https://www.poetris.com/
Poemas : 

No outro lado do cais

 
Deambular entre a luz e a sombra
atravessar os caminhos da memória
paredes-meias com rios suspensos e utopias silenciadas.

O tempo a escorrer por entre os dedos
em telas preenchidas de medos e anseios.

O verso a desenhar as marcas da lucidez
nas linhas que me conduzem
ou na profundidade das águas que me envolvem.

No desassossego das pontes
a luz refletida na voz solitária da palavra
e no silêncio que cai da oscilação das marés.

 
Autor
Briana
Autor
 
Texto
Data
Leituras
69
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.