https://www.poetris.com/
Poemas -> Solidão : 

Na areia

 
Desenhei, sobre a areia do passado,
Seu leve rosto, rindo para a praia.
Mas sopraram contra ventos grisalhos;
Lavou-o, lacrimoso, o mar calado,
Envolvendo-o em lençol de cambraia.

Ali, sentado ao lado de sua alma,
Soltando a sua mão, vi-a fugir.
A procurei, sem mais acreditá-la,
Sem esperanças, sem sua forma alva,
Sem ti ou guia. Apenas eu, a vagir.

Calei-me, sem esperar que voltasse...
Sozinha, naquela praia isolada,
Restou a lembrança de sua face...
Pedi que ela a si mesma se guardasse,
Como um naufrágio sobre a areia vaga.

 
Autor
WesMic
Autor
 
Texto
Data
Leituras
94
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 29/05/2020 01:15  Atualizado: 29/05/2020 01:15
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 15483
 Re: Na areia
Mais um precioso texto que muito me agrada! Muito bom!

Enviado por Tópico
Matth
Publicado: 14/06/2020 16:03  Atualizado: 14/06/2020 16:03
Novo Membro
Usuário desde: 14/06/2020
Localidade:
Mensagens: 1
 Re: Na areia
Um poema extraido da alma. Incrível