https://www.poetris.com/
Poemas -> Sombrios : 

"Disperso,"

 
Tags:  assim..  
 

"Amei-te, um dia."

(Hamlet) Cena I, Ato III









imaginário sonho gasto
livra-me de nunca prever
o mais longo e árduo rastro
qual deveria eu, compreender

felicita-me! em alegoria voraz
da manhã tediosa, música final
(uma moeda de passagem te faz)
só na relva de mensagem desigual

alicia-me.. a um crime desfeito
a um ponto da vertigem que aceito
eu prevejo a pretensão de te servir

o inteiro linho impuro, que te despir
eis-me.. versado, tão descalço e aqui
ao tempo comparado do que não te vi





..e nem sei ainda no quê não desisti...


(just like that)
 
Autor
Loki
Autor
 
Texto
Data
Leituras
67
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
0
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.