https://www.poetris.com/
Poemas : 

Raiva, fúria e ódio - porquê e para quê?

 
Vivem todos de forma despropositada
E de atitudes tão incompreensíveis
Que virando-os não deitam nada

Um dia destes veremos falir
Países, bancos, empresas e pessoas.




 
Autor
Petrônio
Autor
 
Texto
Data
Leituras
95
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
bitcoin
Publicado: 11/10/2019 01:00  Atualizado: 11/10/2019 01:00
Da casa!
Usuário desde: 05/09/2019
Localidade:
Mensagens: 267
 Re: Raiva, fúria e ódio - porquê e para quê?
não vamos ver nada porque já estão todos falidos. é uma vida de aparência. este ano ainda estávamos em junho e já tínhamos consumido tudo que podíamos consumir este ano. ou seja, consumo intensivo cultivo intensivo. está tudo falido por isso tudo irá desaparecer, melhor, já tudo desapareceu. andamos a inventar e entretanto desaparecemos porque inventamos uma forma de desaparecer e nem vamos dar por ela. não estou louco não. eu fiz um teste.... eheh um bom fim de semana