https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

PLÁGIO de novo e de novo....não adianta deletar.

 
PLÁGIO de novo e de novo....não adianta deletar.
 
**

O plágio é realizado por essa pessoa por anos e vocês acatam, aceitam e ainda dão vivas.
Agora teve a cara de pau de plagiar uma autora do Luso!
E Deus salve a Santa dos Prints.
Já fiz. E vou fazer sempre que perceber plagio.
Denunciei aqui...mas não há mais moderação.
O ultimo texto tbem é plagio de uma autora do Recanto das Letras> maria eli.
Avisei a autora.
Eu quero ser avisada.
Pois mesmo que o meu verso seja medíocre ele é MEU.
Eu realmente perco totalmente a vontade de estar aqui por essa razão.
Já denunciei ttas vezes.
Vocês gostariam de serem plagiados por ela?
Eu não.
Se ela colocasse a devida autoria...mas nunca coloca.
Sai e entra do site e a prática continua.
Se ela escrevesse um verso seu que fosse...
Isso empobrece esse que já foi um site de referencia de produção literária.
Eu desisto,

k*


Plagiando Gloria Salles

Já me desnuda, só com esse olhar mavioso
Interrompendo a vida, suscitando os desejos
No meu coração põe asas, num vôo perigoso
Diluo-me lentamente, no doce dos teus beijos

Traz um poema nos lábios, as borboletas desperta.
Pupilas dilatadas, já não penso, corpo sem defesa
Vemos encantados dos nossos corpos febris à festa
A cumplicidade esperada, mantém a chama acesa

No inflamar dessa mistura, calor e emoção se junta
Provoca-me arrepios, sorrisos bobos, somos só alegria
Empresta vida aos meus versos, dá cor a minha poesia

Nesse palco de volúpias, me vê mais fêmea que nunca
Nesse roçar de pele, ritual envolvente de pura paixão
Entre versos minhas rendas, vemos esquecidas no chão.


https: Maria Laís


Leia mais: https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=336524 © Luso-Poemas

Esse soneto é da Gloria:

"Entre rendas e poemas" - Soneto

Já me desnuda, só com esse olhar mavioso
Interrompendo a vida, suscitando os desejos
No meu coração põe asas, num vôo perigoso
Diluo-me lentamente, no doce dos teus beijos

Traz um poema nos lábios, as borboletas desperta.
Pupilas dilatadas, já não penso, corpo sem defesa
Vemos encantados dos nossos corpos febris à festa
A cumplicidade esperada, mantém a chama acesa

No inflamar dessa mistura, calor e emoção se junta
Provoca-me arrepios, sorrisos bobos, somos só alegria
Empresta vida aos meus versos, dá cor a minha poesia

Nesse palco de volúpias, me vê mais fêmea que nunca
Nesse roçar de pele, ritual envolvente de pura paixão
Entre versos minhas rendas, vemos esquecidas no chão

Gloria Salles


Leia mais: https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=57967 © Luso-Poemas

 
Autor
karinna*
Autor
 
Texto
Data
Leituras
365
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
20 pontos
16
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/06/2018 18:02  Atualizado: 04/06/2018 18:02
 Re: PLÁGIO de novo e de novo....
Complicado isso.

Tremendamente desagradável essa situação de autores sendo plagiados constantemente, sem que a direção do Luso se posicione em defesa dos autores que fizeram e tem feito desse um excelente veiculo de exposição de sua escrita.

A autora esta repleta de razão e, não é a única a sentir-se "enojada" e com ganas de desistir do Luso. Em tempos não muito distantes, Rosemary, outra belissima poetisa tambem foi alvo de situação semelhante, veio a publico, denunciou e... silencio constrangedor por parte de um site tão singular como é o Luso.

Até quando?


Enviado por Tópico
Rogério Beça
Publicado: 04/06/2018 18:14  Atualizado: 04/06/2018 18:14
Colaborador
Usuário desde: 06/11/2007
Localidade:
Mensagens: 1536
 Re: PLÁGIO de novo e de novo....
É verdade que essa não-autora entra sai do site consecutivamente.
Já da última vez que cá andou foi acusada de roubo.
Há quem tenha a fé de venha a escrever algo seu.
Acredito que escreva. Ainda que mal.
É preciso tomar uma decisão.
Isto não se faz.
Ainda bem que temos pessoas atentas como tu.
Nunca mereceu as minhas leituras.
Agora apenas merece o meu desprezo...

Bem hajas.


Enviado por Tópico
Branca
Publicado: 04/06/2018 18:41  Atualizado: 04/06/2018 18:41
Colaborador
Usuário desde: 05/05/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 2961
 Re: PLÁGIO de novo e de novo....
....Desagradável.... Intolerável.

Minha amiga, seu repúdio é meu e de muitos!
Infelizmente a infelicidade de muita gente reflete em sórdidos atos. Plagiar é inveja, pequenez de caráter diante da auto impotência.
E por favor Karinna, teus versos estão longe de serem medíocres, medíocre é essa pessoa.
Beijo querida.


Enviado por Tópico
Juanito
Publicado: 04/06/2018 18:53  Atualizado: 04/06/2018 18:53
Colaborador
Usuário desde: 26/12/2016
Localidade: España
Mensagens: 2603
 Re: PLÁGIO de novo e de novo....
Estimada poetisa, plagiar é roubar a obra de outra pessoa.

Se alguém quer escrever um poema que não é da sua autoria tem que fazer duas coisas:

1º Pedir autorização ao autor ou autora do poema que quer reproduzir.

2ª Indicar com toda claridade quem é o autor ou autora da obra, e que foi autorizado por ele ou ela para a reproduzir.

Muito obrigado por denunciar!

Um abraço!


Enviado por Tópico
karinna*
Publicado: 04/06/2018 23:01  Atualizado: 04/06/2018 23:01
Super Participativo
Usuário desde: 26/11/2017
Localidade:
Mensagens: 135
 Re: PLÁGIO de novo e de novo....
***

Enviado por Tópico
karinna*
Publicado: 09/06/2018 03:50  Atualizado: 09/06/2018 03:50
Super Participativo
Usuário desde: 26/11/2017
Localidade:
Mensagens: 135
 Re: PLÁGIO de novo e de novo....não adianta deletar.
*texto plagiado deletado.
Vamos ver qual será o próximo plágio que vai postar pois seguindo a linha de ação dessa senhora, tem dez anos q faz isso, com certeza continuará.
A moderação do site nem dá bola e parece que o compadrio de comentários realmente, praticado por muitos, não se importa com o plágio, desde que se comentem...
Muito triste tudo isso. Muito
K*

Enviado por Tópico
cavaleiro.sem.dama
Publicado: 06/12/2018 08:40  Atualizado: 06/12/2018 10:54
Da casa!
Usuário desde: 28/01/2017
Localidade:
Mensagens: 266
 Re: PLÁGIO de novo e de novo....não adianta deletar.
Francamente começo a gostar da maria laís, nunca se falou aqui tanto numa pessoa, poeta ou não.
Como alguém um dia disse (não sei bem se por estas palavras a conotação é esta) "falem bem ou mal de mim, falem... o que interessa é que falem" e nesse ponto quebra todo o compadrio de comentários entre uns e outros para saírem do casulo e "desagradadamente" falarem na dita criatura que começa sinceramente a divertir-me e a despertar-me curiosidade
vou ver se lhe encontro o perfil :)




Enviado por Tópico
sendoluzmaior
Publicado: 08/12/2018 10:05  Atualizado: 08/12/2018 10:15
Subscritor
Usuário desde: 01/05/2012
Localidade:
Mensagens: 4319
 Re: PLÁGIO de novo e de novo....não adianta deletar.
Como o Ricardo não toma atitude alguma em relação ao Luso, nós os usuários deveríamos fazê-lo de forma aberta, clara e escancarada. Karinna, de forma clara dê o nome da plagiadora, ou o seus perfis.
Detesto cópias, fakes e similares.
Gostou de um poema, texto, etc... publique o nome do autor, isso é o mínimo que se espera de quem não é demente. As vezes, falo do Ricardo sem saber se ele ainda perambula pelo mundo dos vivos. Perdi a conta das inúmeras tentativas de fazer contato com ele. Agora vou tentar via bola de cristal.