https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Preso em Liberdade: Parte VIII

 
Liberdade, ó doce sensação, o que será, enfim?
Uma idéia? Algo inerente a mim e a todo Ser Humano?
Uma utopia? Um ser-livre-em-si-mesmo?
(fechado, só... uma concha?)
Só, não há liberdade: esta depende (como tudo!) de um oposto,
algo que a faça valer, existir...

 
Autor
Rafael007
Autor
 
Texto
Data
Leituras
221
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.