https://www.poetris.com/
Poemas -> Sombrios : 

Solidão de outono feita

 
Tags:  vida    poemas    sombrios  
 
se me sabes de dia,
nas noites preencho o
teu desconhecer,
sei-me cultura estranha
do teu sorriso,
imperador morto e
sem descendência
dos contornos do teu corpo,
a cavalo,
percorro quilómetros
sem cor em
estepes,
por entre o teu cabelo
que arde no imenso
de um leito,
que jaz como poema incompleto....

às vezes,
parte do que
aqui foi feito
desfaz-se em diamante,
sem que entenda
o andrajoso de estar só,
sem a liberdade
outonal de estares
presente

 
Autor
joanazdemelo
 
Texto
Data
Leituras
63
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Namas-tibet
Publicado: 11/06/2019 12:38  Atualizado: 11/06/2019 12:38
Colaborador
Usuário desde: 17/07/2018
Localidade:
Mensagens: 780
 Re: Solidão de outono feita
se me sabes de dia,
nas noites preencho o
teu desconhecer, ?