https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Interlúdio

 
O frio
entranhado debaixo da pele
a crispação gutural
sob o peso das pálpebras
a vigília
presa ao gesto antigo.

O rio
por dentro da lágrima
o tempo
no interior da nuvem
a erosão das pedras
onde encosto a face

[metade de mim
raio de luz]

no interlúdio das horas.

O tempo
poemas
nos meus olhos
o medo
nos espelhos
onde os pássaros
procuram o meu nome
e o céu morre

[como se voasse]

rasgado pelas folhas das memórias.


maria

 
Autor
outonal_idade(s)
 
Texto
Data
Leituras
337
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
18 pontos
4
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 11/07/2016 21:55  Atualizado: 11/07/2016 21:55
 Re: Interlúdio
Maravilhoso!

Grata pela partilha


Enviado por Tópico
JoeWeirdo
Publicado: 11/07/2016 23:18  Atualizado: 11/07/2016 23:18
Da casa!
Usuário desde: 11/03/2010
Localidade:
Mensagens: 433
 Re: Interlúdio
uau! gosto muito do surrealismo apresentado no texto em forma de metáforas.
me identifiquei, me comovi, curti, favoritei.
(:
beijos!