https://www.poetris.com/
Poemas : 

Poder hostil

 

Ao pôr do sol


Não há mais sepulcros, os louros ardem...

Não há mais sonhos de vida, só sombras  e vácuos.

Se o encanto
falasse...
-Ah, qual música  escolher!

O cair da tarde
resmunga ao  divino:
-Que pétalas    chochas!

As pétalas  gemem,
gemem espavoridas.

Os ares bicavam as  ondas...
O  sonho  mangava ferido.

Vida já  não havia  na proa.
Na proa já  não havia serão.

- Ó  pélago aturado!
Devolva o que é meu!


Leonor Huntr

 
Autor
Veit
Autor
 
Texto
Data
Leituras
104
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
21 pontos
5
4
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Legan
Publicado: 23/02/2021 08:30  Atualizado: 23/02/2021 08:30
Da casa!
Usuário desde: 26/01/2010
Localidade: Algures em Trás-os-Montes
Mensagens: 494
 Re: Poder hostil
Ao pôr do sol tudo muda...

Belo, melancólico e profundo.

Abraço

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 23/02/2021 11:59  Atualizado: 23/02/2021 11:59
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6823
 Re: Poder hostil
Uma grandeza poética que ativa aquele sentimentos belos poéticamente

Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 23/02/2021 17:18  Atualizado: 23/02/2021 17:18
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade:
Mensagens: 644
 Re: Poder hostil
Sensacional. Que bela construção... me encantastes... podes me contar qual é a música? Abraços.

Enviado por Tópico
Correa
Publicado: 28/02/2021 04:27  Atualizado: 28/02/2021 04:27
Participativo
Usuário desde: 28/02/2021
Localidade:
Mensagens: 26
 Re: Poder hostil
"Se o encanto
falasse...
-Ah, qual música escolher!"

tantas...fica com Deus minha amiga

Enviado por Tópico
RayNascimento
Publicado: 28/02/2021 21:12  Atualizado: 28/02/2021 21:12
Membro de honra
Usuário desde: 13/03/2012
Localidade: Monte Roraima - Brasil
Mensagens: 6455
 Re: Poder hostil
Empity Garden bem a minha cara.
Belíssima inspiração que parace um beijo do sol na terra que pinta de dourado tudo que ver pela frente.
Ray Nascimento