https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Receio ser eu mesmo nada.

 
Receio ser eu mesmo nada.
 



(Receio ser eu mesmo, nada)




Quem sucumbiu não fui eu,
A cento e um alvor e nada,
Nada tenho que não seja
A lua parda, parada, presa

A cem mais uma almas
Frágeis, de vidro que trago
Penduradas, místico eu
Que me ocupo da dor d'mais

E morro todas as madrugadas,
Treino o finito e o perecível
Que é o corpo sem asas,
Cubro-me de pássaros e vidros

Frágeis quanto as almas
Que trago ao cinto penduradas,
Nas pernas presa a lua parda
Diz-me adeus, minto; me chama

No escuro da noite, tão clara
Quanto o brilho das minhas almas
Mil e uma que trago na cintura,
Tão finitas frágeis e sem asas,

Místico eu de madrugada e à noite
O luar meu culto, ramos palácios
Onde ressuscito sereno, sem fim,
Quem sucumbiu não fui eu,

Mas o receio de ser eu mesmo
Nada.




Joel Matos (09/2017)
http://joel-matos.blogspot.com



Joel Matos , aliás namastibet

 
Autor
Joel-Matos
 
Texto
Data
Leituras
1104
Favoritos
5
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
62 pontos
12
5
5
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Joel-Matos
Publicado: 24/09/2017 16:06  Atualizado: 24/09/2017 16:06
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Azeitão/Setúbal, Portugal
Mensagens: 2027
 Re: Receio ser eu mesmo nada.
Open in new window


Enviado por Tópico
Rafaelcarma
Publicado: 24/09/2017 21:28  Atualizado: 24/09/2017 21:28
Da casa!
Usuário desde: 24/07/2017
Localidade: Brasil, Santa Catarina, Navegantes
Mensagens: 242
 Receio que eu seja
Receio que eu mesmo seja um fã desta tua poesia.

Enviado por Tópico
Jorge-Santos
Publicado: 02/10/2017 17:44  Atualizado: 02/10/2017 17:44
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Azeitão/Setúbal, Portugal
Mensagens: 2000
 With not colored ink
"I dream of Writing and then I write my dream like a painter paints his dreams With not colored ink"



Open in new window


Enviado por Tópico
Joel-Matos
Publicado: 10/10/2017 09:39  Atualizado: 10/10/2017 09:39
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Azeitão/Setúbal, Portugal
Mensagens: 2027
 Re: Receio ser eu mesmo nada.
Francis Bacon (Last Opera)

Open in new window

Enviado por Tópico
Jorge-Santos
Publicado: 10/10/2017 11:39  Atualizado: 10/10/2017 11:39
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Azeitão/Setúbal, Portugal
Mensagens: 2000
 Re: Receio ser eu mesmo nada.
Open in new window



Damas de Azul
Francois Cauvin

Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 10/10/2017 12:33  Atualizado: 10/10/2017 12:33
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12514
 Re: Receio ser eu mesmo nada. P/Joel-Matos
...recear não receio, sei que sou um nada! Mas há quem seja muito e incluo-o, sim? Abraço e tudo de bom Vó


Enviado por Tópico
Joel-Matos
Publicado: 09/11/2017 16:09  Atualizado: 09/11/2017 16:09
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Azeitão/Setúbal, Portugal
Mensagens: 2027
 Re: Receio ser eu mesmo nada.
Open in new window