https://www.poetris.com/
Poemas -> Sombrios : 

"Repetição,"

 
Tags:  just like her  
 


"Duvida da luz dos astros, de que o Sol tenha calor, duvida até da verdade, mas confia em meu amor."

(Hamlet) Ato II, Cena II









da exclusão!
deste inverso insólito,
ao desafio de mim
ao mote que te levanta
em cálida febre, a este fim!
alimento me seria qual deserto
linha de não mais te lembrar
a repartir um dia teu, incompleto,
lá.. (e)voltar e voltar
e nem torrentes fartas te seriam,
ou fé à sua metade!
por ser um livro solto..
corpo desperto, revolto, e. ave!
seja asa-frente(que te leva sempre!)
e até à queda-livre
sejam estas letras, hoje!
sejam-te fixas, acima, tais crises
mas é tudo tão desigual!
por ensaios nunca retornados..
das paredes insistentes!
das que caem
a seus solos escassos
ou descidas do próprio pensamento
alvo visto de outro espaço
porque é. tudo tão desigual..
alvo dela,(correndo ali) parado
e ela me serve nestas linhas!
breve ilusão minha de parecer!
outro passo invisível
em derredor ao inferno de não-ter..





..e repetir,






inclusão intitulada! cada vez maior em percepção..
da alcunha em paredes aos olhos invisíveis, o chão.
um lado! longe.. sem palavras, nem risos, ou. a isto.
nem mesmo um pouco do caminho alheio e ilícito

torna-se: tentação! atrevimento.. passo de cada, e
torna-se, à forma, a causa de crer o teatro que se lê.
fosse exceção, e eu contestaria! (de revoltar por ela)
fossem quedas e eu as desceria.(morrer à sua espera)

mas, não existe! ainda do tanto que esta linha insiste
ao limite em riste contrato à face que não tem a sua cor
não existe a pátria de um corpo deixado à mostra de cá..

é apenas um soneto caído, embora atrevido e propulsor
pois, advem da linha única que um dia, a si, encontrará..
e o que te fizer ao que te fica! a este pecado que resiste!








..e torna a te caminhar.

 
Autor
Azke
Autor
 
Texto
Data
Leituras
109
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
1
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 13/03/2018 12:29  Atualizado: 13/03/2018 12:29
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 15733
 Re: "Repetição,"
Azke
Acredito que repetições não são coincidências! Belíssimo poema! Parabéns! Levei!

Janna