https://www.poetris.com/
Poemas -> Sombrios : 

"Declive,"

 
Tags:  WANTED  
 

"Com estas flores pensava, doce donzela , adornar teu leito nupcial e não espalhá-las sobre tua sepultura."


(Hamlet) Cena I, Ato V












estrela da manhã anunciada e pendente
eleva minha fúria por sobre todas as marés
inquira esse fogo que implico em lenha da fé
louva-me o nome em fome do caos residente

curva-me à vontade e me mostra o que posso
meu vento que derrubará as portas dela, então
eu quero o reino de todas as quedas em seu chão
dobra-me à presença e me completa esse voto

eu sei das minhas exceções e me ponho a rever
todas as vezes que ela gritar, tudo que venha a ser
eu quero a marca em seu corpo e a lima proposital

a única casa sem janelas e um ensaio de degraus
sobe.. desce.. não haverá fim e outra luz, não findará
deita-lhe fogo.. e devasta a prepotência de se povoar,








-






Proibida a entrada de parasitas!(sob pena de retaliação posterior)

 
Autor
Hv|s
Autor
 
Texto
Data
Leituras
144
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
17 pontos
5
2
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
karinna*
Publicado: 26/10/2020 04:43  Atualizado: 26/10/2020 04:43
Da casa!
Usuário desde: 26/11/2017
Localidade:
Mensagens: 206
 Re: "Declive,"
*como já te disse, qdo estou por aqui melhor, não tão débil, ou vou e volto conforme minha fragilidade me permite...tu és leitura obrigatória para mim. Tua poesia extrapola o banal, a riqueza do vocabulário mesclado ao intenso sentir que tu evocas, se fosse escrito com lápis, com certeza o papel rasgaria. Sinto a força da tua poética no teu punho, como se fosse não um simples deambular, mas toda a tua força, o teu sentir extremado, em versos pontuado. Criticam-me por vezes, por te comentar, por elogiar a tua enigmática poética. Pois eu digo que minha sensibilidade, enxerga, lê, sente, o âmago do q tens no interior. Que não é somente DOM, eu sinto o teu sentir. Talvez eu seja uma feiticeira, com poderes de ler o que ninguém leu. Fã. Sempre. E nada me tira isso. Beijo-te.



Enviado por Tópico
ZESILVEIRADOBRASIL
Publicado: 07/11/2020 03:16  Atualizado: 07/11/2020 03:16
Membro de honra
Usuário desde: 22/11/2018
Localidade: RIO - Brasil
Mensagens: 406
 Re: "Declive,"
... então és tu, amiguirmão? que bom! pois vos digo; óbvia minha real incapacidade de acrescentar ou apor qualquer senão após o que dito pela nossa querida poeta Karinna. igualmente muitas vezes criticaram-me também, (mandei-os à merda ou coisa mais chula!), por aproximar-me de ti, pessoa que respeito e admiro, e tentar interagir à sua poética... fato; já satisfaz-me o prazer de elogiar sua intrínseca e enigmática exposição literária... não cabe a qualquer intérprete... me salva é a impetuosidade, teimosia ao desconhecido, às entrelinhas quase um adivinhador; assumo os riscos...rs
sensibilidade? afã de saber? talvez! fico por aqui!
te amo irmão! meu grande abraço caRIOca!