https://www.poetris.com/
 
Textos -> Crítica : 

Uma terra sem lei

 
Tags:  luso-poemas  
 
O Luso-Poemas hoje assemelha-se a uma terra sem lei, uma selva distante da civilização onde sobreviver torna-se uma façanha e tanto. A caça é livre, caçadores inescrupulosos perscrutam todo tipo de presa, querem seus troféus a custa da dor e sangue alheio. Não têm apatia para perceber nem a própria dor, dirá a alheia. Em alguns pontos desta selva a vegetação é tão fechada que a luz não penetra. Impiedosa, a morte está por todos os caminhos. Os caçadores desprezam a vida e encontram prazer na morte.

Open in new window
Da imagem: Caçador alemão mata o maior elefante do Zimbábue.
 
Autor
sendoluzmaior
 
Texto
Data
Leituras
296
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.