato, onde os antepassados lutaram com bravura, deixando o sangue e a vida pela pátria amada.
A história de Portugal não deixa dúvidas.
Amaldiçoo quem te maltrata
Quem te desfigura selvaticamente
Meu cantinho à beira mar, onde a beleza de norte a sul é ímpar.
Amo-te meu querido Portugal.