https://www.poetris.com/
Poemas : 

Poema 🍃

 
Lentamente
Passo a passo
Caminho no silêncio das palavras
No eco do meu sentir
Rio meu
Margem nua
Transbordando no seu caudal
Corrente visceral
Por um pouco, muito pouco
O teu sentir será meu
E eu, tua
Minha sina de menina
Lentamente
Passo a passo
Ao encontro da foz
Mar da minha voz
No silêncio te abraço
As palavras entrelaço
Para te oferecer o poema
Rio teu
Margem nua
Sol e lua
Por pouco, muito pouco
Serás meu
Serei tua.


Marina Neuza Barbosa

 
Autor
Marineuza
Autor
 
Texto
Data
Leituras
115
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
4
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Juanito
Publicado: 01/07/2020 00:04  Atualizado: 01/07/2020 00:04
Colaborador
Usuário desde: 26/12/2016
Localidade: España
Mensagens: 2921
 Re: Poema 🍃
Por pouco, por muito pouco, os sonhos ficam sendo realidade. Mesmo assim o rio continua a fluir.

Meus parabéns pelo belo poema!

Um abraço!

"Este amor meu é como um rio; um rio 
Noturno interminável e tardio 
A deslizar macio pelo ermo 

E que em seu curso sideral me leva 
Iluminado de paixão na treva 
Para o espaço sem fim de um mar sem termo."

(Vinicius de Moraes)


Enviado por Tópico
Juvenal Nunes
Publicado: 01/07/2020 16:16  Atualizado: 01/07/2020 16:16
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2013
Localidade: Douro Litoral
Mensagens: 508
 Re: Poema 🍃
Sempre que o rio transborda a margem sente sempre o pulsar do seu caudal.

Juvenal Nunes