https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, loucamente a beijei

 
Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, loucamente a beijei
 
Dentro do silêncio ouço a tua voz
Meus pensamentos se sussurram quando lembram de ti
Tento me calar, mas os meus sentimentos gritam
Os sentidos se agitam

É aquela paixão que aconteceu de repente
Me faz ficar demente
De ti não quero mais ficar ausente
Em palavras pluralizo o amor somente para você
Sinto-a dentro de meu coração
Os meus olhos para telá tomam a ação

A amo de um jeito que somente eu sei
Choro por você, isso à minha alma confessei
És o amor de minha vida que sempre imaginei
Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, loucamente a beijei

Autor: José Carlos Ribeiro

16/07/2017

Imagens google

 
Autor
martisns
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1061
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
32 pontos
16
4
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 22/07/2017 22:31  Atualizado: 22/07/2017 22:31
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9306
 Re: Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, l...
Boa noite José Carlos,teus versos enredam um personagem totalmente refém dos afetos amorosos de um determinado alguém, parabéns pelo vosso envolvente poema, um abraço, MJ.


Enviado por Tópico
Transversal
Publicado: 23/07/2017 07:22  Atualizado: 23/07/2017 07:22
Colaborador
Usuário desde: 02/01/2011
Localidade: Fortaleza - Lisboa
Mensagens: 3687
 Re: Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, l...
e agora o que dizer José Carlos Ribeiro, meu bom amigo martisns?
quando se sente todo o amor apenas pelo leve toque de braços, ou pelo beijo.
Aqui para nós que ninguém nos ouve... "loucos são os que nunca amaram", o resto é conversa, principalmente quando os "pensamentos sussurram".
és um caso único, e ainda bem que assim és.

Grande abraço


Enviado por Tópico
Nininha
Publicado: 23/07/2017 11:46  Atualizado: 23/07/2017 11:46
Colaborador
Usuário desde: 14/04/2016
Localidade:
Mensagens: 1717
 Re: Senti todo seu amor P/ martisns
Olá martisns;

A leitura trouxe-me à memória a força da paixão! Que bonito, meu amigo
Gostei muitíssimo de ler! Parabéns!
Um abraço com amizade


Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 23/07/2017 13:35  Atualizado: 24/07/2017 10:11
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 6498
 Re: Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, l...
Poema sensual, escrito com sensualidade do poeta, deixa gritos sensuais na alma de quem o lê.

Amigo martisns, a sensualidade não lhe falta e isto reflecte em bons poemas com que nos presenteia.

Abraço!
upanhaca


Enviado por Tópico
veríssimo
Publicado: 31/07/2017 18:22  Atualizado: 31/07/2017 18:23
Colaborador
Usuário desde: 31/12/2008
Localidade: Contagem - MG
Mensagens: 815
 Re: Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, l...
Nunca haverá uma cerca
haverá sempre o calor
de uma boca
o doce desejo do abraçar

abraça-me-me-que-te-abraço-também!!!!


Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 31/07/2017 19:31  Atualizado: 31/07/2017 19:31
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8696
 Re: Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, l...PARA MARTINS
Aqui só se lê o amor transbordante, a paixão vulcânica e os prazeres ...ah, os prazeres !!!

Parabéns querido poeta apaixonado!
Bjoss


Enviado por Tópico
Ana_She
Publicado: 03/08/2017 06:09  Atualizado: 03/08/2017 06:09
Da casa!
Usuário desde: 15/04/2017
Localidade:
Mensagens: 287
 Re: Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, l...
Bom dia, Martisns !

Amor perfeito. Linda poesia. Parabéns!

Abraço fraterno

Ana


Enviado por Tópico
ania
Publicado: 08/08/2017 14:22  Atualizado: 08/08/2017 14:22
Super Participativo
Usuário desde: 28/07/2016
Localidade:
Mensagens: 174
 Re: Senti todo seu amor quando em meus braços a peguei, l...
Lindos e envolventes versos poeta...parabéns...é prazeroso te ler!
abraços, ania..