https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Visto me do mar

 
Visto me do mar
 
Vou indo pelas sombras do mar, ouço o silêncio das águas
Ondas quando se quebram ouve-se os ecos, as pedras se calam
Passos que as águas não se apagam
Passam os sentidos por aqui onde as marcas ficam

O amor ao mesmo tempo que é fiel, também e cruel
Vou caminhando pelas areias, as marcas dos meus pés se desenham
Áurea das nuvens vindas se sobre esse azul choram
Visto me do amar, caminha meus sentimentos, algo busco, a sonhar

Momentos que o entardecer dos meus olhos, numa tristeza se alva
E meu coração uma dor se aldeia
A desilusão em mim, ela faz de meu eu um consumo
Nem na saudade mais me aprumo
Vou pelo oceano da vida se rumo

Autor: oceânico
05/03/2017

Imagens google

Open in new window

 
Autor
oceanico
Autor
 
Texto
Data
Leituras
201
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
30 pontos
6
4
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 05/03/2017 13:20  Atualizado: 05/03/2017 13:20
 Re: Visto me do mar
Muito bonito! Gostei
Bjs

Enviado por Tópico
F.Serra.Pintor
Publicado: 05/03/2017 13:38  Atualizado: 05/03/2017 13:38
Colaborador
Usuário desde: 11/08/2016
Localidade:
Mensagens: 1013
 Re: Visto me do mar
lindo poema , umas pinceladas de azul melancolia

Enviado por Tópico
Jorge-Santos
Publicado: 05/03/2017 16:37  Atualizado: 05/03/2017 20:00
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Setúbal, Azeitão Portugal
Mensagens: 550
 Do mar m'visto ..


Do mar me visto,
O céu não tenho,
Faz frio no meu
Peito em pedra,
Gelo ou icebergue,
Assim outros terra e ar,

Sonhos são mantras,
Onde só ondas antes,
Agora ilusão, Atlantes
Do mar, me visto
Do sonho que me perdi
E do que era em gente

E o céu não tenho,
Nem marés d'horizonte,
Faz frio, serei peixe,
O que há em mim,
E me tapando se veste
De mares Atlantes,

Acaricio um mito,
O ritual sou eu, o manto
E o ceptro pó, em mim
Próprio não mando,
Cansado d'haver mundo,
Oh mar, meu leito ...

Do mar me visto,
O céu não tenho,
Suposto me dar asas
Ou guelras, nada me serve,
Nem onde és meu,
Eu sou teu ente,

Do mar me vês, por quem
Me sonhas ..por quem
Me tomas

Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 05/03/2017 21:26  Atualizado: 05/03/2017 21:26
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8117
 Re: Visto me do mar / Para Oceanico
Se vestir de mar, para esperar o amor que demora. Se não vem, a saudade ocupa o lugar.

Lindo. Parabéns oceanico!

Enviado por Tópico
Juanito
Publicado: 20/03/2017 06:35  Atualizado: 20/03/2017 06:35
Colaborador
Usuário desde: 26/12/2016
Localidade: España
Mensagens: 1362
 Re: Visto me do mar
Belíssimas imagens do oceano.

Meus parabéns.

Um abraço

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 20/03/2017 13:58  Atualizado: 20/03/2017 13:58
 Re: Visto me do mar
Lindo poema!viajei com suas palavras.