https://www.poetris.com/
Prosas Poéticas : 

Dá-me a tua mão

 
Open in new window

Tento imaginar a ligeira inclinação
Que se trespassa no teu olhar
Naquela vontade
que aclama pelo calor...
O teu e o meu.
E neste tempo, espero,
As mãos que cedem
Toque terno e suave
que no meio da noite
Leva-me mais longe…
Visto não ter morada fixa
entre os mortais
Leva-me contigo…
Deixa-me testar
O deserto que partilhas,
O oásis onde descansas,
A praia onde caminhas…
A minha ambição, casa-se com a tua,
E nesta transformação
Acontece a magia do inesperado,
Do momento, da ocasião,
Do espanto, de ti…
Não consigo perpetuar
mais este canto,
Sem ter a tua mão
que o complete comigo,
Sem a tua estrofe,
os teus versos…a tua oração…
Vem, agarra a minha mão agora
E deixa-me guiar-te,
Para esse lugar eterno,
O Olimpo dos que amam,
No doar sem cessar…
Demanda outro mar,
Questiona a existência, o universo,
Os deuses e o mundo…
Apenas promete-me,
Que jamais duvidarás
Desta mão que te afaga…

CA

 
Autor
Carii
Autor
 
Texto
Data
Leituras
139
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
26 pontos
6
2
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
nereida
Publicado: 12/04/2018 13:23  Atualizado: 12/04/2018 13:23
Colaborador
Usuário desde: 27/08/2017
Localidade: São Paulo
Mensagens: 601
 Re: Dá-me a tua mão
Mãos que afagam, que dizem tudo em pequeno gesto Lindo! Bjs querida.


Enviado por Tópico
verasalviano
Publicado: 13/04/2018 08:12  Atualizado: 13/04/2018 08:12
Da casa!
Usuário desde: 16/08/2017
Localidade: Minas/Brasil
Mensagens: 491
 Re: Dá-me a tua mão
Carii,
Essa magia do inespetado resultante do "dar a mão" conduz ao que vai ao encontro dos nossos mais íntimos desejos.
É amor...É loucura....É paixão!
É o estar junto com o que nos apraz e satisfaz.

Meu abraço

Vera Salviano


Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 17/04/2018 02:10  Atualizado: 17/04/2018 02:10
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 13203
Online!
 Re: Dá-me a tua mão
Fui contigo nas asas deste poema, de mãos dadas. Beijo-te!