Poemas : 

Por detrás da chuva

 
Longe de um tempo branco
comprimes o teu corpo de cinza
contra um céu vazio
uma bruma a derramar formas indefinidas
de solidão.
Dentro de ti
paisagens inacessíveis
a atravessarem-te a pele.
Fechas as pálpebras e perdes-te
em imagens
a procurares uma saída.
Estendes a mão para um nome imaginário
e julgas tocar a perfeição
[ a corroer a tua lucidez ]
O silêncio a arder-te sobre os ombros
curvados pelo tempo. Crepuscular e plúmbeo.
Nos teus olhos
a chuva a diluir um gesto de pássaro.
Ou de árvore.
Como se no teu sangue
enterrasses as raízes do esquecimento.



L

 
Autor
Ludo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
145
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
26 pontos
6
2
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 27/11/2016 08:56  Atualizado: 27/11/2016 08:56
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 25004
 Re: Por detrás da chuva
Um belo e maravilhosos poema onde as palavras se transformam numa realidade plena. A vida precisa de maus humanidade, se cada um de nós fizesse algum gesto de bom no dia a dia mundo bem melhor seria


Enviado por Tópico
*Anggela*
Publicado: 02/12/2016 09:31  Atualizado: 02/12/2016 09:31
Colaborador
Usuário desde: 22/04/2015
Localidade:
Mensagens: 2650
 Re: Por detrás da chuva
Ludo,

Leio aqui, por detrás das letras, o fluir da tua sensibilidade.

Teus versos adentram no peito e descansam...e eu os leio com muita alegria...

Parabéns! Um favorito !

Um beijinho,

Anggela


Enviado por Tópico
Debynha
Publicado: 02/12/2016 09:33  Atualizado: 02/12/2016 09:33
Muito Participativo
Usuário desde: 01/12/2016
Localidade:
Mensagens: 88
 Re: Por detrás da chuva
Belo intenso! Adorei!