https://www.poetris.com/
Poemas : 

Delírios

 
 
Oh estrela que guia meus pés descalços
Famintos por encontrar verdades por entre as areias
Sedentos pelo liquido precioso de seus olhos
Feridos pelas pedras que parecem nunca desistir

Oh estrela dessa longa noite no deserto
Guia meus olhos cegos na busca de sua luz
Envia pelo vento a canção que eu ainda lembro
sopra o alento que me falta até que brilhe um novo dia

Oh estrela dentre tantas que dançam no palco celeste
Sei que tu me escolheste com carinho e afeição
Permita-me que possa então admirar suas cores
Sentar próximo a fogueira deixar que me domine a emoção

Oh estrela sim eu sinto e ouço vem de dentro vem com força
Estrela minha só por esta noite que meu único arbítrio
Seja poder guiá-la através do tango de meus delírios
Levantar o véu do tempo recolher seus passos e guardá-los
Aqui dentro de meu coração

Fiquem com Deus

 
Autor
Correa
Autor
 
Texto
Data
Leituras
152
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
24 pontos
10
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Emy
Publicado: 15/07/2017 00:34  Atualizado: 15/07/2017 00:34
Super Participativo
Usuário desde: 21/12/2016
Localidade:
Mensagens: 157
 Re: Delírios
Que as estrelas guiem nossos sonhos, nossos caminhos, nossas vidas, que o brilho e intensidade sejam marcantes em cada passo, em cada dia, em cada momento...

"E eu vos direi: "Amai para entendê-las!
Pois só quem ama pode ter ouvido
Capaz de ouvir e de entender estrelas."


Beijo grande.


Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 15/07/2017 13:37  Atualizado: 15/07/2017 13:37
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8364
Online!
 Re: Delírios/ PARA CORREA
Que lindo o teu poema, mais parece prece.
E não é a prece uma estrela guia, que ilumina caminhos?
Para famintos de paz e para os sedentos de amor!

E essa estrela vem de dentro com força, como diz o poema, do coração!

Gostei demais, amado Correa. Me tocou.

"Por pouco tempo a luz está entre vós. Caminhai enquanto tendes luz, para que as trevas não vos apreendam: quem caminha nas trevas não sabe para onde vai!" - Jesus.


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 15/07/2017 15:22  Atualizado: 15/07/2017 15:22
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 10484
 Re: Delírios
...delirei ao saber que a sua estrela recebeu tanta luz e iluminou os nossos corações mais e mais com tanto brilho! A noite também teve medo da escuridão e deve ter rogado a Deus que a iluminasse e assim devem ter nascido as estrelas, não deixemos apagar as nossas deixemos sempre acesa a vela da esperança! Que doçura de poema iluminado, adorei! Abraço guiado pelo meu coração para si Vó


Enviado por Tópico
Transversal
Publicado: 16/07/2017 07:03  Atualizado: 16/07/2017 07:03
Colaborador
Usuário desde: 02/01/2011
Localidade: Fortaleza - Lisboa
Mensagens: 3648
 Re: Delírios
apenas e só:
"Aqui dentro de meu coração
Envia pelo vento a canção que eu ainda lembro
que me domine a emoção
o tango de meus delírios
meus olhos cegos
Feridos pelas pedras que parecem nunca desistir
Famintos por encontrar verdades por entre as areias
Oh estrela!"

Por mais que eu dissesse (escrevesse) nada se compararia à beleza do teu texto Poeta Médico.

Muito obrigado.

Grande abraço


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 17/07/2017 12:37  Atualizado: 17/07/2017 16:20
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 26898
 Re: Delírios
verdadeiro momentos onde o sentir grita as verdadeiras emoções, dos belos momentos vividos em sentidos