https://www.poetris.com/
Poemas : 

[Equilíbrio]

 
[Equilíbrio]

Tão perto, tão distante
Euforia e desespero, travam lutas
No coração do errante
Suor e lágrimas se fundem, confusão alarmante.

Pés na terra, cabeça na lua
Olhos que miram o sol
Esquivando-se da estrelas
Luzes que expõe a conciência nua.

Páginas viradas, renovações consumadas
Nada que nos livre da imperfeição instalada
Medo, fera segurada na jaula
Mil pensamentos dão consolo á coragem
Antes de dar um passo fora da sala de aula.

Felicidade esta além do horizonte do sorriso
Atrás da cachoeira perdida no paraíso
Fora da morada da razão, á porta da paciência perdida
Sorrimos,choramos e sagramos dentro de nossas feridas.

Equilíbrio um passo sobre as costas do dia
Outro sobre os seios da noite.
Escorregando entre as barbas do erro,
Contendo os caminhos da euforia,
Acariciando a face do desespero.

 
Autor
Keithrichards
 
Texto
Data
Leituras
126
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
0
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.